Vandalismo: Prefeitura lamenta e apela à população

Contêineres danificados serão substituídos por novos equipamentos Foto: Francielle Caetano/PMPA

Dois contêineres da nova coleta automatizada de lixo foram alvo de vandalismo nesta madrugada no Centro Histórico, um na rua Duque de Caxias, junto ao Alto da Bronze, e outro na rua João Manuel, quase esquina com a rua 7 de Setembro. O primeiro não ficou muito danificado, mas o segundo será retirado ainda esta manhã e posteriormente substituído. “Aqueles que amam a cidade devem denunciar os vândalos pelo 156”, disse o prefeito José Fortunati”.

O prefeito lamentou o ato de vandalismo. “Infelizmente, afirmou ele, temos uma pequena parcela da população que não contribui. Tenho certeza que a imensa maioria ama sua cidade, quer colaborar com sua cidade, cobra de forma firme do poder público e quer ser parceira. Desde que lançamos a campanha Porto Alegre: Eu Curto, Eu Cuido, as manifestações são entusiasmadas e mostram que as pessoas querem continuar cobrando da prefeitura, mas também querem participar desse processo”

O diretor-geral do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), Mário Moncks, lembra que a experiência de outras cidades indicava essa possibilidade, mas o fato de isso acontecer em pouco mais de 24 horas em Porto Alegre após a implantação do sistema surpreendeu a todos. “A aceitação do movimento Porto Alegre: Eu curto, eu cuido nos chamou a atenção no primeiro dia dos contêineres, por isso, talvez, o vandalismo desta madrugada tenha nos surpreendido tanto”, explica Moncks.

A empresa Conesul, que presta o serviço de coleta automatizada para o DMLU, tem cem contêineres de reserva para manter a cidade normalmente equipada em casos de emergência como esse. Esses contêineres foram importados da Itália e custaram R$ 4 mil cada um. O DMLU informa à população que o telefone do Fala Porto Alegre (156) está à disposição para críticas, sugestões e denúncias em caso de mau uso dos novos equipamentos.

Na segunda noite de instalação dos contêineres da nova coleta automatizada de lixo orgânico domiciliar, o DMLU antingiu a marca de 412 equipamentos distribuidos pela área-piloto, dentro da meta de colocar uma média de 200 contêineres por dia durante toda esta semana.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Coleta mecanizada de lixo

Tags:,

22 respostas

  1. Augusto, you are my hero!! Declaro aqui de público: se resolveres abraçar a vereança, já tens meu voto garantido – coragem, rapaz!!
    Abraço,
    Jorge

    Curtir

    • Obrigado pelas palavras, Jorge. Mas prefiro não me misturar com a nossa casta política. Caso eu estivesse naquele meio, seria tão cretino quanto eles…a assim, eu já não seria mais confiável.

      Att.

      Curtir

  2. Me lembrei de uma coisa. Estes contêineres ocupam, mais ou menos, o tamanho de um automóvel. Como ficarão os flanelinhas? Moro ao lado do Shopping João Pessoa. E sempre tem carro estacionado onde no futuro ficarão os tais contêineres. Dúvido que os guardadores de carro vão gostar de ter estes contêineres ocupando espaço de um automóvel. Durante um dia inteiro, quantos carros seriam. Minha preocupação é que tenha ainda mais vandalismo.

    Curtir

    • Então a prefeitura deve dar uma compensação justa pros flanelinhas, algo como R$10 por conteiner por hora, suponto um turno de trabalho de 8h.

      Curtir

    • Lugar de flanelinha é na cadeia…e por dois motivos; mais de 50% deles estão no semiaberto…e 100% são achacadores.

      Curtir

    • Como ficarão os flanelinhas? Hah, como se eles tivessem algum direito sobre aquele espaço… Alguns conteiners estão em cima da calçada e outros em um estacionamento. Isso porque as calçadas de Porto Alegre são muito estreitas, raras excessões. Aqui em Buenos Aires as calçadas tem um tamanho decente e os conteiners de lixo são sobre elas. Já vi uns conteiners em Porto Alegre que ficaram em cima da calçada e não sobrou nem 1 metro pras pessoas passarem.

      Curtir

  3. É isso que acontece quando uma sociedade vive sob duas ordens jurídicas: a dos cidadão normais e a do coitadinhos “oprimidos”.

    Curtir

  4. É isso que acontece quando a prefeitura investe mais no lixo dos ricos que na casa dos pobres.

    Curtir

    • Infra estrutura para a cidade sempre é bem vinda. Ou é melhor ter uma cidade com o lixo pelas ruas? Até segundo o teu raciocínio não haveria do que reclamar: a casa dos pobres já é a nova vila Dique, Nazaré, Chocolatão e outras mais antigas. E lá também tem pichação. Hora de cuidar do lixo dos ricos né (distribuidos secretamente nesses 13 bairros da capital)

      Curtir

    • “É isso que acontece quando a prefeitura investe mais no lixo dos ricos que na casa dos pobres.”

      É mesmo? Deixa eu ver se compreendi teu raciocínio; tu alegas que os contêineres contemplam o lixo oriundo de pessoas ricas…é isso o que tu quisese nos dizer? Contêineres são mobiliários urbanos que favorecem uma casta mais abastada…e sendo assim, há uma discriminação da administração em relação ás pessoas mais pobres?

      Olha…agora eu faço questão que tu nos exponha as tuas ideias em detalhes. Achei-as fascinantes. A correlação que tu fizestes é sensacional. Teu link entre contêineres e pobreza é realmente um primor de inferência intelectiva.

      Curtir

      • É que o raciocínio dessas pessoas funciona assim: se os miseráveis vivem no meio do lixo, então o Poder público não pode recolher o lixo “dos ricos” que assim passaremos a viver todos em igualdade. É o clímax da ideia de nivelar todos por baixo.

        Mas na verdade mesmo, o sonho dessa gente é que voltássemos a viver como nos tempos das cavernas – no COMUNISMO PRIMITIVO, onde, segundo eles, não haviam classes sociais, nem fome, nem medo, nem cultura… só igualdade na miséria.

        Curtir

  5. Não sei quem é pior, a Prefeitura ou os vândalos.

    Curtir

  6. O povo é mal educado, mas a Prefeitura é culpada.

    Na medida em que a Prefeitura Municipal faz obrazinhas medíocres como a “revitalização” da orla da Zona Sul no Assunção e trata com descaso o turístico mirante do morro santa tereza, não é levada à sério pelos cidadãos, fazendo com os que têm a cabeça mais fraca não se sintam num lugar efetivamente cuidado e turístico e se sintam à vontade para vandalizar o que já lhes parece vandalizado. É a tal lei da tolerância zero de NYC e o buraco da vidraça aplicado às avessas em POA.

    Outras grandes cidades brasileiras até tem pichações, mas a maioria delas em menores proporções, e não se vê nelas gente depredando o equipamento público urbano na forma, intensidade e regularidade como fazem em POA, onde até uma gangue jogando bolas de gudes nas vitrines as concessionárias de veículos por puro prazer há.

    Falta punição das autoridades e bom senso da população menos esclarecida (e da playboyzada mais eclarecida também).

    Curtir

  7. Mas que educacao?????? realmente tem que explicar para esses animais que nao se deve botar fogo nos containers????? pelo amor de deus oque e’ isso??? Tem e’ que pegar esses caras e dar um fim neles!!! mas oque que e’ isso em tao????? E nao tem policia andando a noite??? nao tem ninguem que ve isso e chama a policia???

    Tem que haver um combate contra o vandalismo, tem que punir preferencialmente punir fisicamente, se nao NUMCA irao se civilizar…pega um cara desses poe na cadeia por 10 anos, nao tem que ficar com discursinhos bobos. Com esses apelos bobos o prefeito so’ ira’ se desgastar. META BALA NELES CARAMBA!!!!

    Curtir

    • A inclusão digital é algo impressionante, cada comentário sem sentido…

      Tem que educar as crianças QUE AINDA NÃO SE TORNARAM VÂNDALOS.

      Para os animais aí sim deve haver uma punição severa.

      Curtir

    • É isso mesmo. Ninguém entende que sem punição severa, os vândalos transformam qualquer lugar em playground de depredação.
      Sempre aparece esse papo FRESCO de educar..educar e educar. Um cazzo!
      Tem é que sentar a lenha nas guampas desses FDP. Quebrar os dedos, meter a mão no bolso, fichar e prender.
      Que troço mais irritante essa conversa de “temos que educar e conscientizar a população”. PQP!!!! Até quando vai imperar essa imbecilidade? Será que existe gente que acredita numa ladainha dessas?
      Não adianta se equipar uma cidade com o que tem de mais moderno…se essa cidade não estiver preparada para preservar os equipámentos.
      Porto Alegre é um repositório de animais que devem ser tratados como tal. Chega desse papinho de educação. Só a punição mantém o Homem sob a égide da ordem.

      Curtir

  8. Enquanto não houver um sistema de educação de verdade nas escolas para as crianças e jovens, aliado com uma punição severa para os vandalos continuaremos a assistir episódios como esse.

    Curtir

    • Fantástico. Exatamente o que sempre penso, mas raramente alguem vai direto ao ponto assim. O resto todo é secundário. Enquanto o cara não souber que existe civilização, vai viver na imundice. Educar direito todo mundo é a única solução. O que se ensina nas escolas hoje em dia não é “direito”, é tapa buraco.

      Curtir

  9. E continuam os discursos vazios. De quê adianta essas antas virem a público e pedirem conscientização? Que asneira é essa? De quê adianta só uma pequena parcela da população ser vândala? Qual o consolo?
    De quê adianta os gestores implorarem por civilidade?
    De quê adianta toda essa conversa fiada?
    Até quando nossas leis e nossas administrações vão continuar TOLERANDO a depredação do patrimônio público?
    Até quando essa porcaria de pais vai se curvar ante os sacripantas?
    Até quando teremos que ouvir as mesmas BABOSEIRAS NAUSEABUNDAS E RECALCITRANTES?
    Será que algum dia, uma cara com bagos no meio das pernas vai dar uma BASTA nessa bagunça dominada pela permissividade?

    Nós somos uma vila de marginais…..um canto imundo da Terra. Somos trogloditas protegidos por discursos politicamente corretos e sociologozinhos enrustidos e travestidos de altruístas. Fazemos parte de uma fétida experiência de laboratório que transformou nossa sociedade em um antro de devastação, drogadição e desrespeito total.

    VERGONHA DE VIVER NUM PAÍS TÃO SOCIALMENTE DEGRADADO E ETICAMENTE EXTINTO.
    Este país, esta cidade me dão nojo.

    Curtir

  10. Já!!! Que absurdo.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: