Primeiro trecho da duplicação da Beira-Rio em fase de conclusão

A duplicação da avenida Edvaldo Pereira Paiva, a Beira-Rio, segue em ritmo acelerado. O primeiro trecho da obra já está em fase de conclusão. Na quarta-feira, 2, foi iniciada a colocação da segunda camada do capeamento asfáltico do trecho a partir da avenida Ipiranga, em direção ao estádio Beira-Rio. Com a conclusão da pavimentação da pista, serão iniciadas as medidas de acabamento e urbanização do local. “Posteriormente, realizaremos a adequação do passeio e o projeto de iluminação deste trecho”, destacou o secretário Municipal de Obras e Viação (Smov), Cássio Trogildo, que conferiu os trabalhos, acompanhado do secretário-adjunto, Adriano Gularte, e do engenheiro José Kein, responsável pela fiscalização da obra.

Colocação da segunda camada do capeamento asfáltico começou hoje Foto: Fredy Vieira/PMPA

No segundo trecho trabalhado, as equipes efetuam a instalação de meios-fios, para que a pista possa receber a primeira camada asfáltica. Nas duas partes em execução, foram realizadas obras das redes pluvial e cloacal, serviços de aterro da pista e do passeio, colocação da base de brita graduada e instalação de meios-fios. No primeiro trecho, já havia sido empregada a primeira camada asfáltica.

A obra da ponte que ligará os dois trechos da via, sobre o Arroio Dilúvio, já está em processo licitatório. O recebimento das propostas está marcado para o dia 16 de março.

O projeto – A obra integra o conjunto de projetos da prefeitura visando à mobilidade e modernização de Porto Alegre para sediar os jogos da Copa do Mundo de 2014. É executada pela Construtora Extremo-Sul Ltda (Coesul) e fiscalizada pela Secretaria Municipal de Obras (Smov). As intervenções serão realizadas em quatro trechos distintos. Os dois primeiros, com investimento de R$ 6.971 milhões, compreendem 1,38 quilômetro de extensão. A previsão de conclusão dessa etapa é julho deste ano.

A ordem de início das obras foi assinada em 1º de julho de 2010. A extensão total da duplicação da Edvaldo Pereira Paiva é de 5,3 quilômetros, com investimento total de R$ 24 milhões. A pista contará ainda com ciclovia paralela ao Guaíba.

Prefeitura de Porto Alegre

Share



Categorias:COPA 2014

Tags:,

4 respostas

  1. Obra em tempo recorde. 6 meses pra abrir meio quilômetro de asfalto (sem meio-fio)
    Mais uma façanha para o Discovery Channel

    Curtir

  2. Pois é Rogério, seria bom para isso e para evitar que eles fechassem a pista tb.

    Curtir

  3. A ponte esta em processo licitatorio!?!?……ainda da tempo de tentar convence-los a fazerem uma ponte estaiada ou algo marcante…nao mais uma de concretao.

    Curtir

  4. Deveriam colocar defensas na ciclovia para proteger os ciclistas de loucos.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: