Projeto prevê despoluição do Guaíba

Contrato estipula investimentos totais de R$ 586, 7 milhões

Um projeto ousado para despoluir as águas do Guaíba será formalizado hoje.

A iniciativa prevê investimentos totais de R$ 586,7 milhões. Destes, R$ 203,4 milhões estarão garantidos com a assinatura de um empréstimo junto ao Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID). As obras já foram iniciadas e elevarão a capacidade de tratamento de esgotos dos atuais 27% para 77%, até 2012. O contrato entre o BID e o município será assinado pelo prefeito José Fogaça às 14h30min, no salão de remates do Jockey Club, no bairro Cristal. Além da ampliação dos índices de saneamento básico na cidade, o projeto prevê outros benefícios à população de Porto Alegre, entre eles a reurbanização da região da foz do Arroio Cavalhada e a retomada das condições de banho de grande parte das praias do Guaíba. A prefeitura espera ainda reduzir o risco de inundações ao longo do arroio. A iniciativa conta ainda com a participação da Caixa Econômica Federal, que entrará com R$ 316,2 milhões e investimentos municipais de R$ 67,1 milhões.

A primeira parte do projeto já está em curso: a remoção de 1.680 famílias das margens do Arroio Cavalhada, que será canalizado.

– É o coroamento de quatro anos de intenso trabalho na reconstrução deste projeto, que significou uma longa discussão com a comunidade – avaliou Fogaça.



Categorias:Meio Ambiente

Tags:, ,

%d blogueiros gostam disto: