O que pensa o portoalegrense

O texto abaixo, de um blog,  não é de nenhuma entidade ambiental nem de algum outro grupo contra-tudo.  É somente o Blog Zona Sul, do jornal Zero Hora.

Abaixo estão 100% dos comentários.

Notem que todas as menções ao Pontal foram de medo, ou então crítica feroz.

___________________________

 Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 13h03min

É óbvio que não… não há planejamento, não se escutam urbanistas, arquitetos e ecologistas. O que importa é lotear a cidade.É só olhar o nível dos nossos vereadores, Haroldo e Brasinha (aargh).. a cidade virou um curral eleitoral. “Lideranças” nos bairros tem a visão muito estreita, quando não enxergam nada mesmo. Dái apresentam a proposta do pontal que é só o começo do “aproveitamento dos 71 km” de orla de porto alegre, presente do “secretário da copa” Fortunatti. Povo culto e politizado…

                                

Nome: Luciano lejes Pereira
Email: lucianolejes@hotmail.com
Cidade: porto alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 12h54min

Junto com a agressiva investida imobiliária vem o transito congestionado, maior espaço de comercio, congestionamentos, violencia no transito e crimes. Não sei até onde a zona sul resistirá!!!

                                

Nome: Carmencita Hessel
Email: kkr1@terra.com.br
Cidade: Porto Alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 11h57min

Luiz Antonio, é óbvio que não, olha só aqui no Cristal novamente abrirm buracos, as sinalizações continuam as mesmas que postei lá em fevereiro, ou seja tudio igual, nossas lixeiras roubadas e ainda nada, tu achas que alguem vem aqui? e o pior muitos moram na zona sul, motivo de riso né? obrigada pelo post e parabéns,

                                

Nome: Sid
Email: ashertel@oi.com.br
Cidade: POA
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 11h42min

O plano diretor desta cidade deve ser moldificado para dar premissão que seja construidos edificios de 90 e 120 andares. Chega de provincianismos. Para cada cin co edifícios desse genero deve-se construir um parque de no mínimo 16 hecatres.Acorda Porto Alegre

                                

Nome: Celmiro Lopes da Silva
Email: cmtt1205@hotmail.com
Cidade: Porto Alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 11h04min

Realmente não estão preservando a Zona Sul, mas também é verdade que não preservam a zona Norte. Enquanto existem um desenfreado engarrafemento de concreto, a Zona Norte se vê num desenfreado engarrafamento de favelas que para lá são transferidas. Tem de ver cuidado com todos.

                                

Nome: Bes
Cidade: porto alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 10h37min

a resposta é não: esse pessoal só quer construir selvas de pedra prá tirar o máximo de lucro possivel. Nada mais importa. Arrebentado um bairro, a ganancia em estado bruto parte pro próximo. Morava na Auxiliadora, um bairro maravilhoso há 15 anos, hoje virou uma concretagem só.

                                

Nome: carlos r. neutzling
Email: crncarlos50@gmail.com
Cidade: Joinville
Estado: SC
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 10h26min

Bom dia Luiz Antonio: Acredito que há uma atenção por parte dos responsáveis pelo Plano Diretor mas precisamos ficar atentos pois continuam liberando muitas obras para aquela região. Outrossim, permita-me fazer uma pequena correção: Eles deveriam sim, ir “ao encontro” do interior dos bairros para conhecêlos melhor. Cordialmente Carlos

                                

Nome: Rodrigo
Cidade: POA
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 10h07min

Em 10 anos acabou o “mito” zona Sul, sou morador e estou me conformando, passo pedalando pelos novos empreendimentos e a furia imobiliaria não dá treguas, o engarrafamento parece cidade do interior( piada) quem acha isso nao sai na rua. Abraços

                                

Nome: Vinicius
Cidade: POA
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 09h16min

Realmente estes predios são uma tristeza! Vão destruir tudo que ha de bom neste lado da cidade! Precisamos fazer algo! Salvem a zona sul (o que resta!)

 

 Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 17h21min

Parece que estamos no começo do século 20.. tentando subjugar a natureza. Claro, somos a maior criação de Deus. Toda a natureza deve nos servir. Tudo pelo progresso. Devemos domá-la. “empregos e desenvolvimento”… quem sabe vamos derrubar a amazônia e fazer uma enorme plantação de eucaliptos. Esqueci, vamos começar pelo pampa. Depois que os rios estiverem secos (veja o que já acontece no uruguai) e as empresas longe(é só acabar os incentivos) vamos reclamar pro bispo…

                                

Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 17h13min

Estou contente (ironia)… muitos turistas virão a porto alegre olhar nossos edifícios. Ninguém faz edifícios tão bem como nós. A natureza? Azar, o mundo está pegando fogo mesmo. Prá que se preocupar com ciclovias e parques. Vamos investir em avenidas para as já falidas e insaciáveis montadoras de veículos despejarem milhões de veículos nas ruas. Poluindo e carcomindo nossas finanças pessoais e estatais em vez de cobrar o aproveitamento dos imóveis desoccupados e lutar contra especuladores imobiliários..

                                

Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 16h51min

Se existem “tantos prédios e apartamentos vazios” porque você saúda tanto novos empreendimentos? Justamente os maganos que querem encher a cidade de prédios, tem dinheiro para especular com os imóveis depois. Não vi sua indignação com relação a isso. “O pessoal que fala tanto em reforma agrária”..percebi um viés político nessa sua afirmação. “muito mato pra todo lado”… que raiva da natureza que você tem…

                                

Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 16h48min

Não sabia que o blog era sobre reforma agrária. Quem quiser morar em um pombal rodeado de concreto pode ir para o centro de porto alegre, ou são paulo. Tudo em nome do progresso e desenvolvimento. Não sabia que as incorporadoras que já supervalorizaram o espaço urbano de poa(muitas são de sp, rj, mg) mantinham um funcionário dando palpites aqui no blog. Quem sabe não fazemos um calçadão e enchemos de espigões, até o Lami? O Fortunati iria adorar. Você não trabalha no gabinete dele?

                                

Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 16h40min

Tudo o que importa é o desenvolvimentismo… obras para gerar empregos.. se não tivéssemos essa visão, não existiriam coisas como o minhocão de são paulo… ou o nosso horrível centro de porto alegre. Mas claro, nós os portoalegrenses, sempre na vanguarda, vamos destruir a natureza e depois iremos passar as férias na europa, aonde eles lutam em ter cidades verdes. Quem quiser morar em cubículos, que se mude pra são paulo, tóqui, ou então vá direto para um gavetão dentro de um cemitério.

                                

Nome: thomas
Email: thomasmossmann@gmail.com
Cidade: porto alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 16h36min

Olha, se deixar essa gente permitirá a construção de arranha céus pela Zona Sul. Já degradaram outros bairros, como o Petropolis, na última mudança do plano diretor. PS.: risível o argumento do provincianismo e geração de empregos. Não estamos mais nos anos 70 ou 80, onde esse discurso era válido, hoje em dia mais importante que isso é a qualidade de vida e tutela de direitos difusos que decorrem dele.

                                

Nome: Claudiopoa
Cidade: PORTO ALEGRE
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 15h01min

Viva aos novos empreendimentos imobiliários que geram emprego e maior renda. Quem quiser morar em amplas casas, quase no centro de uma cidade, que paguem mais (IPTU) para isso ou se mudem para o interior, onde existem bucólicas comunidades rodeadas de muito mato por todo lado. Aliás, o pessoal que fala tanto em reforma agrária, porque não diz nada a respeito do fim social da propriedade em cidades populosos, cheias de terrenos baldios e prédios vazios, enquanto milhares (sobre) vivem em favelas.

                                

Nome: Paulo Araújo
Cidade: Porto Alegre
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 14h13min

O grande pulmão que é a zonal sul está sendo depenado. Grandes áreas verdes ao longo da Juca Batista, Cavalhada, Vicente Monteggia e outras, estão sendo retirados como se fosse “capim”. não há qualquer fiscalização da Prefeitura.~Os interesses imobiliários estão loetando as matas sem qualquer critério. Cad~e o povo mais politizado do Brasil??? Deve ter sido morto há muito tempo. Só no discurso somos “politizados” Na real somos a turma do BBB, do futebol e de tudo que se diz do “brasileiro”.

                                

Nome: dilmao
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 13h08min

Mas tudo bem… vai chegar setembro, nos fantasiaremos de gaúchos e proclamaremos que somos politizados..em setembro vamos passear pelas banquinhas da feira do livro, comprar algo no ofertão e continuaremos a dizer que somos cultos. Vamos nos contentar com shoppings, engarrafamentos e quiosque no pontal para tomar chimarrão.. (e musiquinha no aniversário de porto alegre )

                                

Nome: dilmão
Cidade: poa
Estado: RS
Data: Segunda-feira, 04/05/2009 às 13h05min

Não há planejamento viário, se privelegia enormemente os carros particulares. Na europa que os cultos ( e também europeus…). politizados gaúchos tanto tentam se espelhar, ganham força as cidades verdes, ciclovias, energia alternativa. Na “porto alegre é demais” o prefeito sucateia a av beira-rio para “vender” a idéia de que o poder público não tem condições de trocar lâmpadas e colocar uma mantinha de asfalto..para assim entregar o pontal para os privilegiados da cidade.



Categorias:Outros assuntos

Tags:,

2 respostas

  1. Tenho um amigo que é contra o Pontal, ele também era contra a Ford e a GM, disse que estas empresas ficariam aqui e em 5 anos iriam embora com nosso dinheiro. A Ford o Olívio mandou embora, mas a GM ficou e já faz 10 anos que ela só amplia suas instalações. Ontem foi anunciado o investimento de mais de 1 bilhão em Gravataí. Acho que não podemos dar ouvidos aos recalques dos que defendem a ideologia de Fidel, aliás, só ideologia, pois ele é o 6º mais rico do mundo.

    Curtir

  2. É importante esclarecer que muitos dos pseudomovimentos pró meio ambiente, ou que se intitulam defensores da cidade ou da natureza, acabam por pulverizar a discussão sobre o aproveitamento da orla do Guaíba.
    Digo isso, pois vejo a discussão sobre o Pontal do Estaleiro, um empreendimento que ocupará em 49 metros de orla. Ora, o Parque Gigante do Internacional ocupa 700 metros de orla e ninguém fala nada.
    O que parece existir é uma grande falta de critérios, pois muito se fala em banir a especulação imobiliária, ou os investidores que querem destruir nosso rio. Ora, isso é uma falácia, pois o empreendimento do pontal poderá ser usufruído por toda população, pois as áreas à beira do rio serão de visitação pública, portanto, esta área será muito melhor aproveitada do que o parque gigante que só é aberto aos sócios do clube.
    Portanto, se a população quer ajudar o Guaíba, que se mobilizem para acabar com a praga do mexilhão dourado, que está destruindo nosso rio e já é considerada o maior desastre ambiental em solo brasileiro já catalogada. Enquanto os pseudo-ecologistas se reúnem para falar mal do pontal, o mexilhão dourado se prolifera destruindo nosso rio.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: