Socioambiental: avançam obras do Emissário da Restinga

Foto: PMPA / Divulgação

Cerca de 600 metros da tubulação estão assentados

As obras do Projeto Integrado Sociambiental que estão sendo implementadas pelo Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) avançam na zona sul da Capital. O Emissário da Restinga já teve assentados 590 metros de tubulações (de PEAD) de 500 milímetros de diâmetro, numa extensão total projetada de 3.332 metros. Os tubos que serão utilizados por essa frente podem ser vistos pela população que passa pela Estrada da Serraria, próximo ao portão de acesso à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Ipanema.

Redes coletoras – O Emissário da Restinga será responsável pela condução dos esgotos provenientes das redes coletoras da Restinga, Ponta Grossa, Chapéu do Sol, Hípica e Aberta dos Morros por meio de um interceptor até a futura Estação de Bombeamento de Esgoto da Restinga – EBE Restinga, que posteriormente enviará os esgotos à ETE Serraria, onde receberão tratamento e, após, serão lançados no Guaíba.

Segundo o engenheiro responsável pelas obras do Sociambiental, Valdir Flores, o primeiro trecho iniciado deste Emissário foi no acesso à ETE Ipanema, junto à área onde começaram as obras da ETE Serraria.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Programa Sócio Ambiental

Tags:, ,

1 resposta

  1. Ops!!! não se enganaram dessa metragem ? 3.332 metros é só um pedacinho da Baltazar, onde eu moro…para todos esses bairros, não seria muito maior?

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: