A cidade mais limpa não é a que + se varre, mas a que – se suja.

Lixo coletado que foi deixado nas rua por pessoas.

Lixo coletado que foi deixado nas rua por pessoas.

Ontem fiz uma atividade que estava querendo fazer a horas.

Peguei um trecho da Av. Sertório que por diversas vezes eu vi com várias garrafas pet, garrafas de vidro e outros lixos e  fiz a coleta em um trecho de 2,2km onde recolhi 29 garrafas pets em aproximadamente 15 minutos somente de um lado da rua.

Vivemos reclamando da sujeira da nossa cidade, mas as garrafas, os papéis não saem saltitando de nossas casas  e vão parar na rua.

Devemos cuidar da rua como se fosse a nossa casa, não jogando lixo por ai, e sempre que possível conscientizando pessoas a nossa volta para que não façam isso pois estamos prejudicando a nós mesmos, visto que quando chove nossa cidade rapidamente alaga como neste vídeo.

E termino este post com a placa que existe na Av. Nilo próximo ao Grêmio Náutico União.

Cidade LIMPA não é a que mais se varre; é a que que menos se suja!

Cidade LIMPA não é a que + se varre; é a que que - se suja!



Categorias:Outros assuntos

8 respostas

  1. Já passou da hora da Brigada ter um BOPE que não perdoa, mas promove o encontro com o “juiz”…

    Curtir

  2. obs. e olha que o fantastico uma vez fez um teste no centro de Poa, e foi uma das mais limpas do Brasil, imagina as outras…

    Curtir

  3. Augusto mora perto de mim.
    tenso
    sahusahusahusahuashhau

    É complicada a situação ali mesmo.
    Na praça da Benjamin tambem moram uns mendigos, é um lixo só, na São Geraldo não digo que moram, mas vai e vem aparece um dormindo nos bancos, no inverno eles queimam lixo e as lixeiras, no outro dia tu ve papel por tudo que é canto, restos de comida…. mas os maconheiros da praça tambem deixam seu lixo por la.

    Curtir

  4. “Já que estamos falando disso, sugiro passarem naquela praça que fica no encontro da Bordini com a Quintino e a Cristovão, onde um bando de gente simplesmente se instalou com barracas de lona e passou a morar ali.”

    Na minha rua , uma cambada de drogados e carrinheiros se instalou numa pequena praça. Moram ali há quase um ano, se drogam e transam com prostitutas menores de idade.

    Curtir

  5. Se dependermos de conscientização…morreremos afogados na sujeira.

    Sociedade não depende de consciência coletiva…mas de punição aos infratores. Mete a mão no bolso de quem suja que o problema tá resolvido.
    Caso contrário, vamos ficar debatendo, debatendo e debatendo eternamente enquanto a cidade vai ficando cada vez mais imunda.

    Curtir

  6. Alvaro, é um nojo aquela praça, chega a ser lamentavel, eu ia bastante ali de noite pra beber, teve uma época que aquele (não sei se agora são indios ou mendigos, antes eram indios) pessoal assaltava as pessoas na zona.
    E era um lixão a céu a berto, lamentavel.

    O centro tambem, a sujeira que os mendigos deixam, ali no MARGS, um mendigo tocou fogo numas coisas, estragou a pintura do prédio e deixou um monte de lixo, isso quando não tem coco de gente nas ruas.
    É lamentavel.

    Alguem vai dizer que a culpa é da sociedade e sei la o que.

    Curtir

  7. Já que estamos falando disso, sugiro passarem naquela praça que fica no encontro da Bordini com a Quintino e a Cristovão, onde um bando de gente simplesmente se instalou com barracas de lona e passou a morar ali. Veremos quanto tempo eles serão permitidos ficarem ali e se eles acabarão arrendando a praça para si.

    Curtir

Trackbacks

  1. Ecopontos – onde deixar o seu lixo reciclável « Blog Porto Imagem
%d blogueiros gostam disto: