Orlando Silva e Luigi indicam que Beira-Rio receberá Copa das Confederações

Ministro considera Porto Alegre “sede natural” e presidente colorado garante estádio pronto no final de 2012

Orlando Silva cumprimenta o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, observado pelo secretário da Copa 2014, João Bosco Vaz (E) e pelo deputado federal e ex-goleiro Danrlei (D) - Ricardo Duarte

Um ano antes da próxima Copa do Mundo, o Beira-Rio já receberá grandes seleções em um evento da Fifa: a Copa das Confederações. Apesar de não haver confirmação oficial, é o que se conclui a partir das declarações dadas pelo ministro dos Esportes, Orlando Silva, e do presidente do Inter, Giovanni Luigi, durante almoço nesta quinta em uma das suítes do Beira-Rio.

— Pela tradição que tem no futebol, Porto Alegre é uma sede natural da Copa das Confederações — disse Orlando Silva.

O ministro explicou que é a Fifa quem escolhe as sedes, que precisam estar com tudo pronto nos próximos dois anos. Mesmo otimista, ele fez um apelo aos dirigentes colorados e à administração municipal da Capital:

 — Seria muito importante que a cidade mirasse sua participação de infraestrutura e do estádio para estar pronta em dezembro de 2012.

No que depender do Inter, isto não será problema. A garantia é do presidente do clube, Giovanni Luigi. Ele explicou o andamento da reforma do estádio: até o final de junho deste ano, um quarto do anel inferior — exatamente o trecho que está sem arquibancadas neste momento — já estará nos padrões para a Copa do Mundo de 2014.

As arquibancadas pré-moldadas estão contratadas. Depois da primeira instalação, o clube fará a demolição dos assentos antigos e a instalação dos novos gradativamente, em outras três etapas. Além disso, até o final de março as fundações e o estaqueamento da cobertura do estádio estarão concluídas.

Luigi reconhece que há a possibilidade de o clube contratar uma empreiteira para assumir a obra. Segundo o dirigente, no entanto, o assunto será debatido pelos conselhos consultivo e deliberativo.

— É algo que vai impactar muito além da minha gestão — justificou, garantindo que, se na empresa for contratada, o cronograma das obras não será alterado.

Além de Luigi e Orlando Silva, o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e o secretário estadual dos Esportes, Kalil Sehbe, também participaram do encontro. Ainda estiveram no Beira-Rio o secretário extraordinário municipal da Copa de 2014, João Bosco Vaz, e os deputados federais Manuela D’Avila (PC do B-RS), Beto Albuquerque (PSB-RS), Adão Villaverde (PT-RS) e Danrlei (PTB-RS).

Zero Hora
 

Share



Categorias:COPA 2014, Copa das Confederações 2013

Tags:

1 resposta

  1. o que é esse fedorenta MANU foi fazer lá ? alguém diz pra essa retardada socialista ir pro interior do estado, cidade grande não é pra ela.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: