Prefeitura e Pucrs assinam termo para pontes na Ipiranga

Mais duas pontes serão construídas sobre o arroio Dilúvio, na avenida Ipiranga, em frente à Pontifícia Universidade Católica (Pucrs). O termo de compromisso será assinado amanhã, 9, às 15h30, no paço municipal pela prefeitura e Pucrs. As pontes facilitarão o acesso à universidade e ao Hospital São Lucas e encurtarão a distância dos retornos na avenida Ipiranga, facilitando a mobilidade na região.

Uma ponte com três faixas será utilizada pelos veículos que circulam no sentido centro-bairro, dando acesso ao hospital e possibilitando o retorno dos veículos, antes da avenida Cristiano Fischer. A outra travessia terá três faixas para o retorno dos motoristas que circulam no sentido bairro-Centro, antes da avenida Salvador França. As duas obras serão contrapartidas para reduzir o impacto no trânsito provocado pela construção do Instituto do Cérebro (prédio 63) e do Centro de Modelos Biológicos Experimentais (Cembe, prédio 65) da Faculdade de Medicina da Pucrs.

Assinarão o termo o prefeito José Fortunati, o reitor da Pucrs, Joaquim Clotet, o procurador-geral do município, João Batista Linck Figueira, o secretário do Planejamento Municipal, Márcio Bins Ely, e o diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação, Vanderlei Cappellari.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Outros assuntos

5 respostas

  1. Sobre as pontes, espero que, ao menos, não sejam como as últimas feitas à base de concretão sem nenhuma estética.

    Sei que é um outro caso, mas aproveitando o assunto PUC: não existe um projeto de instalar um aeromóvel ligando o Hospital com a Universidade? Acho que é outro “projeto de gaveta” (tal qual comentou Lasier Martins essa manhã)

    Curtir

  2. Acho que vai trancar um pouco mais a Ipiranga, mas é bem-vinda as duas novas pontes.
    E o que é realmente muito bem-vindo é a ciclovia na Av. Ipiranga.
    Porto Alegre vai melhorando a passos de tartaruga.

    Curtir

    • Se eu entendi os traçados propostos, essas duas pontes até não terão tanto impacto à fluidez da Ipiranga, pois as sinaleiras deste cruzamento poderiam ser facilmente sincronizadas com o resto da avenida.

      Curtir

  3. Acho interessante é a prefeitura fazer com que a PUC tenha de construir essas pontes (que vão ser boas para a região) mesmo com ela trazendo uma obra importante como esse institudo do cerebro ai….

    Interessante no pior sentido, da qui a pouco vão querer doar um hospital pra cidade e a prefeitura vai querer uma obra da empresa doadora.. ¬¬

    Mas tudo bem…

    Curtir

    • Também não entendo esta ótica da prefeitura, as empresas já pagam impostos e ainda tem que arcar com a infraestrutura, que seria uma obrigação da própria prefeitura!!O que é feito do IPTU e os outros impostos recolhidos?? ahh folha de pagamento claro

      Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: