Copa 2014 – Hotelaria começa os preparativos

A Copa do Mundo de 2014 começou para o setor de hotelaria de Porto Alegre. Foi lançada ontem, na sede do Sindicato da Hotelaria e Gastronomia, a Escola Virtual dos Meios de Hospedagem, ação do Ministério do Turismo para requalificar funcionários de hotéis nas 12 cidades-sede da Copa. Foi realizada aula inaugural aos 300 alunos da primeira turma do curso voltado a mensageiros, porteiros, recepcionistas, gerentes e governanças.

A escola, que integra o programa Bem Receber Copa 2014, do Ministério do Turismo, tem o objetivo de preparar e qualificar os profissionais que atuam em hotéis, pousadas, resorts e demais meios de hospedagem por meio da escola e da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis. A meta é atender 4.115 profissionais até o final de 2010 e mais 14.885 até 2012, levando aperfeiçoamento a 19 mil profissionais de linha de frente e gerência média dos meios de hospedagem nas 12 cidades-sede e em 65 destinos turísticos.

A coordenadora da EVMH, Janaina Baggio, afirmou que a procura por bolsas gratuitas foi grande. “Temos cem pessoas inscritas para o segundo curso, no início de 2011”, afirmou. Segundo ela, em Porto Alegre devem ser beneficiados 3,5 mil profissionais da rede de hospedagem da Capital e da Região das Hortênsias até 2013. Os cursos, preparados pela Fundação Getúlio Vargas, têm 200 horas-aula de educação à distância e oficinas presenciais. Os participantes receberão certificação, e os hotéis, o selo “Bem Receber Copa 2014”.

A certificação será concedida a quem qualificar 80% da sua equipe. Participam da primeira edição do curso na Capital funcionários da rede Plaza, do Hotel Deville, Eko Residence, Embaixador, Blue Tree Millenium, Quallity, Intercity, Union Hotéis e Master Hotéis, entre outros.
 

Correio do Povo



Categorias:TURISMO

Tags:, ,

3 respostas

  1. O prefeito, o governador e a CETESB ficam protelando o projeto do estádio Piritubão. A FIFA e a CBF já deixou muito bem claro que os 3 estádios: Morumbi, Palestra Itália e o Pacaembu não atendem as metas estabelecidas do evento, afinal, a capacidade desses estádios para não acomoda a quantidade de muita gente. É bom, eles lembrarem que, não estamos falando desses campeonatos comuns, estamoas falando da COPA! Diz um provérbio nordestino ” se não pode com o pote, não pega na rodia”, estou querendo lembrar que se fosse para estes nobres senhores fazer este papelão, deixando outras cidades candidatas para trás. Quanto ao Ministério Público tem tantas outras coisas gravísssimas para se preocupar, portanto, nós moradores de Pirituba e região exigimos o Piritubão, o Centro de Convenções, o monotrilho, etc…

    Curtir

  2. Se eu fosse um turista que viesse de longe e ficasse em Poa, iria ficar entre frustrado ou entediado de ficar num hotel no meio da cidade, longe de uma bela paisagem,

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: