TÚNEL DA CONCEIÇÃO: primeira etapa da reforma na fase final

Foi concluída a laje de concreto, que servirá como pavimento superior Foto: Luciano Lanes/Arquivo PMPA

Com a conclusão da laje de concreto incorporado, que servirá como pavimento da pista superior, sentido centro-bairro, aproxima-se a fase final da primeira etapa da obra de reforma do Túnel da Conceição. No momento, são realizadas intervenções quanto ao tratamento das armaduras e das fissuras das paredes da estrutura, além do prosseguimento na execução de drenos. Já foram iniciados os serviços para a construção do passeio nas laterais e, nas próximas semanas, são realizados serviços de drenagem junto à estrutura da escadaria da Igreja da Conceição, além da pintura das paredes e teto. (fotos)

 “As obras de drenagem, a fim de se acabar com as infiltrações que comprometeram a estrutura do túnel ao longo dos anos, são o ponto mais importante da restauração. Em todo o entorno do complexo, realizamos intervenções para cessar com qualquer vazamento de água e estamos acompanhando os resultados desses processos para, assim, concluirmos a primeira etapa da reforma”, destaca o secretário municipal de Obras e Viação, Cássio Trogildo.

Desde outubro, quando foi iniciada a reforma do Túnel da Conceição, registrou-se um bom andamento no trabalho, com a possibilidade de ser antecipada a entrega da primeira metade da obra. Além disso, no decorrer das intervenções, foram necessárias alterações no projeto inicial (elaborado em 2000). Um termo aditivo ao contrato com a empresa que executa a obra tramita na Procuradoria-Geral do Município (PGM), no valor de R$ 652.148,65, para suprimir itens previstos inicialmente que não foram necessários, alterar especificações em função do estágio de degradação de alguns locais e incluir procedimentos identificados como necessários pelo mesmo motivo.

São efetuadas intervenções quanto ao tratamento das fissuras das paredes Foto: Luciano Lanes/Arquivo PMPA

Fluidez – As operações continuam em duas faixas de cada sentido, sendo que 50% da passagem de nível permanece liberada para o tráfego de veículos. “No entorno das obras, não registramos problemas com fluidez. Os motoristas estão utilizando as alternativas propostas e elaboradas pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e outros órgãos da prefeitura. “Seguimos com nosso efetivo reforçado, com agentes monitorando e organizando o tráfego da região”, disse o diretor da EPTC, Vanderlei Cappellari.

Túnel da Conceição – Concluído em 1972, o túnel foi concebido para ligar a elevada da Conceição e a avenida Osvaldo Aranha, como parte da primeira perimetral. Após 38 anos, a estrutura apresentava problemas, como presença de água nas paredes e lajes, pontos de armadura expostos e corroídos, trincas no forro, paredes e muros, rompimento de concreto e pavimento desgastado. O túnel será recuperado totalmente em cerca de 18 meses, a um custo de R$ 2,65 milhões. A reforma pretende garantir, no mínimo, mais 30 anos de vida útil à estrutura.

Prefeitura de Porto Alegre

 



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:

2 respostas

  1. Mas uma grandiosa obra da gloriosa década de 60.

    Há quem fale mal dela, mas imaginem POA sem o túnel!

    Curtir

  2. Piso de concreto… bom!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: