Câmaras temáticas da Copa 2014 serão instaladas amanhã

A Secretaria Extraordinária da Copa 2014 (Secopa) e o governo do Estado instalam nesta terça-feira, 3, seis Câmaras Temáticas do Comitê Organizador Sede – Porto Alegre 2014. A cerimônia será às 11h, no Teatro Renascença do Centro Municipal de Cultura Lupicínio Rodrigues (Av. Érico Veríssimo, 307), com a presença do prefeito José Fortunati, do titular da Secopa, secretário João Bosco Vaz, do secretário estadual do Esporte e do Lazer, Kalil Sehbe, e do coordenador geral do Comitê Executivo da Copa do Mundo do Rio Grande do Sul, Carlos Eugênio Simon.

As câmaras instaladas serão as de Mobilidade Urbana; Marketing, Cultura e Eventos; Infraestrutura Esportiva; Promoção Comercial, Tecnologia e Serviços Públicos; Qualificação, Voluntariado e Protocolo e Meio Ambiente e Sustentabilidade. “Todas esses eixos de trabalho terão um papel fundamental no processo de preparação da cidade por envolver diferentes setores da sociedade civil e entidades representativas que deverão colaborar com iniciativas e projetos”, explica Bosco.

Parceria com o Estado – Entidades, sindicatos, associações de moradores, universidades, federações, clubes, conselhos e órgãos como Ministério Público, Câmara de Municipal e Brigada Militar compõem os grupos, que trabalharão de forma integrada com as Câmaras Temáticas do governo do Estado.

Conforme acordo entre Bosco, Kalil e Simon, foi definido que o Estado não comporá câmaras e seus coordenadores integrarão os grupos da prefeitura, atuando em parceria com os coordenadores municipais. Órgãos e secretarias da prefeitura também integrarão e coordenarão os trabalhos com a indicação de titulares e suplentes. A primeira Câmara Temática implantada foi a de Turismo e Hotelaria, que reúne cerca de 50 entidades do setor. A organização das áreas está baseada nas Câmaras Temáticas do Ministério dos Esportes, do governo federal.

Veja abaixo as entidades convidadas para integrar as Câmaras Temáticas do Comitê Organizador Sede – Porto Alegre 2014:

Infraestrutura Esportiva
Coordenação –  Prefeitura: José Mocellin (Secopa) / Estado: Ricardo Nunes
Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME)
Sindicato dos Árbitros de Futebol
Associação Riograndense de Fotógrafos (ARFOC)
Federação Gaúcha de Futebol (FGF)
Associação dos Cronistas Esportivos – (Aceg)
Brigada Militar e Corpo de Bombeiros.
GT Telecomunicações da Fiergs
Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB/RS)
Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul (Sergs)
Sindicato da Indústria da Construção Civil no RS (Sinduscon/RS)
Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC)
Sindicado dos Atletas Profissionais do RS
Sport Clube Internacional

Marketing, Cultura e Eventos
Coordenação – Prefeitura: Giuliano Thaddeu e Flávio Dutra (CCS) / Estado: Eduardo Lemmertz, Fábio Ramos e Martha Voigt
ADVB
Associação Riograndense de Propaganda (ARP)
Associação Brasileira de Propaganda (ABP)
Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM)
Federação Gaúcha de Futebol (FGF)
Associação Gaúcha das Emissoras de Rádio e Televisão (Agert)
Associação Riograndense de Imprensa (ARI)
RBS
Band
Rede Pampa
Record RS
Jornal do Comércio
Sogipa
Grêmio Náutico União
Sport Club Internacional
Grêmio Foot-ball Porto Alegrense
Convention and Visitors Bureau
Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG)
Secretaria Municipal da Cultura (SMC)
Conselho Municipal de Cultura (CMC)
Associação das Entidades Carnavalescas de Porto Alegre e do RS (Aecpars)
Sindicato dos Compositores Musicais do Estado do RS (SICOMRS)
Federação Universitária Gaúcha de Esportes
 
Mobilidade Urbana
Coordenação – Prefeitura: Newton Baggio (SMGAE) / Estado: Maria do Socorro Barbosa
Centro das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Ciergs)
Sinduscon
Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do RS (Crea)
EPTC
Infraero
Federasul
Associação de Moradores da Vila Tronco
Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil
Secretaria Especial de Acessibilidade e Inclusão Social (Seacis)
Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB)
Sergs
Sindicato dos Arquitetos do RS (Saergs)
Ministério Público
Sindicato da Arquitetura e da Engenharia (Sinaenco)
 
Meio Ambiente e Sustentabilidade
Coordenação – Prefeitura:  Luiz Fernando Zachia (Smam) / Estado: Angela Bachieri Duarte
Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)
Batalhão Ambiental da BM
Ministério Público
Sinduscon
Fiergs
Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU)
Câmara Municipal
Sindicato da Arquitetura e da Engenharia (Sinaenco)

Promoção Comercial, Tecnologia e Serviços Públicos
Coordenação – Prefeitura: André Imar Kulczynski e Valter Nagelstein (Procempa e Smic) / Estado: Cel. Erlo Pitrosky, Eduardo Elsade, Évison Cordova
Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL)
Sindilojas
Federasul
Fiergs
Secretaria Municipal de Saúde (SMS)
Tecnosinos
Tecnopuc
Associação de Desenvolvimento Tecnológico do Vale (Valetec)
Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre
CEEE
Cremers
Câmara de Vereadores / Comissão Especial de Acompanhamento à Copa do Mundo 2014 da CMPA
Sindicato da Habitação (Secovi)
Procon Municipal
Sinduscon
Associação de Mulheres de Negócios (BPW)
Sindicato dos Engenheiros (Senge)
Ministério Público

Voluntariado, Protocolo e Qualificação
Coordenação – Prefeitura: Rita de Cássia Reda Eloy (SMA) / Estado: Sueme Pompeo de Matos e Bruno Scheidelmandel Neto
Associação Cristã de Moços (ACM)
Centro de Integração Empresa Escola (CIEE)
Federação Gaúcha de Clubes Sociais, Esportivos e Culturais (Federaclubes)
Unisinos
Ulbra
Ufrgs
Sesi/RS
Sesc/RS
Unilassalle
PUC/RS
Parceiros Voluntários
Senac/RS
Delegacia Regional do Trabalho (DRT)
Escola de Gestão Pública (EGP)
Conselho Municipal de Desportos
Câmara de Vereadores / Comissão Especial de Acompanhamento à Copa do Mundo 2014 da CMPA

 Prefeitura Municipal

________________________________________

É isso que os políticos gostam. São eventos, seminários, câmaras, discussões intermináveis, instalação de gabinetes, criação de cargos… A cidade estar preparada para a Copa é outra história. Enquanto esta classe política e este executivo agir assim, não sei o que restará da cidade…



Categorias:COPA 2014

Tags:, ,

9 respostas

  1. Obras da Copa (Túlio Milman – ZH)

    Dois mantras bem brasileiros:

    – Não faça agora o que pode custar mais depois.

    – A pressa é inimiga da licitação.

    Curtir

  2. Porto.. o Brasil é o país do futuro desde 1960.. acha que quando falam futuro, é futuro mesmo, algum período entre 3001 a 3100.

    Curtir

  3. O Brasil é o país do futuro! Afinal, sempre deixa-se as coisas para o futuro, sempre espera-se pelo futuro, parece que as coisas se resolverão até lá sozinhas, num passe de mágica. Seremos sempre o eterno país do futuro, deitado (e dormindo) em berço esplêndido, como diz o nosso glorioso hino nacional.

    Curtir

  4. O povo tem os representantes que merece.

    Agora nós vamos ler e ouvir papo furado até meados de 2012..sim..pois depois dessa data, a FIFA já vai ter tomado as suas providências.
    E tem mais um “detalhe” nisso tudo. Nós, contribuintes, estamos pagando pela criação do SEMCOPA municipal e estadual. A grana tá saindo do nosso bolso….pra sustentar toda essa nova estrutura falaciosa. No fim das festança, isso vai dar mais dor de cabeça do que cachaça de alambique clandestino.

    Curtir

  5. É só BLAH BLAH BLAH BLAH…

    Estamos em maio de 2011.

    Em janeiro de 2013, as obras estarão todas atrasadas ou nem iniciadas, e eles ainda estarão discutindo o “futuro” da cidade.

    Curtir

  6. Esses dias fui até a PUCRS buscar uma pessoa, na FAMECOS. Vi um grupo de pessoas barbudas tocando violão, no lado havia uma pessoa que reconheci na hora, Celso Augusto Schroder, jornalista.. 3 pessoas desse grupo vestiam uma camiseta escrito, MORRE BURGUÊS, AQUI VC NÃO TEM VEZ.

    Lula e o PT detonaram a dignidade das pessoas, fizeram lavagem cerebral e criaram uma geração fervorosa de gente que odeia a riqueza e o sucesso pessoal. Se esses caras não sairem do poder, cada vez vai ficar pior, não para quem está no poder, mas para os brasileiros que estão criando uma realidade virtual, que não existe.

    Curtir

  7. É verdade, Adriano, fostes perfeito nas tuas colocações. Na conjectura atual parece que ter capacidade intelectual chega até a ser crime, coisa de burguês. Terno e gravata então é coisa de safado. O que interessa é vir do povo, quando sabe-se que a maioria dos políticos vieram do povo, vide congresso nacional, e o país está como está. E olhe que não falo só de Lula não, falo de todos os partidos, bem como dos mais diversos cargos eletivos, deputados federais e estaduais, senadores, vereadores, prefeitos, governadores.

    O pessoal vota porque alguém é cantor, apresentador, jogador de futebo, artista. R os safados mais antigos se dão bem porque o nome não soa estranho ao povo e o povo opta pelo conhecido, quando deveria dar crédito ao novo.

    Curtir

  8. Políticos nada mais são do que lideres, tais quais reis, ditadores, papas, chefes, etc… A diferença dos políticos numa democracia é que eles são escolhidos pelo povo. A idéia é que os políticos portanto farão assim como o povo faria se pudesse tomar decisões de forma coordenada, pois eles foram escolhidos por ser e/ou agir da forma como o eleitor o faria. O poder portanto emana do povo, mesmo no Brasil.

    Não são portanto os políticos que são mal intencionados, e sim o povo. Qual a intenção do povo ao votar? Quais são os valores aos quais o brasileiro dá importância num candidato?

    Vou colocar abaixo uma lista de valores priorizados no primeiro mundo, e outra dos valores priorizados por eleitores brasileiros médios, para chegarmos à uma conclusão do que realmente está errado. Coloquei algum exagero para ressaltar o ponto, mas não acho que esteja muito longe da realidade.

    Valores priorizados no primeiro mundo:
    – ideais, identificados por ações passadas e discurso presente
    – capacidade de gestão, identificada por: capacidade intelectual e realizações
    – capacidade de ação, identificada por iniciativas passadas
    – integridade, honestidade, etc…

    Valores priorizados no Brasil:
    – já ouvi esse nome antes (todo ou parte dele)
    – acho que esse cara pode me dar algum benefício, afinal ele diz que defende os aposentados/servidores/etc
    – esse cara fala bonito como eu acho que político deveria falar (exaltação da retórica, isto é, forma em vez de função)

    Em outro países meritocracia é a norma, e o sucesso pela distinção intelectual é visto como um passe livre para maiores realizações. No Brasil os valores em geral não incluem nenhum destes pontos. É valorizada a humildade em detrimento do mérito, e o sucesso só é bem visto quando unicamente advindo do esforço, não da capacidade intelectual. O resultado é congresso que temos aí.

    Curtir

  9. Esse é o problema, muitos cargos, muitas reuniões, muita pompa, mas nada de realmente concreto. Tanta festa por quase nada, quanta incompetência. Que legado teremos!

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: