Mais queixas sobre os ônibus T

Linhas T  sempre infernizaram seus passageiros

“Excesso de passageiros na linha T9

É impressionante a quantidade de pessoas em pé na linha T9. Costumo pegar o ônibus no sentido bairro-Centro (na Rua Carazinho), de segunda a quinta-feira, em torno das 8h10min, e canso de esperar porque, muitas vezes, passam até três ônibus completamente cheios. Pelo valor que está uma passagem, não acho justo a forma como os passageiros são tratados.”

Renatha Morés, jornalista e moradora da João Abbott

Contraponto
O que diz a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), por meio de sua assessoria de imprensa
– A EPTC monitora toda a frota de ônibus da Capital, em tempo real, por meio de sua Central de Controle e Monitoramento do Trânsito, o que facilita tomar medidas em curto prazo. A linha T9 é do tipo média. O que define essa classificação é quando, no horário de pico, a ocupação média de passageiros de pé é de 4,5 passageiros por metro quadrado (fora os sentados). Nos primeiros dias de setembro foi realizada uma análise e apresentou uma ocupação de 2,24 passageiros por metro quadrado, em pé.
Os ônibus que passam pela Rua Carazinho entre 8h e 8h10min são os que saem do Terminal Leste entre 7h32min e 7h56min. Eles apresentam um espaçamento entre as viagens de seis minutos, segundo levantamentos da EPTC. Os veículos utilizados nessa faixa horária são todos de 13,2 metros, apresentando ocupação máxima de 90 a 93 passageiros. A EPTC seguirá monitorando a linha citada para eventuais modificações. Dúvidas, denúncias e sugestões devem ser feitas pelo telefone 118, da EPTC.

                                ZH Petrópolis, 24/9/2009

____________________________________________

Quem pega o T4  também não tem a vida fácil. O tempo de espera é enorme. No fim de semana, chega-se a ficar meia-hora esperando-no na parada (precária, sem bancos, como todas na cidade).

Essa linha consegue a proeza de ter ônibus lotados, com gente de pé, no domingo.

A linha T2  também tem periodicidade enorme, e muitíssimo maior quando se toma o ônibus num trecho onde passam só o T2 ou só o T2-A.   

Conselho: sente-se no chão, no meio-fio, para aguentar a espera desses ônibus. Eu faço isso.

 

Está na hora de haver :

1)  lotações T

2)  mais ônibus T

3)  ônibus T de outras empresas  (as linhas transversais são monopólio da Carris?)

Ricardo H



Categorias:Outros assuntos

Tags:, , , ,

6 respostas

  1. eu ja vi um preconceito no onibus no passo dornelles/safira com idosos eu nao aceito que fez isto com as pesoas idosas

    Curtir

  2. Obrigado por avisar Lucas. Este erro passou sem querer…. Não sei como. Mas já corrigimos ! Abraço.

    Curtir

  3. No topo da página, onde mostra as fotos da orla de Porto Alegre, tá escrito assim:
    Éssa é a orla de Porto Alegre. Reparem no acento na palavra “éssa.”
    P.S.: Essa não tem acento!!!

    Curtir

  4. assim como os t’s são da carris, a zona sul é da sts, a leste da unibus e a norte da conorte xP

    Curtir

  5. É, mas isso não é só com as linhas T não… Eu pego 4 onibus por dia, e os 4 que eu pego são lotados. Inclusive o Carlos Gomes 671 que é um inferno de tão lotado. E agora na Protásio Alves na hora do pique todos que eu vejo enquanto eu espero o meu são lotados como: Jardim Ypu, Morro Santana, Passo Dorneles etc.

    Curtir

  6. Essa moradora tem que agradecer porque seu onibus é apenas cheio: ela facilmente vê passar vários T9.

    Digo isso porque um dia eu estava na av Ipiranga esperando o T4. Enquanto eu o esperava, passaram por mim duas lotações Ipiranga-Puc, três T9, três Ipiranga-Puc, dois D43-Universitária… e nenhum T4.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: