Trensurb inicia hoje obra de estação em São Leopoldo

Construção faz parte da ampliação da linha do trem em mais nove quilômetros no Vale do Sinos

A nova estação da Trensurb, em São Leopoldo, ganha forma a partir de hoje, quando começam a perfuração do solo e o posicionamento de estacas de sustentação da obra.

Na semana passada, foram iniciados os trabalhos preliminares na estação, chamada de Rio dos Sinos, localizada entre o final do trecho três e o começo do trecho quatro, no quarteirão compreendido entre as ruas Portão e Antônio Círio Flores, bairro Rio dos Sinos, em São Leopoldo. Com a terraplenagem em andamento, prepara-se a montagem do tapume do canteiro de obra e de um escritório de apoio. Também está sendo feita a remoção das interferências elétricas e hidráulicas na área.

– Para acelerar o processo de construção da infraestrutura, vamos utilizar toda a experiência já adquirida durante as obras da estação Liberdade (ainda não concluída), inclusive com aproveitamento da mesma equipe – afirma o superintendente de Desenvolvimento e Expansão da Trensurb, Humberto Kasper.

Nova estação custará cerca de R$ 17 milhões

Hoje começa a perfuração do solo e o estaqueamento, com a utilização de 234 estacas de 40cm e 60cm de diâmetro e de 100 blocos de tamanhos variados. É a sustentação da obra. A partir da conclusão dos blocos, haverá a colocação dos pilares e travessas.

A nova estação terá uma área total de 4.881 metros quadrados, em dois pavimentos. O primeiro nível será destinado ao acesso dos usuários, onde ficarão as bilheterias e cancelas de entrada e saída, as escadas rolantes e fixas, além de elevadores e sanitários. No segundo pavimento, ficarão as plataformas de embarque e desembarque. A obra faz parte da expansão da Trensurb até Novo Hamburgo. O valor da estação Rio dos Sinos está estimado em R$ 17 milhões, com conclusão prevista para outubro.

ZH


Categorias:Industrialização de Porto Alegre

Tags:,

%d blogueiros gostam disto: