Empreendimento Grand Park Eucaliptos será lançado na quinta-feira

Templo do futebol gaúcho e único estádio a receber uma partida durante a Copa do Mundo de 1950, o estádio dos Eucaliptos vai dar lugar a um empreendimento de alto padrão da Melnick Even – sete torres numa área de 22 mil m2. Mas a memória do estádio será perenizada. Por isso, a entrega dos convites para o lançamento, que ocorre nesta quinta-feira, foi realizada por uma dupla de “jogadores”, Jonathas Moraes e Fernanda Worm. Outro jogo também foi lembrado pelo responsável pela ação. Rogério Bittencourt deu ao convite a forma de um tangram, um quebra-cabeça de origem chinesa para ser montado pelos convidados.

Jornal do Comércio – Fernando Albrecht

______________________________

O empreendimento:

Grand Park Eucaliptos, é o mais esperado lançamento deste ano. É um produto diferenciado e único, fica localizado no coração do Bairro Menino Deus, na área do antigo Estádio do Internacional – Estádio Eucaliptos, na Rua D. Augusta 333, Menino Deus.
Este empreendimento foi pensado com muito carinho pela Melnick Even e está trazendo para o bairro um presente, uma praça de 4 mil metros e um condomínio completo com uma área de 17 mil metros.
O condomínio tem 7 torres, sao 4 apartamentos por andar, com metragens de 99, 127 e 159 m2 de 3 e 4 dormitórios, 2 ou 3 vagas, 33 áreas de lazer, 35 vagas para visitantes, posiçao solar nascente ou poente, exclusividade total, sem janelas nas laterias dos prédios, apatamentos sem nenhuma comunicaçaoo, e com distancia entre uma torre e outra de em média 30 m.
_________________
Confira o material provisório que recebi via e-mail.
_________________
.


Categorias:Outros assuntos

Tags:,

14 respostas

  1. O Menino Deus é um dos poucos bairros que ainda preserva a arquitetura de bairros horizontais, onde existem casas e as pessoas conseguem ser vistas e se verem nas ruas. Esse empreendimento só vem a enfeiar o bairro, com um conceito de arquitetura global, como aqueles bairros verticais, da zona norte. Não deveria ser permitido a construção desses espigões num bairro desse. Será um pombal de luxo, trouxa é quem se dispõe a pagar milhões pra morar empoleirado, escutando o barulho dos vizinhos, porque, com certeza, a única coisa que vale ali é a localização. Também digo que é o tipo de condomínio que favorece a criminalidade, pois cercará o quarteirão de muros, propiciando que o transgressor não seja visto, em suma, só estarão seguros dentro do condomínio, na hora de sair, cuidem-se.

    Curtir

  2. Trabalho na área e gostaria de pronunciar que a praça que no ano passado foi considerada a melhor da cidade é uma praça doada pela construtora deste empreendimento, belo empreendimento!

    Curtir

  3. @ Joao:

    Adorei sua resposta!!!!!!!!!!!!

    Curtir

  4. Pelo menos nestes prédios sabemos que o esgoto será coletado. E naquelas casas que sequer tem ligação com o sistema de coleta ou quando muitas vezes é feito um “sumidouro”? Por que o nosso amigo ali não reclamou?

    A praça pelo menos estará sempre limpa e bem-cuidada, já que estará sob cuidado do condomínio. Ou ele prefere uma praça suja e coberta por mato, como são todos os ESPAÇOS PÚBLICOS SOB RESPONSABILIDADE DA PREFEITURA DE PORTO ALEGRE???

    Peço que citem 3 praças em bom estado que sejam administradas pela Prefeitura de Porto Alegre.

    Curtir

    • João essa praça não será “cuidada” pelo condomínio, ela será doada a prefeitura, conseguentemente a cidade, se fosse do condomínio ela seria cercada e só os seus moradores iriam usufrui-la…

      Curtir

  5. ok, depois desse prédio, centenas de casas vão ter seus esgotos transbordando, coco voltando tudo pelo valo, pia….
    sausauashushuashuasauuashsuuas

    Curtir

  6. Os arquitetos brasileiros nao conseguem fazer nada diferente do que esses predios tipo “Lego”, com a “caixa d’agua” no topo. E’ interessante porque nao se ve esses tipos de predios em quase nenhuma parte do mundo, e’ so’ nas cidades brasileiras que estas aberracoes sao construidas.

    Curtir

  7. Adoro edificios e “espigoes”, mas essas construtoras tem apresentado somente mediocridades a cada lancamento…..Pelo visto, vai adicionar mais feiura pela cidade…Credo!

    Curtir

  8. Como soa mal chamar um prédio de TORRE numa metrópole que terá apenas 12 pavimentos!!!

    Curtir

  9. 07 edifícios X 11 andares X 4 apartamentos por andar = 308 apartamentos
    308 aptos X 4 pessoas por apto = 1232 pessoas
    308 aptos X 3 vasos sanitários = 924 patentes
    308 aptos X 3 vagas por apto = 924 carros
    1232 pessoas / 924 carros = 1,3333 pessoa por carro
    4000m² X 1232 moradores do prédio = 3,25m² de praça por morador…

    O cano de esgoto que passa na frente do empreendimento continua do mesmo tamanho;
    As dimensões da caixa de rua para comportar mais 924 veículos continuam a mesma;

    ok…teremos uma praça de 4mil/m² com arvores e um belo gramado na sombra dos predios, nossos filhos poderão brincar num parquinho igual aos vários outros sem graça que tem na cidade..com um balanço e um escorregador…

    Curtir

    • E qual a opção?

      Construir mais condomínios horizontais na zona sul, diminuindo ainda mais as áreas verdes da cidade ou expulsar os moradores para Viamão, Canoas e Gravataí?

      Curtir

      • O menino deus já está saturado… Mas ok é melhor as pessoas morarem próximo ao centro do que longe… Então deveriam ter proposto prédios mais baixos, 4 ou 5 andares, o que é padrão naquela zona… Poderiam ter proposto um loteamento com ruas publicas e uma praça mais central

        Curtir

    • “4000m² X 1232 moradores do prédio = 3,25m² de praça por morador…”

      OK, considerando que todos os cômodos do condomínio estejam ocupados e que cada morador resolva ir para a praça ao mesmo tempo…

      Curtir

      • O meu prédio tem +-250 moradores para 10m2 de piscina, o que dá 0,04m2 de piscina por morador, e ainda assim ela passa a maior parte do tempo vazia.

        Curtir

%d blogueiros gostam disto: