Trabalhadores demitidos fazem protesto em frente a Azaléia

Presidente de sindicato diz que profissionais que continuam na empresa temem novas demissões

Trabalhadores demitidos fazem protesto em frente a Azaléia Crédito: Cintia Rodrigues / Especial CP

Trabalhadores demitidos fazem protesto em frente a Azaléia Crédito: Cintia Rodrigues / Especial CP

Cerca de 300 dos 800 trabalhadores demitidos pela Vulcabras-Azaleia em Parobé realizaram um protesto em frente aos pavilhões da fábrica nesta quinta-feira. Além dos trabalhadores, representantes de entidades sindicais estiveram presentes na manifestação. O ato foi realizado em repúdio à resolução da empresa

“Foi um protesto pacífico e também uma forma de prestarmos nosso apoio aos trabalhadores que seguem na Azaleia. Nossa preocupação é também com esses profissionais, que temem novas demissões”, ressalta o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Calçadista de Parobé, João Nadir Pires.



Categorias:Economia Estadual

Tags:, ,

1 resposta

  1. Os ex-azaléia devem fazer movimentos na Prefeitura, na Câmara de Vereadores, Assemblélia do Estado e Governo Tarso, no Congresso e Senado e governo Federal, A FIM DE BAIXAR A CARGA TRIBUTÁRIA, OS JUROS, MELHORAR A INFRA-ESTRUTURA DO BRASIL, E BOTAR OS LADÕES NA CADEIA.. Desculpe minha ignorância é inútil fazer em frente á fábrica. Os sindicatos são muito demagogos.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: