Hélio Dourado afirma que Arena será um suicídio para o Grêmio

Grupo do presidente elaborou um estudo que mostra um grande prejuízo ao clube com a construção do novo estádio

Um advogado ligado ao Movimento Grêmio Acima de Tudo elaborou um estudo com todos os benefícios e malefícios que o clube terá a partir da construção do novo Estádio no Bairro Humaitá. Nesta pesquisa, segundo o ex-presidente Hélio Dourado, ficou provado que o Tricolor só terá prejuízos a partir do momento em que mudar de casa
– O Grêmio deixará de ser uma sociedade, se tornará apenas um time de futebol. Sócios não terão nenhuma vantagem com a Arena. O estudo está feito e deve ser entregue a toda família tricolor. Antes de conhecer este estudo, eu dizia que a Arena era uma aventura. Agora, depois de tomar conhecimento de todos os detalhes eu afirmo: a Arena será um suicídio para o Grêmio – disse Hélio Dourado.
A maior reclamação do movimento Grêmio Acima de Tudo é o fato de que todo o lucro com o que for construído ao redor do estádio, como hoteis, centro de conferências, ficará com a OAS, que é a parceira do Grêmio no empreendimento.
Antes da assinatura do contrato, Hélio Dourado pediu que fosse feita uma votação entre os gremistas perguntando onde deveria ser erguida a Arena tricolor, no Bairro Humaitá ou na Azenha.
Outra polêmica levantada por Hélio Dourado diz respeito a aprovação do contrato com a OAS pelo Conselho Deliberativo do Grêmio:
– Este contrato foi apresentado de uma maneira sucinta ao Conselho do Grêmio. Mas não se tinha quórum para se aprovar isto e não foi levado em consideração. Isto deve estar na ata desta reunião. Isto é mais uma coisa contra este contrato.

Terrano onde será erguida a Arena já está cercado e começa a ser decorado com as cores do clube

ZH



Categorias:COPA 2014, Grêmio e Inter

Tags:, ,

3 respostas

  1. Também quero ser dono de Hotel e Shopping. Não tenho nada para dar em troca, fora meu apartamente velho.

    Se alguém conhecer algum sócio que queira fazer negócio comigo, me avisem.

    Curtir

  2. Já fui em diversas reuniões entre sócios e o Adalberto Preis – presidente da Grêmio Empreendimentos. Tudo está andando dentro do previsto, as obras devem começar em junho do ano que vem (falta licenças da prefeitura, remoção da escola que existe no local, etc). Sobre os sócios, tudo continua como hj, até pq os burros acham que esses sócios (como eu) não pagam o ingresso… é claro que pagam! Só que o valor do ingresso sai do Quadro Social, da mensalidade. Isso vai continuar na arena, talvez com uma mensalidade maior, mas desse valor será retirado o custo do ingresso – que passará para o montante da Grêmio (65%) e OAS (35%). É justo!!! Não queriam que a construtora construísse um estádio de graça pro Grêmio né? Melhor esse tipo de acordo do que fazer obras por conta própria como o Inter e até hoje só ter instalado 5 pilares da cobertura!

    Curtir

  3. “A maior reclamação é o fato de que todo o lucro com o que for construído ao redor do estádio ficará com a OAS”… mas isso é óbvio!!! Pq o Grêmio teria de ter participação nos lucros do hotel, do shopping, dos prédios??? O Grêmio é um time de futebol, não uma empresa. Esse pessoal arcaico liderado pelo Helio Dourado não cansa de achar problemas na Arena, todos eles ou falsos ou contornáveis. Estão parecendo os xiitas do Pontal. Por interesses pessoais/financeiros na área do Olímpico ou por pura ideologia, querem que o Grêmio continue ali na Azenha, uma região saturada, em um estádio velho, sem nenhum conforto, beleza ou segurança. Como a própria reportagem diz, o contrato foi aprovado pelo Conselho do clube… e pela maioria!!!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: