Skip to content

Horário ampliado dos bares na Cidade Baixa se torna definitivo

02/08/2012

Audiência pública lotou Salão Paroquial na Cidade Baixa Foto: Ivo Gonçalves/PMPA

A comunidade votou pela continuidade da ampliação do horário de funcionamento dos bares e restaurantes na Cidade Baixa. A decisão foi tomada durante audiência pública, nesta quarta-feira, 1, realizada no Salão Paroquial da Igreja Sagrada Família. Participaram representantes dos moradores, empresários, funcionários dos estabelecimentos comerciais, músicos e frequentadores do bairro. A maioria votou a favor de um decreto com prazo indeterminado, que vai tornar definitivo o horário de funcionamento até à 1 hora da madrugada de domingo a quinta-feira e até às 2 horas nas sextas, sábados e vésperas de feriado.

A votação foi realizada depois que o Secretário da Produção, Indústria e Comércio, Omar Ferri Júnior, apresentou o resultado dos 90 dias de ações integradas, período de vigência do Decreto 17.766, que ampliou o horário e teve caráter experimental com validade até 31 de julho. “O número de bares e restaurantes formalizados aumentou e as denúncias de moradores por perturbação do sossego foram reduzidas a casos isolados, nos quais nós vamos continuar trabalhando.” disse Ferri Júnior. A Brigada Militar e a EPTC também mostraram dados estatísticos comprovando a redução da criminalidade e das infrações de trânsito no bairro com a regularização da atividade noturna e as constantes fiscalizações. 12 representantes da comunidade também se manifestaram.

O novo decreto deve ser assinado ainda esta semana pelo prefeito José Fortunati, mas a decisão da comunidade de ampliar o horário será respeitada pela Prefeitura de Porto Alegre também durante os dias em que nenhum decreto está em vigor.

Prefeitura de Porto Alegre

About these ads
14 Comentários leave one →
  1. Adriano permalink
    02/08/2012 14:28

    2h da manhã de um sábado. O nome da cidade deveria ser mudado logo para Porto Xôxo ou Porto Morto de uma vez.

    • 02/08/2012 14:31

      Ótima ideia. Vamos propor um plebiscito para mudar o nome da cidade ?

    • Carlos Fernando permalink
      02/08/2012 17:33

      Cama Melancólica

    • marcelo permalink
      02/08/2012 17:45

      Shoping Careta.

  2. JULIÃO permalink
    02/08/2012 14:53

    Pra mim os bares poderiam ficar abertos 24 hs do dia, mas teriam de ter alguma forma de isolamente acústica para funcionar depois da meia noite. E essa regra deveria valer para toda a cidade, sem exceções.

    • 02/08/2012 16:24

      É eu acho que não se aplica por exemplo ao Opinião e outras casas noturnas que possuem isolamento acústico, o problema é aqueles “bares” que, fica uma cambada de maloqueiro na frente, bebendo cerveja e mijando no chão.

      • Adriano permalink
        02/08/2012 16:37

        “Cambada de maloqueiro”. Só tem maloqueiro na Lapa, no RJ, por exemplo na tua bem estruturada opinião. Cruzes…

      • 02/08/2012 16:55

        Sim, então melhor deixar como está não é? onde qualquer um que tenha um freezer e uma garagem na cidade baixa pode vender bebidas como bem entender, no horário que quiser. Queria ver se fosse tu que tivesse a porta mijada todos os dias.

      • 02/08/2012 16:37

        Eu particularmente frequento alguns bares com mesas na calçada, na República. Praticamente há 10 anos eu frequento o bairro. Nunca vi uma baderna nestes bares. Tem varios cafés, pequenos, bares somente com pessoas de classe media. São ótimos os bares. Acho o que acontece muito na verdade é uns poucos baderneiros ocasionarem este problema para todos os bares do bairro.

      • 02/08/2012 17:00

        Passa na João Alfredo por volta das 4h da manhã, ali nas imediações do Be Happy, realmente na Republica é um pouco mais civilizado.

  3. Guilherme permalink
    02/08/2012 16:45

    Se proibirem de ficar na rua, vão alegar que a rua é publica e que estão tirando o direito de ir e vir…. se liberam, reclamam da bagunça….

    Bom é que vejo mendigos mijando e cag*ndo todos os dias em varios locais da cidade, fazendo bagunça tambem, mas não vejo ninguem reclamar disso… haha

    • RicardoUK permalink
      02/08/2012 18:16

      Nem tente propor algo contra o habito dos mendigos de cagar na via publica e trepar nos parques ‘a luz do dia, se nao a Mafia do Social vai cair em cima de ti em defesa dos direitos dos mendigos e travestis de cagar e trepar onde bem entenderem…

      • Guilherme permalink
        02/08/2012 19:53

        Da nada, até entro na briga com essas xiitas aqui no blog… haha
        Não vão ser meia duzia de malas que vão fazer eu mudar minha opinião…

      • 03/08/2012 0:47

        Eu já vi um mendigo defecando na Dr. Flores em frente ao Alcides Maya, era mais ou menos umas 2 horas da tarde, no verão !! hahaha, cena lamentável, já se passaram 3 anos e ainda não consegui me recuperar totalmente.

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 5.764 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: