Ford na Bahia: cartão de visitas

Esta é sempre dureza para nós gaúchos: lembrar a expulsão da Ford pelo governo Olívio Dutra em 1999. À época, os radicais do PT que assumir o governo do RS e fizeram Olívio Dutra de títere não concordavam com o financiamento com dinheiro público de uma multinacional norte-americana. Com uma visão tacanha, criaram todos os empecilhos para que a empresa, cuja área já estava na fase de terraplenagem na cidade de Guaíba, fincasse bandeira em definitivo. O resultado? O governo da Bahia foi ágil e ofereceu tudo e mais um pouco para que a Ford para lá se transferisse. O resultado é que a Ford instalou-se em Camaçari e nós gaúchos ficamos a ver navios.

No ano passado, a Ford anunciou ampliação da planta com investimento de US$ 1,2 bilhão. O governador petista da Bahia, Jaques Wagner, fez o impossível para viabilizar o projeto, com apoio total do presidente Lula. Todos os benefícios fiscais foram ampliados.

Hoje a Ford é um cartão de visitas na Bahia. Quando se desembarca no aeroporto internacional Luiz Eduardo Magalhães os primeiros banners de publicidade que se vê são estes. Os baianos estão de parabéns!

BLOG DO DIEGO CASAGRANDE – 17/11/2010
http://www.diegoreporter.blogspot.com

_______________________________

Só falta inaugurar uma estátua do Olívio Dutra na praça principal de Camaçari … rsrsrs



Categorias:Economia Estadual

Tags:, , , , ,

23 respostas

  1. A forde é uma grande empresa que, respeita o meo ambiente, com grande tecnologiae enovação. quero muito fazer parte dessa empresa.

    Curtir

  2. Paula,
    Não sou contra o projeto do cais, bem pelo contrário, sou muito a favor. Assim como era a favor do projeto do estaleiro como mesmo relatei no outro post.
    E que bom que a Yeda esta tentando aprovar o projeto do Cais.
    Sobre a comparação com Portugal e Canadá, acho que temos sempre que nos compararmos com algo melhor para irmos em busca desse ideal, como tu mesmo falou.
    O nosso problema é achar que porque um governo roubou menos que o outro já é lucro.
    Concordo com o Julião em gênero, número e grau.
    Como tu morou no Canada um tempo sabe a diferença entre educação de la com a nossa, esse sim é o grande problema.
    Mas não podemos culpar somente nossos políticos pois eles são o retrato da sociedade em que eles vivem em proporções menores é claro.
    Alguém por acaso não conhece algum amigo que tenha net pirata? Ou que um dia furou uma fila por conhecer o porteiro? Ou estacionou em lugar não permitido? Ou precisou da ajuda de algum amigo importante sendo que outro não tinham.
    Por bem ou por mau somos o retrato dos nossos políticos em menor escala de importância.
    Paula, sobre o teu último questionamento, sou sim a favor do cais e muito a favor.
    O que não entendo é esse radicalismo contra ou a favor do PT como tu mesmo fala na sua ultima frase. Isso sim prejudica a todos.
    E como te falei não sou PT, mas parece que o simples questionamento sobre o assunto me torne um.
    Ser “apartidário” aqui no RS é como não torcer para Inter ou Grêmio, ou alguém conhece um torcedor do zequinha?

    Curtir

  3. O que as pessoas não entende que quando dizemos que em outros países não roubam como aqui não estamos falando só da corrupção e outros crimes definidos no código Penal, pois para estes basta provar num processo e o criminoso é punido. O pior roubo no Brasil, para mim é o da ineficiência administrativa – um estado que existe para si próprio e não produz nada para a sociedade – consequência de apadrinhamentos, excessos de CCs, estatais improdutivas, métodos adminstrativos antiquados, salários de marajás para servidores fazerem atividades comuns… Sem contar as consequências disso tudo também para a iniciativa privada, o custo-Brasil.

    Aí perdemos dezenas e dezenas de bilhões de reais, não cueca abaixo, mas ralo abaixo mesmo.

    Curtir

  4. Comparações com países que já atingiram níveis sociais equânimes são despropositadas.

    Curtir

  5. Alexandre,

    Por motivos profissionais ja morei em Portugal e no Canada.Portugal, ainda nos anos 90, apesar de ser um dos paises mais pobres da europa na epoca, ja dava de relho em POA. So falando em limpeza. Nem vou citar o resto. Canada nem se fala. La, Alexandre, os politicos nao roubam como aqui. Todos os gastos dos governos sao publicados em jornais e a populaçao acompanha de perto.Por isso sobra dinheiro para fazer tudo o que eles precisam para ter uma vida boa.E la, Alexandre, eles tem a mente aberta para inovaçoes, pensam no bem estar do povo e nao em briguinhas politico partidarias. Engraçado, todo petista acha que quem nao concorda com o governo deles, ou é Brito, ou é Rigotto, ou é Yeda…Para mim,o governo Rigotto nao existiu. Foram quatro anos nulos. Fogaça na mesma linha.Nao sou defensora da Yeda, mas tenho a honestidade de dizer que fez muita coisa. Ela trabalhou quase os quatro anos no Projeto do Cais Maua. Ouve tanta discussao, que até chegou a enjoar. A coisa foi demorada.Seu governo teve menos falcatruas que no governo Lula. Entao, estamos no lucro. Alias,nunca vi o Raul Pont e seus companheiros condenarem os desmandos do governo Lula. Por isso, nao os considero os mais indicados para criticar. Dois pesos, duas medidas. Mas o que eu gostaria de saber mesmo é, o que há de errado com o projeto do Cais? Se fosse projeto do PT entao seria maravilhoso?

    Curtir

  6. Paula,
    primeiro acredito que a comparação entre POA e as cidades européias ou da América do Norte não seja uma comparação muito justa. Histórias e culturas muito diferentes das nossas.
    Agora gostaria de saber se tu conheceu mesmo essas cidades citadas ou somente fez turismo pois são coisas muito diferentes.
    Morei um tempo na Europa e posso dizer que vi muita pobreza, descaso, sujeira, indignação com a corrupção dos governantes e muitas outras coisas similares ao que ocorre aqui (sempre lembrando que a proporção aqui é bem maior).
    Comparação nunca é justa para ambos os lados, nem mesmo considerando ela entre capitais brasileiras.
    Assim como tu fala que se POA fosse bonita atrairia muito mais turistas, se fosse tão horrível ainda não estarias aqui, certo?
    Eu como tu e como todo o morador de POA quer mudanças e melhorias. Ninguém ta dizendo que vivemos no paraíso, até porque isso não existe.
    Temos que exigir sempre o máximo de todos os governos, mas digo de todos sem exceção.
    Não sou partidário e nunca fui e acredito que nesse contexto, esse seja o meu defeito.
    Gostaria de ver essa militância forte assim que a Yeda tivesse assumido o governo, ou assim que o próprio Rigotto, coisa que infelizmente não aconteceu, ou pelo menos não me lembro.
    Porque não se cobrou o Cais Mauã no governo Rigotto?
    Porque a Yeda está lançando o projeto do Cais a 2 meses de deixar o cargo (mesmo assim ainda bem que esta para sair) ?
    Alguém já se perguntou sobre isso?
    Quando tu falas em estrada, porque quando o governo era o do FHC, onde na eleição foi prometida a BR101 e o nosso glorioso Ministro do Transporte era o Eliseu Padilha nada foi feito para o Estado?
    O que se reclama agora é do atraso da obra da BR101(concordo que temos que reclamar até porque viajo constantemente para SC ), mas que bom que estão fazendo e que pelo que vi até o final do ano a parte gaúcha estará concluída.
    A Ford foi embora e concordo que não se possa esquecer disso. O Olívio e sua equipe foram incompetentes em a deixar ir para Bahia. Mas também temos que lembrar o fato inteiro mas acredito que isso já é uma discussão mais além.
    Alguém tem alguma reclamação da Prefeitura?
    Ou vocês não acham que o governo Fogaça foi omisso na questão do Estaleiro e simplesmente fez um plebiscito e deixou na mão de cerca de 0,1% da população de POA o que poderia ser decidido por ele para não se comprometer com a decisão.
    O que deve se esperar de todos é simplesmente que a cobrança seja integral e igual a todos independente de partido, religião, raça,clube, …..

    Curtir

  7. Vamos torcer para o PT nao proibir o uso do fogo e da roda. Rezo para isso nao acontecer!!!

    Curtir

  8. Concordo com todas as opiniões. Mas somente a título de informação quando realizamos a diferenciação entre turismo de lazer e turismo de negócios, no ítem negócios, Porto Alegre está bem colocada, atrás somente de SP e RJ (se não estou enganado).

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: