Nova ponte do Guaíba: Projeto conhecido em seis meses

Empresa responsável pela construção da futura travessia deverá ser definida até fevereiro
Um novo caminho para escoar os mais de 30 mil veículos que passam todo o dia pela saturada ponte do Guaíba deverá ser conhecido em seis meses.
O projeto final da esperada travessia será executado por uma das quatro empresas que participam da licitação aberta pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Segundo o superintendente regional do órgão no Estado, Vladimir Casa, a responsável pelo trabalho, orçado em R$ 680 mil, deverá ser definida até fevereiro. Concorrem duas empresas gaúchas, uma paranaense e outra paulista.
– O projeto deverá levar em conta a viabilidade econômica e ambiental. Não adianta fazer um ponte barata e que não atenda às necessidades – apontou Casa.
O superintendente ressaltou que as obras e os recursos para executá-la serão determinados posteriormente pelo governo federal. A Concepa, concessionária que administra a freeway, apresentou ano passado um projeto para uma nova travessia orçada em R$ 250 milhões.
A empresa tentava pressionar o governo a negociar o prolongamento do contrato de concessão para mais 20 anos em troca da construção da ponte. O governo, no entanto, estuda construir a estrutura com verbas públicas por meio do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC).


Categorias:COPA 2014, Nova ponte Guaíba

Tags:,

1 resposta

  1. Prezado Jornalista.

    Ao cumprimentá-lo cordialmente aproveitamos a oportunidade para fazer alguns esclarecimentos.
    Sou lider do movimento Ponte do Guaíba e acredite a minha peregrinação em brasília para que o Ministro dos Transporte, diretoria do DNIT, Senadores e Deputados acreditassem na nescessidade de uma nova ponte foi cansativa, pois fomos chamados de loucos, mais mesmo desacreditados ensistimos, queriamos só ser ouvidos e graças a nossa padroeira NSra. Aparecida, fomos ouvidos e acreditados. Hoje lamentamos que as informações com relação aos prejuísos que a ponte causa para a Região Sul são desencontradas. Por exemplo Não são 30 mil veículos/dia que trafegam na ponte e sim 38.655.
    Os prejuisos Monetarios não são de 120 milhões e sim de 150 milhões, Não são 2 içamentos diários , são de 4 á 5 içamentos diarios, em cada içamento são retido de 2 á 3 mil veículos, Por outro lado, não e pela a realização da Copa do Mundo em 2014, ela ate colabora, mais sim pela nescessidade, pois o apagão rodoviario pode acontecer a qualquer momento estamos avisando desde 2006. O prejuíso da Braskem a cada dia que a ponte não poder ser içada é de um milhão e setessentos diário, e para escoar a sua produção teria que por diariamente 1.200 carretas nas Brs. 116 e 290, com destino a Rio Grande para. Se a ponte não poder ser içada por 15 dias pode ocorrer a falta de Gás de cozinha para a Capital e a grande Poa, se passar dos 25 dias o estado todo corre o risco de ficar sem o gás de cozinha, para abastecer teria que ser colocado de 800 a 1000 carretas na 101, para manter o fornecimento em dia. Se a Ponte içar e por problema mecânico não puder baixar por enjambramento ou queima de motor como já ocorreu, para chegar a Porto Alegre, moradores da região sul terão que percorrer mai de 315 Km. Saindo de Guaiba ou Eldorado terão que ir até Arroio dos Ratos, Butiá, Minas do Leão, Pantano Grande, Rio Pardo, Santa Cruz, Venacio Aires, Tabaí, Canos e Poa, para retornar o mesmo etinerario. para concluir queremos esclarecer que o Movimento Ponte do Guaíba e apartidarío, pois temos o apoio de todos os partidos, Dos administradores e legiladores da metade Sul do Estado, dos Empresario, temos apoio da Petrobras, Braskem, Famurs, Fiergs existe uma Frente parlamentar na Assembleia Legislativa rs, composta por 32 deputados, Temos assinatura em apoio de toda a Bancada Gaucha em Brasília dos Senadores e a compreenção da diretoria do Dnit, Antt e do Dr. Nascimento Ministro dos Tranporte, por isso hoje existe o Projeto de viabilidade EVTEA. E claro que queremos contar com esse conceituado site, pois tem sido um grande aliado divulgando as materias que lhe são passadas, mais se permitires gostariamos que visitasse o nosso Blog, pois ali estão as informações exatas do fatos. Saiu Matéria que a conssessionaria estava impondo 20 anos para construir a nova ponte, queremos deixar claro que ela não impõe nada, qualquer proposta somos sabedores porque não existe decisões sem a participação do movimento pois representamos 2.503.000 habitantes da metade Sul, que já e muito onerado com pedagios e vamos batalhar porque segundo a diretoria da concessionaria eles construíriam a ponte com o aumento de prazo mais sem abrir uma nova praça de pedagios e sem o aumentode tarifa , unicamente com o aumento de prazo para amortizar o investimento. quanto decisão quanto ao tempo de concessão é uma decisão dos técnica do Min dos Transportes , pois o Pedagio é federal. Grato pela atenção e um forte abraço da diretoria do Movimeto Ponte do Guaíba: A vida e o Progresso vem Primeiro.
    novapontedoguaiba.blogspot.com
    movimentopontedoguaiba.ning.com

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: