Porto Alegre apresenta plano de mobilidade para 2014

Iniciativas na área de transporte e mobilidade de Porto Alegre para a Copa do Mundo foram apresentadas nesta sexta-feira, 26, em Belo Horizonte, pelo diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Vanderlei Capellari, no último dia do Seminário Técnico de Tráfego e Transportes, promovido pelo Comitê Organizador Local (COL). O secretário extraordinário da Copa 2014, João Bosco Vaz, acompanhou o evento, cujo objetivo é alinhar informações entre o COL e as 12 cidades-sede sobre o planejamento operacional do setor e o sistema de transporte para os estádios.

Capellari expôs a estrutura que Porto Alegre deverá ter em 2014 para receber o mundial e atender a demanda na área de transporte. Linhas especiais de ônibus e lotação deverão ser implantadas para facilitar o acesso do Aeroporto Internacional Salgado Filho, Estação Rodoviária e outras regiões da cidade para o estádio Beira-Rio. “Apresentamos toda a parte de planejamento de transporte por ônibus e lotação. Linhas especiais irão atender as regiões da rodoviária e do aeroporto com veículos qualificados”, explicou Capellari. Conforme o secretário Bosco, a idéia é implementar também uma linha circular com trajeto pelos hotéis.

Segurança – O sistema de monitoramento por câmeras, implantado há três anos pela prefeitura com a Central de Controle e Monitoramento da Mobilidade (Cecomm), referência para outras cidades-sede, também será ampliado. Atualmente, a Capital conta com mais de 40 câmeras de alta definição e sistema digital com mil metros de alcance. Até 2013, ano da Copa das Confederações, serão 150 câmeras, número que poderá subir em 2014.

Estacionamentos – Além da qualificação do sistema de transporte, uma das preocupações da EPTC e da Secopa é a ampliação do número de vagas de estacionamento. A EPTC está fazendo um estudo para identificar o número de vagas existentes na cidade, e poderá negociar com entidades como a PUCRS para implantar uma área de estacionamento na universidade destinada ao público dos jogos, além de vagas no Parque Mauricio Sirotsky Sobrinho, o Harmonia. Outras áreas privadas deverão ser utilizadas. “Vamos identificar os locais e garantir que os preços não sejam abusivos”, explica Capellari. Ônibus dos estacionamentos até o estádio serão colocados em circulação pela prefeitura. Conforme levantamento da Secopa, são cerca de 1,78 mil vagas de estacionamento no entorno do Beira-Rio. A Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic) também identificou 96 estacionamentos a até cinco quilômetros do estádio.

Segundo Capellari, a EPTC dependerá ainda de resoluções que serão anunciadas ao longo do tempo, como quais seleções virão para Porto Alegre e os locais dos Campos Oficiais de Treinamento (COTs), para traçar algumas estratégias. “Teremos de montar uma estrutura de mobilidade para o deslocamento de seleções aos COTs, mas ainda precisamos de informações detalhadas para preparar um plano focado nas seleções que estarão aqui”, define o diretor-presidente.

Agentes de fiscalização deverão trabalhar em parceria com Brigada Militar e as policias Civil e Federal no esquema de escolta de delegações e autoridades. Entre janeiro e fevereiro de 2012, a EPTC deverá iniciar processo seletivo para novos agentes de fiscalização de trânsito. Atualmente, o efetivo da empresa é de 508 agentes. A meta é ampliar para 700 até junho de 2013, ano da Copa das Confederações.

Sinalização – A cidade contará também com sinalização em outros idiomas para orientar os visitantes. A prefeitura também deverá desenvolver um cartão TRI especial com validade limitada para turistas que virão à Capital. A EPTC prevê que 100% dos semáforos de Porto Alegre tenham lâmpadas LED em 2012, o que significa maior qualidade e economia.

Para Capellari, experiências da cidade com a realização de grandes eventos como o Fórum Social Mundial (FSM) mostraram que Porto Alegre tem todas as condições de garantir serviços de transporte de qualidade em 2014. “Estamos muito bem em relação a outras cidades-sede da Copa. Temos um sistema de transporte consolidado no atendimento à população e ao território da Capital. Os ônibus são qualificados em termos de informação e a tripulação preparada para bem atender o turista. Vamos fazer um evento com tranqüilidade”, avaliou Capellari.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:

1 resposta

  1. Os BRT’s foram esquecidos… acho que a população também irá se esquecer do Fortunatti em 2012… e esquecer do Fogaça também!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: