Câmara ignora contradições e insiste em votar projetos do Grêmio e Inter

Entre os dias 20 e 30 deste mês a Câmara de Vereadores de Porto Alegre votará os projetos que modificam drasticamente o regime urbanístico dos bairros Azenha, Menino Deus e Humaitá, visando atender os interesses do Grêmio e do Internacional.

Em caso semelhante que corre na Câmara, a prefeitura e os vereadores resolveram vetar proposta parecida, mas muito mais benigna, apresentada pelo projeto Pontal do Estaleiro. Para o caso, prefeitura e vereadores querem referendo popular.

O vereador Luiz Braz, de olho na contradição, já defendeu que pelo menos no que diz respeito ao projeto do Inter, que interfere como o Pontal do Estaleiro, na paisagem da orla, também um referendo será necessário. A posição de Braz não é isolada.

Políbio Braga

___________________

Referendo para estes projetos, em especial do Inter, será o decreto de não realização da Copa em Porto Alegre. Que pena !



Categorias:ORLA

Tags:, ,

%d blogueiros gostam disto: