Começam nesta segunda as obras da construção do aeromóvel

Começam nesta segunda (15) as obras da construção do aeromóvel, que ligará a Estação Aeroporto, da Trensurb, ao Terminal 1 do Aeroporto Internacional Salgado Filho em Porto Alegre. O investimento é de R$ 29,9 milhões e ficará a cargo da Construtora Premold, vencedora da licitação.

Uma cerimônia às 11h, no canteiro principal da rotatória de acesso ao aeroporto, dará início oficial ao trabalho, com a presença do ministro das Cidades, Mário Negromonte.

Segundo pesquisa encomendada pela Trensurb à Ufrgs, sete mil pessoas embarcam e desembarcam no aeroporto por dia. Para atender à demanda, haverá dois veículos, um com capacidade de 150 usuários, e outro, de 300.

Eles deverão operar de forma intercalada de acordo com os horários de maior exigência, como o início da manhã e o final da tard! e. O aeromóvel será conectado ao andar de embarque do aeroporto e à área de transportes da estação.

O passageiro pagará apenas o valor da passagem unitária do trem. O aeromóvel será gratuito. Hoje, o trajeto pode ser feito a pé, de táxi ou por sete linhas de ônibus.

www.affonsoritter.com.br



Categorias:Aeromóvel, aeroportos brasileiros

Tags:, ,

14 respostas

  1. “Infelizmente vivemos em uma região marginalizada pelo poder central…”

    Essa é a famosa “Síndrome de Coitadismo Gaudério”. É uma pseudo-tese elaborada por gaúchos chorões que se recusam a olhar para o estado em que eles mesmos deixaram o RS…mercê de suas incompetências e atrasos regionalistas. Estão sempre delegando responsabilidades a outras esferas.

    Não, Gaudério! Nós não somos perseguidos pelo poder central. Nós não somos a ovelha negra do Brasil. Nós não estamos carregando uma cruz mais pesada do que os outros estados. Nós estamos SIM, é pagando o preço pela nossa própria incapacidade para pensar e administrar o RS…e o preço por nos acharmos os mais inteligentes, politizados e civilizados do Brasil.
    Chega dessa tese do mártir pampeano sofrendo nas mãos do poder central. Vamos trabalhar mais e melhor e chorar menos. Chega desse cinismo conveniente que é sempre achar que o Brasil persegue os gaúchos…até por que, parte do Brasil tem motivos de sobra pra ter pena da gente.

    Curtir

    • É só ver os números dos PAC, por exemplo, para identificar um preconceito para com RS em termos de investimentos federais. Os últimos dados que li a respeito demonstravam um percentual de entorno de 2% de aplicação de recursos federais no estado.

      Curtir

      • Isso que, todos sabem, o RS possui 5,5% da população brasileira, 6% do PIB e 3,3% do território.

        Curtir

      • Aqui a gente não faz nem tendo dinheiro, cara. Estão aí os recursos liberados pras obras da Copa e não se conseguiu fazer nada. Vamos parar com essa chorumela e trabalhar mais.
        Primeiramente, tem que baixar a cabeça e trabalhar…trabalhar. A construção de um cidadão, lugar, ou país começa de dentro pra fora..e não de assistencialismo.
        Vocês estão sempre chorando pitangas..parecem crianças implorando pra mamãezinha por um brinquedo. Isso é MANHA, mimo em excesso…falta de autocrítica. Vão trabalhar em vez de esmolar.

        Curtir

  2. Como é que um cara vem aqui e tem a coragem de escrever que uma obra bancada pela Trensurb não é dinheiro público? Isso é o cúmulo da ignorância.

    Curtir

    • é dinheiro publico, mas de balanços e empenhos diferentes.
      a trensurb é federal e a pmpa pertence a prefeitura.
      a trensurbo gastar 30 milhoes no aeromovel ou em extensões para sao leopoldo nao altera a quantidade de dinheiro que a prefeito dispoe para a pmpa realizar o trabalho dela.

      Curtir

      • Isso é irrelevante. O que interessa é que no frigir dos ovos, eu e você pagaremos a conta. Todo mundo deveria saber que há TRANSFERÊNCIAS…que são repasses de verbas entre as esferas de governo…e todo o dinheiro do governo vem do noso bolso.

        Curtir

  3. Numa terra onde o tempo parou, qualquer melhoria é melhor do que nada. Mas que é investir em algo menos útil do que outras 50 ou 70 demandas é inegável. Imagine se ligasse a FAPA ao terminal da Antônio de Carvalho com a Bento Gonçalves OU o campus do vale da Ufrgs à Puc e ao Mercado? A zona leste da cidade de Poa é esquecida e conta com alguns dos pontos de maior congestionamento de trânsito, pois Viamão em peso se desloca por 2 ou 3 avenidas da região.

    Sou daqueles gaúchos que bate palmas até para patrolamento em rua de chão batido, mas que a herança da Copa será pequena para o RS é verdade. Infelizmente vivemos em uma região marginalizada pelo poder central, mesmo tendo muitos políticos influentes. Eles são influentes apenas para o benefício próprio, mas nosso povo “educado e politicamente evoluído” segue votando nos individualistas.

    Curtir

  4. O povo que reclama, não tá satisfeito muda o voto ou vai pra frente do palácio protestar.

    Velho ranço gaúcho que atrasa tudo, e o pior que está contaminando o povo gaúcho, aquele mesmo que um tempo atrás era motivo de orgulho por seus ideiais e hoje é motivo de chacota pelo seu pensamento reacionário que vê defeito em tudo.

    Tá certo, boa obra.

    Parabéns trensurb, prefeitura e governo.

    Vamos parar de reclamar de TUDO, ao menos fizemos algo diferente.

    Curtir

  5. E enquanto isso, os passeios da cidade…

    Curtir

    • O aeromóvel está sendo bancado pela Trensurb, que é federal.

      O que diabos poderia ter a ver com os passeios, que são responsabilidade dos moradores?

      Curtir

      • Têm tudo a ver com o Serviço Público, caro Mobus. A PMPA tem o dever de fiscalizar, autuar e multar os proprietários que não conservam seus passeios.
        Quando a PMPA deixa de fazer essa fiscalização, isso acarreta duas coisas;
        1) os passeios ficam largados e abandonados…uma vergonha;
        2) Ela, a PMPA, deixa de arrecadar uma grana em multas…grana que poderia ser aplicada em melhorias para a cidade;

        Tem gente que até hoje não entende que o diheiro da Trensurb é dinheiro Público – É NOSSO DINHEIRO, dinheiro do contribuinte, advindo dos impostos que pagamos. Somos eu e você que estamos pagando pela obra. É por isso que o nosso país é constituído por apedeutas votantes.

        Curtir

  6. Inicialmente…30 milhões do nosso dinheiro escorrendo pelo ralo. Mais alguns aditivos…e no final serão uns 60 milhões a menos nos cofres públicos. País rico é assim mesmo. temos grana sobrando até pra fazer obras meramente decorativas…e tem eleitor que acha bom.

    Curtir

  7. Nao resolvera’ quase nada na pratica, mas o ganho para a imagem da cidade e’ muito grande. Nao deixa de ser um cartao de visitas da cidade; o gringo vai chegar no aeroporto esperando encontrar mata virgem com tucanos e mico-dourados nas arvores do lado de fora do aeroporto, ate’ ver o aeromovel e se dar conta que esta’ na Melhor Cidade do Brasil.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: