Consulta para o Pontal ? Então teremos várias consultas em breve em Porto Alegre

TEMOS QUE TER CONSULTA POPULAR TAMBÉM PARA:

1. Área de orla ocupada pela Vila do Sargento, na zona sul, uma gigantesca favela RESIDENCIAL, tirando o acesso de toda a população que não habitantes do local. A área é da Prefeitura e/ou Marinha. Porque eles usam a orla e nós não podemos usufruir daquela área ? Que segurança nós temos nela ?

Vila do Sargento - Zona Sul - Bairro Serraria. Orla tomada por residências. Por que eles podem ?

Vila do Sargento - Zona Sul - Bairro Serraria. Orla tomada por residências. Por que eles podem ?

2. Área de orla ocupada pela favela da Assunção, numa das áreas mais belas da cidade. Áreas residenciais na orla. Consulta já !

Favela da Assunção. Área residencial na orla.

Favela da Assunção. Área residencial na orla. Por que ninguém fala em liberar este pedaço de orla para toda a população ?

 

3. Pedra Redonda – área belíssima, privilégio de poucos. Área residencial composta de mansões de elite. Quem será que mora nestas “casinhas” na linda orla do Guaíba ? Consulta Já !

Pedra Redonda - pedaço de paraíso a beira do Guaíba - Cheia de mansões !!!!

Pedra Redonda - pedaço de paraíso a beira do Guaíba - Cheia de mansões !!!!

4. Orla ocupada por diversos clubes náuticos, privados (particulares), que não oferecem acesso à população comum, somente aos sócios. Consulta Já!

Clubes náuticos não oferecem acesso a população. Por que ? Por que este privilégio para poucos ?

Clubes náuticos não oferecem acesso a população. Por que ? Por que este privilégio para poucos ?

 

5. Área de orla ocupada pela Escolinha de Futebol do Grêmio. Área privada, deixando vasta faixa de orla, bem em frente ao maior complexo de compras do Estado do RS (BarraShoppingSul) sendo usado apenas por alunos da escola. Por que não podemos usar esta parte da orla?  Consulta Já !

Escola do Grêmio, mais de 1 Km de orla sendo usada por um clube que já tem outras áreas na Azenha, no Humaitá e em Eldorado do Sul. Por que ?

Escola do Grêmio, mais de 1 Km de orla sendo usada por um clube que já tem outras áreas na Azenha, no Humaitá e em Eldorado do Sul. Por que ?

 

O PONTAL DO ESTALEIRO, ao contrário de todas estas áreas citadas, prevê mais de 54% de sua área total para área pública, na ORLA !

Perceberam a grande charlatanice que estão impondo a você que não pensa, que não questiona ? Justamente o único empreendimento que prevê área pública é o que está sendo VOTADO. Isso é uma mentira ! É um engodo ! Teríamos na orla do Pontal do Estaleiro uma área linda, com lugares para assistir ao por-do-sol que não temos hoje. E vôces, população burra, vai votar no não, porque não enxerga. Não enxerga um palmo diante da sua burrice ! Vai perder uma chance única ! Só porque colocaram na suas cabeças ocas que o Pontal vai privatizar a orla.

 

Olhem a área do Pontal há 30 anos atrás :

Estaleiro Só funcionando como indústria de grande porte. Área privada.

Estaleiro Só funcionando como indústria de grande porte. Área privada.

E olhem como está agora (2009) !

área do estaleiro. População não enxerga que empreendimento dará nova vida ao local, DOANDO área pública à cidade para sempre

área do estaleiro. População não enxerga que empreendimento dará nova vida ao local, DOANDO área pública à cidade para sempre

 

PENSEM.

NÃO JOGUEM FORA SUA OPORTUNIDADE DE DECIDIR.

NÃO SE DEIXE ENGANAR POR MEIA DÚZIA DE “VERDES” QUE SÓ SABEM MENTIR.

O empreendimento do Pontal do Estaleiro vai nos devolver um trecho da orla. Veja, não acredite em mentirosos !

Pontal do Estaleiro: Área ajardinada, urbanizada, qualificando a orla. As áreas indicadas pelas setas serão públicas, sem portões ou grades.

Pontal do Estaleiro: Área ajardinada, urbanizada, qualificando a orla. As áreas indicadas pelas setas serão públicas, sem portões ou grades.

 

Para quem nos acusou de ser clubista, queria esclarecer que o Blog Porto Imagem procura ser completamente imparcial. Só temos UM LADO. O DE PORTO ALEGRE. Não interessa se é PT, PMDB, PSB, PPS, Grêmio, Inter, Maragatos ou Chimangos. Aqui não tem isso.

E fiquem sabendo que o autor do post, eu, sou GREMISTA. Mas sou justo quando se trata de prejudicar o acesso a orla ! O Internacional tem um dos mais belos projetos de urbanização da orla que Porto Alegre já pode contemplar, e vocês nos acusam de clubismo ? Bah, tche, que coisa nada a ver ! Não creio que esta área do Inter, apesar de ser do clube, seja uma área fechada a circulação de habitantes da cidade, sejam quem for, gremistas ou colorados. É uma grande besteira falar em clubismo a essa hora, com tantos assuntos urgentes a serem tratados.

Se o Olímpico ficasse na orla como o Beira-Rio fica, eu iria defendê-lo abertamente, pois um estádio é local de multidões, é um lugar popular, de manifestação esportiva e de massa. Não me parece importante classificar de privado ou não.

Já a escolinha do Grêmio, o que tem lá que o Grêmio não poderia transferir para outro lugar e liberar a orla para acesso público ?

 

Quem é contra este belo projeto do INTER ?????

 Gilberto Simon, 12/08/2009.



Categorias:ORLA, Pontal do Estaleiro

Tags:, , , , ,

16 respostas

  1. Bruno, procure observar nas imagens anteriores, onde setas identificam claramente toda uma nova orla (inexistente hoje), urbanizada e de uso público, com segurança e manutenção permanentes, igual ao que temos em qualquer lugar mais civilizado deste planeta. Lugares que, quando visitados por este pessoal que aqui é contrário a qualquer idéia inovadora, os deixa de queixo caído. Agora, me acompanhe num simples exercício de imaginação: nossa Prefeitura acabou construindo alí um grande parque, com bancos pra turma do “não” tomar seu chimarrão, ver o pôr-do-sol, etc. Dia da inauguração, lá está nosso burgomestre impávido colosso, discursos emocionados banda de música, tudo muito bonito. E depois? Sou capaz de apostar um rim que, passado um ano, aquele local vai estar totalmente abandonado, vandalizado e tomado por desocupados. Não? Então te convido a visitar Ipanema, com sua “orla” de primeiro mundo: esgoto a céu aberto, árvores apodrecidas e quebradas – as ainda sadias, completamente tomadas por erva-de-passarinho – amontoados de oferendas com animais mortos, bancos riscados, postes com luminárias roubadas há no mínimo tres anos , pixações para todos os gostos e por aí afora. Sem qualquer manutenção dos equipamentos por parte de nossa tão dedicada prefeitura – nem menciono a mais tradicional via de acesso que, passando a Tristeza, é uma absoluta vergonha, como sabemos. E o mais cruel nesta história é que as chamadas associações de bairros e afins não acham necessário combater toda esta situação de descaso e abandono, preferem fazer barulho criticando projetos que visem a modernização da cidade, numa claríssima atitude de alinhamento subalterno e hipócrita ao que ditam os fundamentalistas do atraso. E viva Porto Alegre.

    Curtir

  2. A questão é que o ideal é que a área do pontal fosse só PÚBLICA. Ou com um número MENOR de apartamentos. De que adianta ter um lugar publico sem espaço para ESTACIONAR e com ENGARRAFAMENTOS gigantes para chegar ao local. Afinal, só existe UMA VIA para chegar nesse canto.

    Curtir

  3. Não vamos entrar em debates sobre times, eu sou a favor de tudo o que é bom para a capital.

    Caso esses trouxas consigam fazer que o não ganhe, eu sou parceiro para fazer BARULHO quanto as outras areas, para tirarem as residências.

    Curtir

  4. Falei anteriormente que eu, colorado, tambem sou contra a privatização da orla pelo clube. Na verdade, eu estava falando do clube com piscina que há atualmente lá na orla. Isso é condenável tambem.
    Mas sobre o maravilhoso prijeto Gigante para Sempre só posso ser a favor, pois vai qualificar astronomicamente o local, e dando acesso à todos.

    Curtir

  5. Gilberto,
    há muito tempo defendo o projeto do Pontal do Estaleiro por uma única e simples razão: me dei ao trabalho de conhecê-lo em detalhes, porisso acredito ser o mesmo a melhor alternativa urbanística para aquele ponto da cidade, até o momento. Mas, permita-me dizer-lhe, não será qualificando aqueles que pensam o contrário de “burros”, que vamos conquistar simpatias para esta causa, acredite. Seria ótimo se, de alguma forma, pudesses recuperar os possíveis aliados perdidos… Em tempo: a foto aérea do Estaleiro Só há 30 anos, está invertida, quem conhece a área vai perceber.
    Um abraço,
    Jorge

    Curtir

    • A imagem está realmente invertida, Jorge. Obrigado pela lembrança. Já estou corrigindo-a.
      Mas interessante, é que retirei a imagem de uma matéria da época em que o Estaleiro Só funcionava mesmo, em 1972. Foi erro da revista que editou a matéria.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: