GT estuda melhorias em mobilidade urbana

Um Grupo de Trabalho formado por integrantes do governo do Estado e da prefeitura de Porto Alegre discute a possibilidade de realização de obras que melhorem a mobilidade urbana na região Metropolitana.

A finalidade é reduzir os constantes engarrafamentos, em especial na avenida Castelo Branco, na entrada da Capital. As obras também visam a realização da Copa do Mundo de 2014. Como Porto Alegre está entre as cidades que sediarão o evento, uma das exigências é de que haja melhorias na mobilidade urbana.

Os principais problemas são verificados no início da manhã e no final da tarde, quando o fluxo de veículos é mais intenso na chegada e na saída da Capital. A ideia é manter contato permanente com os representantes dos municípios da região Metropolitana para que integrem a iniciativa e apontem alternativas. Os engarrafamentos normalmente são reflexos do trânsito das BRs 116, 386 e 290, assim como da RS 040.

Integração de cidades pode ser alternativa

Um caminho para melhorar a mobilidade urbana, segundo a Metroplan, é a inclusão no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das Grandes Cidades, que prevê recursos de R$ 2,4 bilhões. A alternativa é implantar sistemas coletivos que ampliem a capacidade de transporte e integrem os sistema entre as cidades, como Canoas, Esteio, Sapucaia, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Cachoeirinha, Gravataí, Viamão, Alvorada e Porto Alegre.

Correio do Povo
 



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:

2 respostas

  1. O Augusto resumiu muítissimo bem os reais propósitos e os efetivos efeitos práticos desses grupos de trabalho.

    Na boa, se chegarmos lá na Copa e nada ou pouco tiver sido feito, deveríamos lá então abandonarmos esse cotidiano de inssureição contra a inércia da cidade e nos juntarmos aos pseudo-ambientalistas.

    Afinal, se não tivermos vencido até lá a batalha crucial em prol da transformadora Copa, oportunidade única de mudanças na cidade, de nada adiantará esperar por algo para depois dela. Então melhor seria lá (ou melhor, ali, pois a Copa já está ali, ‘lá’ era coisa para 2007) a gente se render aos pseudo-ambientalistas, pois quem vive sem expectativas não as pode tê-las frustradas, já que inexistem.

    Poa cada vez mais cubana. Iria chamá-la de soviética, mas as antigas naçœs soviéticas tem se transformado, vide a grandiosa tranformação que a russa Moscou tem sofrido.

    Curtir

  2. Mais um GT pra discutir o óbvio ululante. Grupos de Trabalho são ótimos. Os membros ganham gratificações adicionais, estadias e passagens aéreas.
    Continuam surrupiando a nossa grana pra não fazer P**** nenhuma. É tudo em causa própria.
    Um dia essa farra toda vai terminar….mais precisamente quando tiverem matado a galinha dos ovos de ouro (o erário).

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: