Dez aeroportos não ficam prontos, diz Ipea

Estudo a ser divulgado hoje pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revela que 10 dos 13 aeroportos que estão recebendo investimentos do governo para a Copa do Mundo de 2014 não serão reformados ou ampliados a tempo de sediar o evento. Entre eles, está o Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre.

Segundo o documento, as obras no aeroporto da Capital deverão durar pelo menos 80 meses – mais de seis anos e meio.

A análise se baseou em dados econômicos, de movimentação dos terminais e no plano de investimentos da Infraero, a estatal que administra os aeroportos, até a Copa de 2014. Não leva em conta, entretanto, eventuais contestações por parte do Tribunal de Contas da União (TCU), o que significaria mais atrasos nos cronogramas.

O principal gargalo, segundo o Ipea, seria a concessão de licenças ambientais pelo Ibama, que tem um prazo médio de 38 meses. O plano de investimentos da Infraero prevê R$ 5,5 bilhões.

Além disso, o estudo aponta uma rotina de descontinuidade nas obras e uma situação crítica de ocupação em nove dos 13 terminais que serão usados na Copa. A situação crítica se refere a aeroportos que já apresentam ocupação acima de 100% da capacidade do terminal. Em Porto Alegre, a simulação do Ipea aponta que o Salgado Filho terá um movimento 122,2% acima de sua capacidade em 2014. O documento classifica a situação como “alarmante”.

Segundo o documento, preocupa também a baixa eficiência na execução dos programas de investimento por parte da Infraero. Entre 2003 e 2010, de acordo com o Ipea, foram aplicados em média 44% dos recursos previstos para o período. O instituto recomenda um “inadiável aprimoramento” na gestão empresarial da estatal de aeroportos.

Zero Hora

Situação alarmante
O QUE NÃO FICA PRONTO
FortalezaManaus
Brasília
São Paulo (Guarulhos)
Salvador
Campinas
Cuiabá
Belo Horizonte
Porto Alegre
Natal
O QUE PODE FICAR PRONTO
Curitiba
Recife
Rio de Janeiro (Galeão)
Fonte: Fonte: Ipea


Categorias:aeroportos brasileiros, COPA 2014

Tags:

26 respostas

  1. O pior é que nem se as obras forem feitas no prazo elas servirão, vejam só:

    “Após os investimentos previstos para a Copa 2014, se todos os investimentos forem feitos e as obras finalizadas no prazo, dez dos 13 aeroportos que receberão recursos já estarão operando além da capacidade. São eles: Guarulhos (SP), Brasília (DF), Confins (MG), Porto Alegre (RS), Fortaleza (CE), Natal (RN), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Recife (PE) e Salvador (BA).”

    Fonte:

    http://noticias.r7.com/cidades/noticias/dos-20-maiores-aeroportos-brasileiros-17-operam-acima-da-capacidade-20110414.html

    Quanto à desist~encia, também sou a favor! No entanto, nunca farão isso. É mais fácil o comitê organizador retirar a copa da gente do que nossos líderes renunciarem ao direito de sediarem à mesma. Eles acham que os estrangeiros são que nem os brasileiros, que aceitam qualquer coisa. Devem estar pensando em fazer um módulo operacional nas ruas e nos estádios também.

    Curtir

  2. Olha, eu estou com vocês. Sou a favor do cancelamento da Copa e das Olimpiadas. Seria um ato coerente, não temos condições de sediar esse tipo de evento ainda. O molusco encardido e operário aproveitou a rep(u)tação pop que ganhou com a demagogia populista no país para se ‘lançar’ como intelectual mundo afora, sendo que nem menos sabe falar inglês. Bobinho foi quem acreditou, mas vejamos, ou a copa não sai ou a copa será um fiasco, o PT perde de qualquer maneira.. talvez eles mesmo tenham cavado sua própria sepultura com essa mentirinha de Brasil POP.

    Curtir

  3. Eu to com o senador Alvaro Dias, desiste enquanto e’ tempo, o fiasco vai ser enorme. Aproveita e desiste das Olimpiadas no Hell de Janeiro em 2016 tambem.

    Curtir

  4. E o pior de tudo não é nem saber que não ficará pronto para a Copa. É saber que depois de todo o atrase, quando finalmente ficar pronto, teremos ganhado apenas mais 3 pontes de embarque para supostamente atender a toda a demanda até 2018, quando novamente estará saturado novamente e então essa enrolação terá que se inicar novamente.

    Enquanto isso.. Na China.. Como já falei aqui no blog anteriormente.. Contruirão nada menos do que 56 mega-aeroportos por lá em menos de 5 anos, já vislumbrando o crescimento que se derá por aquelas bandas. Já aqui a gente nem consegue fazer reformas tapa-buracos, que mesmo quando prontas não acrescentarão nada demais aos terminais e não solucionarão o aperto da população.

    Aeroporto deve ser um lugar confortável, amplo, algo grande que faça com que as pessoas se espalhem pelo mesmo de tal maneira que nem se perceba que há milhões de pessoas circulando por ali anualmente, Somos um país continental e incrivelmente não temos menhum mega aeroporto ao estilo dos aeroportos de Atlanta, Amsterdã, Paris e etc. Nossos Guarulhos e Galeão, se estivesse na Europa ou EUA, estariam localizados em cidades do porte de no máximo uma cidade de 1 milhão de habitantes, nunca em metrópoles como Rio e São Paulo. POA, sim, já deveria ter um aeroporto do porte de Guarulhos e seus dois terminais ou do Galeão e seus dois terminais.

    Os políticos já devem estar de bolso muito cheio de dinheiro roubado dos cofres públicos, já que nem estão se importando em fazer algo por nossos aeroportos, mesmo sendo notório que é necessário fazer para só então conseguir desviar um “pouquinho”, seguindo a política do “rouba, mas faz”. Só se agora o slogan é “rouba e não faz”.

    Curtir

  5. Olha, nao tem escapatoria….se nao desistirem da copa, sera um fiasco, nada estara pronto 100% nem estadios nem aeroportos nem hoteis muito menos estradas e seguranca e telecomunicacoes. Sera um desastre!!! Se desistirem, imagine o fiasco, maior ainda, MAS talvez tenha um final feliz!!! SERIA O FIM DO PT! : ) Seria ironico ate’, estes imbecis esquerdistas que criaram esta monstruosidade burocratica!!!! Destruidos por sua criatura!!! kkkkkkkkkk

    Curtir

  6. ”O líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR), afirmou que o Brasil deveria pedir desculpas à Fifa e desistir da Copa. “Diante dessa situação, seria melhor o Brasil pedir desculpas à Fifa e abrir mão de realizar a Copa do Mundo. A continuar nesse ritmo, obras de infraestrutura, aeroportos e estádios construídos com dinheiro público, seria melhor para o Brasil que devolvesse o projeto e pedisse à Fifa que escolhesse outro país.”

    http://g1.globo.com/economia/noticia/2011/04/infraero-diz-desconhecer-base-tecnica-de-estudo-do-ipea-sobre-aeroportos.html

    Curtir

  7. O pior é que, mesmo saindo, será feito com viabilização feita agora. Ou seja, daqui a 7 anos, quando (e se) estiver pronto, já estará obsoleto.

    Curtir

  8. E isso é novidade?

    Rezem para que pelo menos os estádios fiquem prontos…

    Ts ts!

    Curtir

  9. Pelo jeito, teremos de contentarmos com REMENDÕES não só para a Copa.

    Curtir

  10. Teremos de contentarmos com REMENDÕES não só para a Copa.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: