A auto crítica gaúcha é baixa demais !

Nós gaúchos temos um sério problema: auto-estima elevada demais porém uma auto crítica baixa demais… E por isso achamos que não precisamos de mudança, que não precisamos de “mais progresso”, que nosso Estado é o “melhor de todos”, que somos “a ponta lá de baixo que sustenta este país”. E enquanto pensamos assim, o mundo muda, os outros Estados que não são “da ponta de baixo” se desenvolvem cada um no seu ritmo mas sempre pra frente, enquanto nós aqui continuamos a achar que nada disso é necessário. No nosso Estado tudo aumenta: o desemprego, a violência, a pobreza.

Daí quando surge um projeto que possibilita mais empregos, menos gente na rua sem ter o que fazer, pessoas vêm dizer que não precisamos disso e ainda julgam as empresas privadas de visarem lucro. Alôôôôuuuu! Se não visarem lucro, vão visar o quêêê afinal? Só pra lembrar: empresas que não tem lucro quebram e quebrando, diminui a renda do Estado e diminuindo a renda do Estado aumentam os impostos… E quem paga os impostos? Preciso responder? Abraço a todos e um bom voto consciente!

Sheila, Porto Alegre



Categorias:Campanha Sim ao Pontal

Tags:, ,

7 respostas

  1. Façam o favor, se voces querem so mato, se mudem para uma cidade do interior. E parem de tentar acabar com Porto Alegre.

    Curtir

  2. Ah, sim “poa resiste” , sabemos que entrarao na justiça. Mas nao vai adiantar nada.

    Curtir

  3. Perdemos?
    Aguardem…

    Curtir

  4. Carlos Arruda, voce que vai ter que engolir os comerciais la. Voces perderam de qualquer jeito.

    Curtir

  5. Hoje, escutando o depoimento de uma mulher que votou no SIM, pela BandNews FM, só confirmei. O público do não nem sabe em que votou.

    Diz a mulher:
    “Eu não quero que fique prédios residenciais lá, vão barrar nossa orla, lá é muito lindo, é bom pra tomar chimarrão…”

    Quando ela falou isso, só pensei: Que cabeça fraquinha hein!

    E ainda teve a ambientalista lá falando que vai impedir os prédios comerciais também. Que gente tosca!

    Curtir

  6. As ruínas do Estaleiro Só deveriam ficar eternamente assim como estão, como um símbolo do RADICALISMO IDEOLÓGICO dos porto-alegrenses, da mesma forma que o terreno abandonado onde seria erguido a FORD, representa a prevalência de ideia da VANGUARDA DO ATRASO no RS.

    Curtir

  7. Engulam este resultado privatistas e nunca mais venham tentar enfiar goela abaixo do povo portoalegrense seus projetos concretistas.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: