Duplicação da BR-392 deve ser acelerada, pois está lentíssima

As obras de duplicação da BR-392, entre Rio Grande e Pelotas, iniciaram-se neste mês, mas o ritmo dos trabalhos é lento. Segundo o superintendente estadual do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Vladimir Casa, as máquinas devem ganhar a pista somente em novembro.

As empresas Ivaí Engenharia e Obras e Construtora Triunfo, responsáveis pelos lotes 2 e 3, respectivamente, já atuam nas áreas, que consumirão R$ 280 milhões.

A Ivaí faz a topografia do trecho, com extensão de 24 quilômetros. A Triunfo recupera bueiros, pontilhões e aterros ao longo dos 27 quilômetros do seu lote. Os projetos dos lotes 1 e 4 não estão prontos.

ZH



Categorias:Economia Estadual, Meios de Transporte / Trânsito

Tags:,

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: