Sinalização aumenta visitas aos Caminhos Rurais

A rota turística Caminhos Rurais de Porto Alegre, que reúne 41 atrativos diversificados em 11 bairros da Zona Sul, recebeu cerca de 50 mil visitantes no ano passado. Em 2008, foram 20 mil. O resultado positivo é decorrente do trabalho desenvolvido pelas oito agências de turismo receptivo que comercializam o produto e à sinalização turística implantada pela prefeitura em 2009. São 61 placas e painéis indicativos que orientam e facilitam a visitação aos atrativos naturais e às pequenas propriedades. As placas estão instaladas desde a Avenida Oscar Pereira, no cruzamento das avenidas Azenha e Princesa Isabel, até o bairro Lami. O investimento de R$ 174 mil foi compartilhado entre as secretarias municipais de Turismo e da Produção, Indústria e Comércio, além do apoio da Secretaria Municipal de Transportes e a EPTC.

No último ano, o turismo rural da Capital também chamou a atenção de gestores alemães, norte-americanos, italianos, mexicanos e angolanos integrantes da rede Metrópolis, que congrega cidades de todo o mundo com mais de um milhão de habitantes. Eles realizaram uma visita técnica à rota turística durante o Simpósio Internacional de Governança Democrática em Cidades, realizado em Porto Alegre em 2009.

Rota rural – O produto turístico foi desenvolvido pela Secretaria Municipal de Turismo em parceria com a Emater e o Senar e tem fomentado o turismo nos bairros de Belém Novo, Belém Velho, Campo Novo, Cascata, Hípica, Ipanema, Lami, Lageado, Lomba do Pinheiro, Restinga e Vila Nova, na Zona Sul da cidade.

O roteiro ampliou as opções de lazer da Capital em 41 atrativos diversificados como cantinas com produtos coloniais e artesanato, restaurantes, pousadas e hospedarias, haras, campings à beira do Guaíba, pomares e parreirais, produção de vinho e de suco natural, áreas de preservação ambiental, trilhas ecológicas, açudes para pesca, sítio de recreação para crianças e, ainda, as festas tradicionais da comunidade nos períodos de colheita da uva, da ameixa e do pêssego. As agências de turismo que organizam grupos para visita aos atrativos do roteiro podem ser encontradas no site www.portoalegre.rs.gov.br/turismo, em “o que fazer/Caminhos Rurais”.

Cavalgada da Lua Cheia – Atrativo diferenciado dos Caminhos Rurais, as Cavalgadas da Lua Cheia já se consolidaram como uma opção de lazer diferenciada e bem próxima das tradições gaúchas. Em dois anos de promoção, comemorados em 2009, foram 2,8 mil participantes, incluindo turistas de todo o Brasil, dos Estados Unidos, Alemanha, Argentina e Uruguai atraídos pela oportunidade de vivenciar as tradições e o ambiente típico de uma fazenda gaúcha. A cada edição, o programa reúne cerca de cem participantes entre proprietários de cavalos e visitantes que alugam animais encilhados na própria cabanha organizadora das cavalgadas, a La Paloma.

Qualificação – No ano passado, o Caminhos Rurais foi selecionado pelo Ministério do Turismo dentro do Projeto de Fortalecimento do Turismo de Base Comunitária e, por meio de convênio com a Cooperativa de Desenvolvimento de Produtos Turísticos (Coodestur), os empreendedores vinculados à Associação Porto Alegre Rural receberam recursos federais para a realização de um diagnóstico dos 41 empreendimentos que fazem os Caminhos Rurais visando à qualificação do turismo rural e sua promoção.

___________________________________________

Acho muito esquisito que uma metrópole de mais de 4 milhões (RMPA) de habitantes queira mostar para os turistas a sua área rural.
Quem não conhece áreas rurais pelo Brasil e pelo mundo afora?
Será que isso acontece por que a cidade não tem muito a mostrar além disso, ou será que não existe vontade (pelo menos até agora) de que a cidade se desenvolva como uma metrópole de verdade para sim, atrair turistas a ver a metrópole e não o que restou de antes dela ser metrópole (campos, pastagens, culturas agrícolas, cavalos, charretes) ???
Me admiro muito que haja 50 mil pessoas interessadas (em 2009) em visitar estas áreas. Devem ser pessoas que moram em Porto Alegre mesmo, em sua grande maioria. Uma coisa é visitar o Parque de Itapuã, área natural digna de ser divulgada nacionalmente e até internacionalmente. É linda e tem aspectos únicos de beleza e curiosidade. Mas a área rural de Porto Alegre, qual as suas peculiaridades ?
Pelo menos agora sabemos que o projeto de revitalização do cais do porto sairá do papel. Já é um alívio para o turismo na cidade. Algo vai mudar. Ainda bem. Gilberto Simon



Categorias:Outros assuntos

%d blogueiros gostam disto: