Estudantes se mobilizam contra aumento de passagem na Capital

Sindicato de empresas de ônibus pediu reajuste de 14,69% nesta sexta-feira

Os estudantes de Porto Alegre já começaram a se mobilizar contra o provável reajuste da passagem de ônibus. Um grupo está utilizando o Twitter para demonstrar o descontentamento com o Sindicato das Empresas de Ônibus (Seopa) que protocolou, na Prefeitura de Porto Alegre, nesta sexta-feira, pedido de aumento para R$ 2,81 (índice de 14,69%).

Desde que foi divulgado o pedido da Seopa, o grupo de jovens está tuitando a seguinte frase: “Ajude a divulgar a luta dos estudantes de Porto Alegre contra o aumento das passagens que é #TRIcaro”

A entidade alega que, de acordo com a lei que regulamenta a matéria, as empresas podem solicitar reajuste baseado na revisão do dissídio coletivo dos empregados (rodoviários). Segundo o sindicato, pela legislação, já poderia apresentar esse pedido em outubro de 2010, uma vez que o índice acumulado já havia atingido 8,30%, acima dos 8% da lei. A solicitação não foi feita na época, devido ao período eleitoral que poderia tumultuar o processo.

O novo contrato coletivo de trabalho assinado nesta sexta-feira entra em vigor a partir de 1º de fevereiro e aumenta os salários em 8%. Os motoristas e fiscais passam a ganhar R$ 1.616,23, os cobradores R$ 971 e os demais empregados 8% de reajuste. O vale-refeição passará para R$ 13 por dia por funcionário e o plano de saúde para R$ 500 por ônibus/mês.

O Sindicato também justifica o pedido alegando que desde o último reajuste da tarifa, os demais insumos da planilha tarifária tiveram as seguintes variações: pneus 27,84%, recapagens 36,00%, óleos lubrificantes e graxas 64,00%, e veículos (chassis e carroceria) em média 15,51%. Afirma também que houve expressivos aumentos nos serviços terceirizados de manutenção e reparo dos ônibus.

Correio do Povo
 



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:, ,

7 respostas

  1. Ainda mais em uma cidade como Porto Alegre em que 95% das linhas de ônibus são radiais….

    Curtir

  2. Esse valor é absurdo. Vou criticar pra sempre, enquanto não houver integração de verdade entre os ônibus (tu descer de um e embarcar no próximo sem pagar NADA), nada justifica o valor.

    Curtir

  3. Comentários com e-mails fake serão deletados. Não perca seu tempo comentando em nome do prefeito e de outros políticos. Nós sabemos muito bem como identificar se é fake ou não. OK?

    Curtir

  4. Quem criticou o prefeito aqui??

    Curtir

  5. deve ter uns 16,17.. os comentários são típicos dessa fase pubes

    Curtir

  6. Olha ali, o cara criticando o melhor prefeito que essa cidade ja teve nos ultimos anos….
    Quantos anos sera que tem a criança?

    Curtir

  7. Cacete.
    Com o valor de passsagem, posso pagar a gasolina de ida e volta todo dia mais um estacionamento no centro pro carro.

    É, tudo indica que logo vou largar os onibus.

    Lamentavel.
    2,81, não acredito, que absurdo.
    Com 1 litro de gasolina, um carro normal faz na cidade uns 10km/l, com isso, posso ir e voltar do trabalho…. ainda sobra uns centavos mais a passagem que daria de volta.
    Da pra pagar a gasolina e a garagem…

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: