Coleta automatizada de lixo qualifica a limpeza urbana

Agora, o lixo de 13 bairros o lixo vai direto do conteiner para o caminhão Foto: Ricardo Giusti/PMPA

O Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) ainda não completou o primeiro mês da coleta automatizada de lixo orgânico domiciliar em 13 bairros da cidade, segue fazendo os ajustes naturais na operação, mas já constata o salto de qualidade na limpeza urbana da área-piloto. “O dado mais simples e emblemático é que ‘desapareceram’ das calçadas, principalmente do Centro Histórico, cerca de três mil metros cúbicos de lixo que aguardava o recolhimento habitual. Isso equivale a uma montanha do tamanho de um prédio de 30 andares”, diz o diretor-geral do DMLU, Mário Moncks.

Os efeitos estéticos e ambientais são uma realidade, mas a fase de ajustes prossegue. “A população tem entendido bem o novo serviço, as reclamações têm baixado sensivelmente, mas precisamos ainda diminuir bastante a quantidade de lixo seletivo nos contêineres e, principalmente, o problema de estacionamento de automóveis muito junto aos equipamentos, o que inviabiliza o trabalho mecânico dos caminhões na hora de esvaziar os contêineres”, explica o supervisor de operações do DMLU, Adelino Lopes Neto.

O DMLU está trabalhando junto com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) para marcar os locais definitivos dos 1.100 contêineres e, assim, evitar que eles sejam deslocados de seus lugares de origem para áreas proibidas ou menos convenientes à movimentação de rotina na cidade. Isso também marcará explicitamente a distância mínima que os automóveis precisam manter dos equipamentos. E sobre os quatro contêineres que tiveram que ser trocados por danos com fogo, o DMLU alerta: os novos contêineres são apenas para lixo orgânico, que não queima. Portanto, colocar lixo seco nos contêineres, além de errado, é muito perigoso.

A Assessoria Comunitária do DMLU segue informando e esclarecendo a população nos locais onde são detectados os principais problemas e o Serviço de Fiscalização já começou a identificar e fazer a notificação de infratores, principalmente comerciais, na questão do tipo de lixo descartado nos contêineres. Breve, em busca da normalização do trabalho de coleta, a EPTC vai começar a multar, e guinchar quando for necessário, os automóveis mal estacionados junto aos novos equipamentos.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Coleta mecanizada de lixo

Tags:, ,

%d blogueiros gostam disto: