De novo: Incêndio atinge Vila Chocolatão

Chamas foram controladas em 30 minutos

Enquanto os bombeiros faziam o trabalho de rescaldo, moradores da vila tentaram se aproximar do local do incêndio e foram impedidos por policias militares. Houve discussão entre os moradores e os PMs - André Feltes / Agencia RBS

Um incêndio atingiu quatro casas da Vila Chocolatão, no Centro de Porto Alegre, na tarde desta terça-feira. Por volta das 15h, o fogo, que começou em um mato, atingiu as casas, que foram queimadas por completo. Após 30 minutos, três caminhões do Corpo de Bombeiros conseguiram controlar as chamas. Ninguém ficou ferido.

Enquanto os bombeiros faziam o trabalho de rescaldo, moradores da vila tentaram se aproximar do local do incêndio e foram impedidos por policias militares. Houve discussão entre os moradores e os PMs. Revoltados, os moradores expulsaram a pedradas os PMs e as viaturas da Brigada Militar que estava no local.

Diário Gaúcho



Categorias:Outros assuntos

58 respostas

  1. Outra coisa. Todos os que pregam tolerância à imundície são inimigos meus. Quem está do lado da sujeira ou quer mimar os imundos, é em essência nefasto à minha existência.

    Curtir

  2. Meu grande desejo era que os moradores dessas vilas simplesmente sumissem do universo. De fato, se eu tivesse pleno poder, exterminaria-os da face da Terra. Odeio lixo, sujeira e gente podre. Tá na hora de uma “seleção natural” pelas mãos humanas. A humanidade não vai sobreviver se continuar a tolerar a podridão.
    Todos aqui no blog têm direito de discordar da minha opinião….mas que fique bem claro que essa é a MINHA opinião e é o que eu faria se pudesse. Não opero com tabus religiosos. O que não me serve eu descarto…quero distância e, de preferência, quero que desapareça do mundo. Meu sonho era acordar e notar que a podridão humana foi banida do mundo. Quero um mundo limpo e organizado. Odeio viciados, bandidos, sujos e desocupados.
    Essa é a minha opinião e assumo a responsabilidade por ela. Não se trata de discriminar…mas de REJEITAR tudo o que me causa asco. Eu teria imenso prazer em acabar pessoalmente com toda essa gente IMUNDA que infesta a minha cidade. Me forneçam um lança-chamas que eu faço o resto.
    Gilberto…não delete meu comentário. Quero ele aqui…para que todos os que pensam como eu, não sintam-se constrangidos em opinar. Chega de coitadismos e declarações poiticamente corretas. Não tenham vergonha de expressarem seus pensamentos e desejos….por mais que eles possam ferir alguns “sociólogos” de plantão. Chega de falsdidades e argumentos adocicados.

    Que fique bem claro que não estou incitando ninguém ao ódio aos vileiros..tampouco estou fazendo campanha contra eles. Estou apenas emitindo a minha opinião sobre eles e o meu desejo em relação a eles. É uma opinião pessoal….que nada tem a ver com a opinião do blog.

    Curtir

  3. Que nhé nhé nhé, pago uma grana de impostos e não moro em area nobre.
    Eles não pagam nada e moram em uma area nobre.

    Ser pobre é bom de mais, ganha tudo de mão beijada, bolsa familia e isso e aquilo, e ainda tem um povo pra defender.
    Enquanto isso o rico fica rico e a classe media toma no **.

    Curtir

  4. Continua a mesma porcaria de sempre. A mesma coisa, a mesma eterna, perene, interminável, infinita e vitalícia droga de sempre.
    Nada muda nesta cidade. Continuam os mesmos lixos, os mesmos problemas de cidade terceiro-mundista…o mesmo ranço, os mesmos entraves, as mesmas nulidades administrativas. Tudo se repete ad nauseam..ad eternum. Dezenas de incêndios ainda virão. Um após o outro. Mobilizar-sé-á Brigada, Bombeiros, Polícia Civil, Defesa Civil…por causa dessas malditas vilas que imundiciam e emporcalham a cidade. O lixo venceu a civilização. Porto Alegre é um grande valão a ceu aberto (bom para os urubus que infestam cada vez mais os ares da cidade). A Vila Chocolatão é apenas uma entre centenas de vilas abarrotadas de gente suja, porca e prejudicial à nossa saúde…invasores contumazes de áreas públicas.
    LIXO…LIXO e mais LIXO.

    Curtir

  5. Maurício

    Pelo que eu saiba Pinochet passou o fim da sua vida em prisão domiciliar por roubo.
    Quer dizer que o correto é ser ladrão?

    Curtir

  6. Pinochet tinha razao,nao acham?

    Curtir

  7. Acho q devem ser retirados sim, esta e todas as demais vilas possíveis. Sabemos q estas pessoas nao estao la porque querem, mas sim pelo oq suas vidas ofereceram. Nesse aspecto, a Prefeitura (ou o Governo Federal mesmo) está perdendo uma grande oportunidade de tirá-los da pobreza: poderiam aproveitar o boom da construção civil e promover cursos de capacitação gratuitos para a formação de pedreiros e serventes.

    Curtir

  8. Emprego tem de sobra, quem convive com empresários sabe muito bem disso. Como foi dito a construção civíl passa por séria crise de falta de mão-de-obra, não é toa que tão trazendo uma monte de gente do nordeste pra trabalha aqui. Uma coisa bastante simples, mas não barata, é a prefeitura identifica os setores que estão estrangulados de mão de obra e dar treinamento pra os catadores. Mas como também já foi dito, eu não sei da disposição desse pessoal pra trabalha. Como exemplo, o ano passado ou talvés 2009, houve um Conversas Cruzadas sobra a lei pra acaba com as carroças. Estavam lá um secretário da prefeitura, os vereadores Adeli Sell e Sebastião Melo (autor da lei) e o representante dos carroceiros na discução. Pois bem, a certa altura o Lasier perguntou pra o representante a rotina de trabalho dele. Pra surprese acho que geral pelas caras, o cara trabalhava só na parte de manhã dos dias de coletas da área que ele recolia. Ele falo que saia umas 9 horas e ao meio dia já estava de volta em casa. O cara trabalhava 3,4 horas por dia, três dias por semana. Oferece um trabalho como o da contrução cívil e eu não sei se todos trocariam, mesmo que fosse pra ganha mais.

    Curtir

  9. A idéia do Andervaz é muito válida realmente, com uma qualificação profissional eles poderiam trabalhar em empregos mais dignos.

    E acredito que eles deveriam pagar um pequeno valor pelo imóvel (nem que seja parcelas de 50 reais por mes), assim eles poderiam chama-lo de seu próprio imóvel com orgulho, afinal eles estão pagando por ele.

    E não podemos esquecer de educar os seus filhos, para eles não cairem na mesma vida e ficarem a margem da sociedade.

    Curtir

  10. Andervaz, concordo contigo, associar a transferência deles com um curso técnico para alguma profissão é bastante válido.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: