Mais um passo para a nova ponte do Guaíba

Governo federal deve lançar, até o final do primeiro semestre, edital para selecionar a empresa que ficará responsável pelo projeto da construção

O edital que selecionará a empresa responsável por delinear as feições da nova ponte do Guaíba deve ser lançado até o fim de junho pelo governo federal. A expectativa é do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), que também prevê para o final de 2012 o início das obras da segunda travessia, considerada fundamental para desatar o nó viário que atravanca o desenvolvimento do Rio Grande do Sul.

Ontem, o diretor de Infraestrutura Terrestre do Dnit, Hideraldo Caron, confirmou a previsão de abertura da licitação. O novo passo será possível, segundo ele, devido à conclusão do estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental da obra, que consumiu meses e deve ser apresentado ao Ministério dos Transportes nas próximas semanas.

Embora o seu conteúdo seja mantido em sigilo pelo órgão, sabe-se que o estudo reúne informações como o custo estimado da obra e a localização mais adequada para a futura ponte. Uma das possibilidades cogitadas é que ela seja erguida a cerca de 800 metros da atual, onde o Guaíba encontra os rios Gravataí e Jacuí.

Cautelosos, Caron e o superintendente do Dnit no Estado, Vladimir Casa, evitaram entrar em detalhes. Segundo eles, as definições só serão divulgadas após a apresentação do material ao ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, o que ainda não tem data definida.

– Só teremos certeza de onde e como a ponte será feita depois dessa reunião. Antes disso, é precipitado adiantar qualquer coisa, porque depende da avaliação do ministro – ressaltou Casa.

Se tudo der certo, a expectativa do Dnit é que a licitação para a elaboração do projeto seja concluída até setembro. Em seguida, será necessário abrir um novo edital, para a execução das obras. Na melhor das hipóteses, a nova ponte estará pronta apenas no fim de 2015, como Zero Hora já havia adiantado em agosto de 2010, com exclusividade.

– O lançamento do edital é um passo muito importante, mas ainda precisamos que o governo federal confirme se vai mesmo assumir todos os custos ou se pretende fechar uma parceria com a iniciativa privada, o que agilizaria o processo – afirma o secretário de Infraestrutura e Logística do Estado, Beto Albuquerque.

Por enquanto, a questão segue sem resposta, mas tudo indica que o governo custeará a construção. Mesmo desconfiado em relação ao andamento da proposta e à sua formatação, o vice-presidente do Movimento Ponte do Guaíba, Luiz Domingues, disse estar confiante em relação ao desfecho do caso, que se arrasta há anos:

– Não entendemos por que tanta demora. A ponte costuma ser içada cinco vezes por dia. Calculamos que, cada vez que isso ocorre, entre 2,5 mil e 3,5 mil veículos ficam trancados nos dois sentidos. Não dá mais para continuar do jeito que está.

Zero Hora



Categorias:Economia Estadual, Entrada da Cidade - PIEC, Nova ponte Guaíba

Tags:

14 respostas

  1. Eu Luiz Domingues Vice-presidente e Líder do Movimento Ponte do Guaíba, estou realizando uma reunião almoço na Cidade de Guaíba rs. Estão convidados autoridades políticas, anivél federal e Estadual e Municipal. Também foi convidado Empresario, representante da Polícia Rodoviara Federal DNIT, ANTT, tudo em busca de uma resposta final de como sera contruída a 2ª ponte do Guaíba e como esta a situação da duplicação das BRs. 290 e 116, que esta com alicitação trancada pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

    Curtir

  2. Ao cumprimentar a direção do Porto Imagem estarei cumprimentando os leitores.
    Assim sendo tomei a liberdade para remeter de como realmente encontra-se o Projeto da nova Ponte do Guaíba.
    Projeto de Viabilidade da Segunda Ponte do Guaiba sai do papel
    Em 28 de novembro de 2010, a Ecoplan Engenharia, empresa vencedora da licitação para montar o Projeto de Viabilidade Tecnico Economica Ambiental, entregou o Projeto Concluído à Direção do DNIT RS, entretanto o projeto era com apenas duas pistas.

    No inicio do mês de fevereiro de 2011, após muita discussão da cúpula superior do DNIT, estes acharam melhor considerar também um projeto para a Segunda Ponte do Guaíba com três pistas, em razão disto houve uma nova solicitação à Ecoplan de modificação ao projeto.

    No dia 18 de março de 2011a Empresa Ecoplan entregou à direção do DNIT RS, duas das três RP`s:
    Relatório de Programação e Relatório Preliminar, ficando pendende apenas a Minuta Final. Esta última foi finalmente entregue no dia 13 de maio do corrente ano, permanecendo à disposição do DNIT RS para qualquer modificação necessária.

    Sabemos que o poder de decisão pertence ao DNIT RS, conforme afirmado pela diretoria. Considerando esta informação, estimamos que em 30 dias haverá uma definição de como será construída a Nova Ponte do Guaíba: Verba Pública, Parceria Publico Privada ou Iniciativa Privada. Enquanto não houver a comunicação do órgão competente de decisão, qualquer referência com relação à construção da Alternativa será mera especulação.

    Obs.: Estas informações são comprovadas documentalmente pelo Movimento Ponte do Guaíba.
    0 comentários Links para esta postagem Enviar por e-mail
    Compartilhar no Twitter
    Compartilhar no Facebook
    Compartilhar no orkut
    Compartilhar no Google Buzz

    Marcadores: Dnit, Ecoplan, Movimento Ponte do Guaíba, nova ponte, segunda ponte

    Curtir

  3. E de lamentar as informações dadas por politicos. Porque digo isso? Bem… Vou explicar!
    Tudo o que esta sendo falado com relação a ponte do Guaíba 70% , parte de pessoas desenformadas. Porque falo isso. Quando damos inicio a essa caminhada em 23 de Novembro de 2006, fomos chamados de loucos e até fomos expulso de alguns Gabinetes em Brasília, mais mesmo assim não entregamos as fichas, tais emxotamento nos deu mais forças para buscar o nosso objetivo que era a construção da 2ª ponte. Depois de muitas insistencias as portas do Gabinete do Senador Zambiasi foi aberta e fomos ser ouvidos.
    Após essa recepção tudo começou a andar bem, até que paramos na borocracia, porem não paramos e continuamos a luta e hoje a ponte é uma realidade e os meritos não são nossos, nos só fizemos a nossa parte agora eles que façam a parte deles. Porem quero dizer que se não for pela iniciativa Privada essa ponte só vai ficar pronta em 2020 a 2025.
    Querem saber quais os politicos que realmente tem responsabilidade pela construção da 2ª Ponte? Lá Vai! Dep. Federal Manuella, Finador Redeker, Vieira da Cunha, Busato.
    Dep. Estadual Sperotto que esta des do começo, Santini, Adroaldo Loreiro.
    Senadores Zambiasi, Senadora Ana Amelia. Se alguem alem desses falar alguma coisa pode acreditar que estão faltando com a verdade. Mais Informação Leia http://www.novapontedo guaiba.blogspot.com.

    Curtir

  4. Enquanto isso a duplicação Porto Alegre-Guaiba x Pelotas continua parada.
    Alguma novidade ?
    flw

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: