FELIZ ESTRADA NOVA – Feriadão com a BR-101 duplicada

Faltando menos de duas semanas para deixar o cargo, o presidente Lula deverá cumprir amanhã a promessa de cruzar a pé os túneis de Morro Alto, no limite entre Osório e Maquiné. A inauguração dos túneis servirá de símbolo para tão esperada duplicação do trecho gaúcho da BR-101

Seis anos depois de ter assinado o início da duplicação da rodovia Osório-Palhoça (BR-101), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva retorna à estrada amanhã, agora para inaugurar o trecho gaúcho, até Torres. Os túneis de Morro Alto, palcos da cerimônia, são considerados a principal obra da rota por encurtarem em 11 quilômetros o trajeto até Santa Catarina. Estarão liberados já nos feriadões de Natal e Ano-Novo.

Com três anos de atraso da previsão inicial, a duplicação da 101 abaixo do Mampituba passou por sucessivos obstáculos. Foram 1.068 desapropriações, impasses com comunidades quilombolas e indígenas, dificuldades para o licenciamento das jazidas e pedreiras e chuvas constantes.

A principal barreira, no entanto, foi a conclusão dos túneis de 1,8 quilômetro. Em 2008, o projeto teve de ser totalmente alterado por causa da consistência das rochas. Além da morosidade, a consequência direta dessa coleção de barreiras foi a triplicação do valor de todo o empreendimento. Licitada por R$ 385 milhões em 2004, a conclusão do lado gaúcho superou R$ 1 bilhão.


Lula vai repetir os governadores Germano Rigotto e Yeda Crusius, que inauguraram estradas sem que estivessem 100% finalizadas. Rigotto fez isso com a Rota do Sol, em 2006, e Yeda, na semana passada, com a RSC-471. Da pista principal da BR-101 no Estado ficará para o próximo ano – provavelmente para março – o término da ponte do Rio Três Forquilhas, no km 40. Além disso, as pistas laterais nos trechos urbanos, como em Terra de Areia, não ficaram prontas.

Para o presidente e a direção do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), os túneis de Morro Alto, que serão abertos para o trânsito amanhã, representam a conclusão do projeto. A passagem é uma das mais modernas do país, equipada com sistema de monitoramento.

O lado catarinense vai demorar para ser liberado. Os motoristas terão de esperar pelo menos mais três anos para passar pela nova ponte de Laguna e através de túneis dos morros do Cavalo (Palhoça) e do Formigão (Tubarão), projetos que mal começaram a sair do papel.

 Zero Hora

Share



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:,

5 respostas

  1. Essa rodovia tem tantos viadutos, vias laterais e passa em tantas área urbanas, com desapropriações mais caras e complicadas, que acho que seria mais barato, rápido e de melhor execução se tivessem feito logo uma estrada nova paralela a atual.

    De qualquer maneira, agora é tarde para pensar nisso. Só espero que alguém tenha pensado nessa alternativa e comparado com a opção escolhida antes de terem iniciado a obra… ainda acredito que nossos gestores públicos pensam.

    Curtir

  2. Lula DEVE inaugurar a obra que ele começou. Melhor que o FHC que ficou oito anos e não fez.

    Curtir

  3. Brilhante comparação Adriano… Realmente ninguém ficaria contente em pagar por algo superfaturado, atrasado e incompleto!

    Curtir

  4. Fosse em outro pais o presidente teria vergonha de inaugurar uma estrada incompleta, superfaturada e absurdamente atrasada. Me arrisco a dizer que outro presidente talvez tivesse vergonha também.

    “Só” demorou 150% mais para ter 70% da duplicação pronta (faltam partes em SC) gastando 260% do valor estimado inicialmente. O engraçado é que as pessoas tendem a ficar mais felizes quando uma obra ridiculamente atrasada fica pronta, pois é um alívio maior.

    Eu não vejo nenhum motivo para comemorar. Se eu tivesse contratado um profissional para me fazer uma obra (como uma reforma por exemplo) e ele demorasse muito mais, custasse muito e me entregasse a obra incompleta eu ficaria muito indignado.

    5 anos para duplicar 100 km de estrada! Queria ter dados de quanto tempo se levou para construí-la originalmente. Duvido que tenha levado 5 anos. E isso foi décadas atrás. O que mudou?

    Curtir

  5. Mas que maravilha… vou pra Bombinhas no verão e já pegarei boa parte da estrada duplicada.

    Pena que, em Santa Catarina, ainda faltem finalizar diversos trechos, principalmente a nova ponte estaiada de Laguna e dois túneis que ainda devem ser licitados.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: