Porto da Capital ignora a Copa

Porto Alegre foi a única das cidades-sede portuárias da Copa do Mundo de 2014 que não apresentou projeto de investimentos à Secretaria Especial de Portos (SEP), embora o órgão deva dispor, só neste ano, de recursos superiores a R$ 600 milhões. O assunto foi discutido na última reunião do Conselho da Autoridade Portuária (CAP) da Capital, semana passada, e deflagrou uma mobilização no setor. O ponto alto será uma audiência no dia 6 de abril com o ministro da SEP, Pedro Brito. Segundo o presidente da Praticagem da Lagoa dos Patos, Rios, Portos e Terminais Interiores do Rio Grande do Sul, Geraldo Almeida, a ideia do CAP e da Intersindical Portuária é levar propostas de investimento ao ministro, respaldadas por um amplo apoio institucional. O presidente da Associação Brasileira dos Terminais Portuários (ABTP), Wilen Manteli, já se somou aos esforços. Amanhã, Almeida levará o assunto à Fiergs, onde integra o grupo temático de Logística do Conselho de Infraestrutura.

Hospedagem

A proposta em discussão passa pela atração de navios de médio porte ao Porto da Capital, com duas finalidades: trazer turistas uruguaios e argentinos e servirem de opção de hospedagem aos turistas. Geraldo Almeida explica que bastam melhorias de calado em alguns trechos da hidrovia (4% a 5% do total) e sinalização noturna para que cheguem a Porto Alegre navios de até 2 mil passageiros.

Descaso

Para Almeida, a ausência de projeto para a Copa revela o descaso do governo estadual e dos políticos com o Porto e a falta de mobilização dos usuários. “O Porto da Capital não foi incluído em nenhum PAC”, enfatiza. Como exemplo do descaso, ele cita a sinalização noturna: dos 130 sinais da hidrovia Rio Grande-Capital, 60 são cegos. E os 70 luminosos não têm manutenção periódica.

Correio do Povo



Categorias:Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Tags:,

2 respostas

  1. Embora nunca tenha viajado de navio, essa rota de PoA BsAs me atraiu muito, se tornaria um sucesso, uma viagem curta cheia de atrações, com mudanças de paisagens muito interessantes, de lago para mar, passando por Punta, Montevideu e depois BsAs! Ótima sugestão Stéfano.

    Curtir

  2. Seria mto legal poder fazer de barco o trajeto entre PoA e BsAs, por exemplo. Além de ser ótimo para o turismo das cidades.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: