Prefeitura cria grupo de trabalho para pensar o embelezamento de Porto Alegre

Acabei de ver no Diário Oficial de Porto Alegre Eletrônico:

PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE, no uso de suas atribuições legais, CONSTITUI um Grupo de Trabalho – Pensando Porto ALegre, para num período de 12 meses a contar da data de publicação, propor e acompanhar a implementação de ações que visem a qualificação e o melhor aproveitamento dos espaços públicos, facilitem a mobilidade urbana, valorizem pontos referenciais e ou históricos, incentivem os cuidados e embelezem a cidade. Voluntários: WAGNER BRASIL; JOSÉ WILSON CORONEL e RODRIGO ALGAIER.

Servidores: ANA MARIA PELLINI; EDEMAR TUTIKIAN e IZABEL CHRISTINA COTTA MATTE, sob a Coordenação da Primeira Dama do município, REGINA MARIA BECKER, através da Portaria 120 de 05/05/2011.

Assim que eu tiver mais informações, postarei aqui.

Diário Oficial Eletrônico, 05/05/2011



Categorias:Outros assuntos

Tags:,

42 respostas

  1. Julião, tu fostes brilhante no teu comentário. Assino embaixo d etudo o que tu falastes.

    Tinha que haver uma lei no Brasil dizendo que político só pode usar os serviços do SUS, não pode ter plano de saúde privado e nem direito à plano de saúde especial financiado pelo governo, não podendo nem pagar do próprio bolso, tem que usar o SUS. Veria se a ásude não mudaria no país.

    Na educação a mesma coisa. Seus filhos teriam que estudar em escola pública, não poderiam fazer cursinho pré-vestibular nem de inglês e, se assim conseguirem passar em uma universidade pública, aí tudo bem, pois terão passado pelo que os brasileiros pobres passam.

    Carro do governo com motoritsa? Não, tem que ir de ônibus.

    Moradia? Tem que morar junto com o povo, no bairro que melhor demonstrar a classe operária local.

    Gatos públicos, até mesmo gastos pessoais na padaria e na quitanda da esquina teriam que se mostrados na internet.

    Afinal, não querem respresentar o povo? Então hajam como po povo, vivam como o povo, sofram na carne o que o povo sofre, quem sabe assim as coisas mudariam. Pena que a nossa Constituição não permitiria algo assim.

    Isso da educação do povo tu falastes tudo, nada mudará, pois não se investe na área.

    Se alguém quer mesmo fazer algo pelo país, deveria ver esse vídeo interessantíssimo:

    É um Globo Repórter que passou no mês passado sobre Cingapura, um país asiático que há quarenta anos atrás era pobríssimo, era uma região tão pobre que foi expulsa e desmembrada da Malásia. Sem ter o que fazer e nada de atrativos eles investiram na educação (as crianças do primário de lá já tem aulas de economia e finanças de maneira didática, para que aprendam a bem usar os seus recuros, de maneira racional). Vocês também verão que o país hoje em dia é um dos mais modernos da ásia, com torres impressionantes e urbanismo impecável. Jogar papel no chão gera multas caríssimas e há gente fiscalizando efetivamente para que isso não aconteça. Para completar, os favelados de lá ganham apartamentos que nem mesmo os moradores do Moinhos de Vento e da Bela Vista têm em POA. Ou seja, é um vídeo interessantíssimo que serve de lição para nós e que quem tiver um tempinho deveria ver. Acho até que seria interessante o Blog criar um post sobre ele para o pessoal ver que outra realidade é possível e que não se precisa esperar mais 500 anos por isso, pois há 40 anos atrás eles eram infinitamente mais pobres do que a nossa situação atual, então não precisaríamos esperar 40 anos para chegar no mesmo estágio que eles atualmente vivem.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: