Porto Alegre é confirmada no Plano de Marketing Turístico

Os critérios de escolha e a relação das 20 cidades por onde será iniciado o projeto Plano de Marketing dos Destinos Indutores do Turismo Regional foram validados nesta sexta-feira (23) pelo plenário da reunião ordinária da Associação Nacional dos Secretários e Dirigentes de Turismo das Capitais e Destinos Indutores (Anseditur), que se realiza em Goiânia (GO). De acordo com a lista aprovada, foram indicados quatro destinos indutores por região do país. Do total, 11 são capitais, entre as quais está Porto Alegre.

“O Rio Grande do Sul foi o único Estado que teve seus três destinos indutores selecionados para a primeira fase do projeto”, destaca o secretário de Turismo da capital gaúcha, Luiz Fernando Moraes, presente ao encontro, aberto ontem. As outras duas cidades gaúchas são Bento Gonçalves e Gramado. Da região Sul, foi contempladas também a capital paranaense, Curitiba.

Da região Norte foram selecionadas Belém, Porto Velho, Boa Vista, Palmas; da Nordeste, as cidades de Maragogi, Fortaleza, Barreirinhas, São Raimundo Nonato; da Centro-Oeste, Brasília, Goiânia, Bonito, Cuiabá; e da Sudeste, Vitória, Angra dos Reis, Petrópolis, Ilhabela.

O projeto será executado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) para a Anseditur e o Ministério do Turismo, que destinou R$ 4 milhões para esta primeira etapa. De acordo com o presidente da Anseditur, Marco Antonio Castello Branco, outras 20 cidades são contempladas ainda este ano, e até o início de 2011 todos os 65 destinos indutores. No encontro, o consultor da FGV Airton Pereira antecipou que o trabalho terá duas fases em cada cidade. Na primeira, será realizado o mapeamento dos principais emissores para cada destino, num diagnóstico que abrangerá também a identificação do perfil do turista, hábitos de viagem e consumo, entre outros itens. A segunda etapa será a elaboração do Plano de Marketing para o destino indutor, com a definição de seu posicionamento estratégico e um plano de ações. O termo de referência do projeto está em avaliação no Ministério do Turismo, última etapa para o início de sua execução, prevista para agosto.

“Sem contar as reuniões da entidade que realizamos em eventos, como o Salão Brasileiro do Turismo, esta alcançou um dos maiores quóruns e maior representatividade”, comemorou Castello Branco. O encontro reuniu cerca de 40 secretários e dirigentes de Turismo associados. Ainda segundo o presidente, o encontrou aprovou a viabilização de uma sede para a Anseditur a partir de 2011, provavelmente em Brasília.

Jornal do Comércio



Categorias:COPA 2014, TURISMO

Tags:, ,

2 respostas

  1. Visitem o meu blog: Marketing e Gestão estratégica num sector turístico global
    http://jonasleitao.wordpress.com/

    Curtir

  2. Agora só falta a prefeitura investir nos compromissos firmados. Leia-se convocação de aprovados em concurso para cargo com pessoal EM DÉFICIT, e de importância pro funcionamento e cumprimento de regras em POA: agente de fiscalização.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: