Manifestação com 2 mil ciclistas é recebida por secretário da prefeitura e vereadores

Manifestação com 2 mil ciclistas é recebida por secretário da prefeitura e vereadores Crédito: Tarsila Pereira

Grupo protestou contra violência no trânsito após atropelamento coletivo de sexta-feira

O protesto com mais de 2 mil ciclistas que passou pelas ruas centrais de Porto Alegre terminou em reunião com o secretário municipal de Coordenação Política e Governança Local, Cezar Busatto. A organização Massa Crítica, que prega a substituição do automóvel pela bicicleta para preservar o meio ambiente, iniciou às 19h desta terça-feira protesto contra a violência no trânsito, depois que o servidor do Banco Central Ricardo Neis arrancou em velocidade e atropelou um grupo de ciclistas na última sexta-feira.

Conforme a Brigada Militar, mais de mil ciclistas partiram do Largo Zumbi dos Palmares. No decorrer do percurso, que passou por Joaquim Nabuco, Lima e Silva, Borges de Medeiros e Fernando Machado, centenas de pessoas se uniram ao grupo, superando a barreira de 2 mil ciclistas em frente à prefeitura. A manifestação tem como lema um comportamento mais humano no trânsito e sugeriu a Busatto um programa de educação para os motoristas de Porto Alegre.

No Paço Municipal o grupo se deitou no chão, em referência ao incidente da última sexta-feira, que deixou dez feridos. O grupo gritou palavras de ordem como “uma bicicleta, um carro a menos”, “paz, amor, menos motor” e “vem para Massa Crítica vem”.

MP e Polícia Civil pediu prisão preventiva de atropelador

Ricardo Neis, de 47 anos, é alvo de dois pedidos de prisão preventiva, ainda sem resposta da Justiça. Ele deverá ser indiciado por multipla tentativa de homicídio doloso.

Ele se internou em uma clínica psiquiátrica da região metropolitana de Porto Alegre nesta terça. A informação foi dada pelo advogado de defesa, Jair Jonco.

Correio do Povo

____________________________________________

Veja mais duas fotos que foram publicadas no jornal Zero Hora:

Fotos: Mauro Vieira / ZH

 

Share



Categorias:Bicicleta

Tags:,

8 respostas

  1. Esses tais de “cicloativistas”, com a atitude radical que às vezes demonstram contra os USUÁRIOS de automóveis, acabam demonstrando não ter tanta coerência quando falam numa “humanização” do trânsito. O problema é que os “cicloativistas” não deixam de ser uma espécie de “políticos” entre os ciclistas, e como a quase totalidade da classe política brasileira, parecem acreditar que o mundo devesse girar ao redor dos umbigos deles…

    Curtir

  2. Acho elogiável essa escolha de vida feita pelos ciclistas, sei que não é por falta de dinheiro que eles pedalam por ai, uma vez que carro popular está sendo vendido quase de graça.
    Só que em nossa cidade é mais fácil andar de carroça do que andar de bicicleta.
    Sou afavor de uma ciclovia inspirada em projetos de primeiro mundo, mas do que adianta termos projetos de primeiro mundo se a mentalidade da população é a mesma?! E isso vale para os ciclistas também, discussão nunca é justificável. Não concordo com o radicalismo de alguns integrantes, que agora já querem partir para a discussão, devemos refletir mais antes de deixar o estresse do trânsito tomar conta de nós.

    Curtir

  3. Movimento radical demais pra ter pleno apoio da sociedade…

    Curtir

  4. acho que eventualmente eles vao conseguir alguma melhoria mas tb tenho essa limitacao em relacao a postura deles

    eu so possarei a apoiar se a postura mudar mesmo

    Curtir

  5. Pelo pouco que vi na comunidade do Inter, alguns estão criando ódio desse movimento. Tomara que não vire uma guerra de ciclistas contra motoristas.

    Em alguns pontos que critiquei da outra vez, o protesto melhorou: foram mais organizados e se dirigiram às autoridades. Continuo não apoiando o movimento devido à forma como é feito, mas se eles conseguirem melhorias concretas, como novas ciclovias, eu posso até mudar de ideia.

    Curtir

  6. organizados sim, e com razão!!

    Curtir

  7. engraçadinho seu comentário Jânio ou Jake!!???
    você queria o que, depois do acontecido?
    que a sociedade civíl ficasse de boca calada?
    estamos numa ditadura? o que é isso?
    explique melhor o seu comentário, e de preferência, sem se esconder atras de um pseudônimo!!

    Curtir

  8. organizados esses caras..

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: