Ranking do saneamento: Manaus, Recife, Natal e Cuiabá são as piores. Porto Alegre em 5º lugar entre as 12 cidades-sede

Estudo mostra que as quatro cidades-sede coletam menos de 40% do esgoto que geram

Da redação – São Paulo

Favela em Manaus: cidade é a pior da Copa em saneamento (crédito: Arquivo)

Entre as cidades-sede da Copa, Manaus, Recife, Natal e Cuiabá são as que apresentam os piores índices de saneamento básico, com menos de 40% do esgoto coletado. O resultado consta de estudo divulgado ontem (26) pelo Instituto Trata Brasil, que analisou dados de 2009.

A capital do Amazonas ocupa a última posição desde 2003, quando teve início o levantamento. Lá, apenas 11% da população têm acesso à rede de coleta. Além disso, o índice de esgoto tratado caiu de 38% para 23% em um ano.

Em Cuiabá e Natal, praticamente dois terços dos habitantes não são atendidos pela coleta (confira tabela). O percentual de dejetos que recebem tratamento também é dos mais baixos do país, alcançando 22% e 14%, respectivamente.

Das cidades que receberão o Mundial de futebol em 2014, o destaque negativo é a capital pernambucana. De acordo com o estudo, o percentual de habitantes com acesso à coleta caiu de 47% para 39%.

No ranking geral, que lista 81 cidades com mais de 300 mil habitantes, Recife despencou da 48ª para a 64ª posição em apenas um ano.

O estudo leva em conta dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), compilados pelo Ministério das Cidades. As informações são fornecidas pelas empresas operadores dos serviços nas cidades.

Extremos

O outro extremo da tabela mostra uma situação bastante diferente. As cidades de Curitiba, Brasília e Belo Horizonte, que universalizaram o acesso à água tratada, ocupam as primeiras posições.

Por coletar 85% e tratar 78% do esgoto gerado na cidade, a capital paranaense é a melhor ranqueada entre as sedes da Copa e a quinta na lista geral.

São Paulo (22), Porto Alegre (23), Fortaleza (32) e Salvador (35) também aparecem na metade de cima da tabela. Já o Rio de Janeiro, sede da final da Copa e da Olimpíada de 2016, ocupa apenas a 46ª posição geral.

Além disso, quatro municípios fluminenses aparecem entre os 10 piores em saneamento: Duque de Caxias, Belford Roxo, São João do Meriti e Nova Iguaçu.

Lento

De acordo com o estudo, o Brasil tem mostrado avanços na ampliação dos serviços de saneamento básico, mas as melhorias ocorrem lentamente.

Entre 2003 e 2009, houve avanço de 2,9% no atendimento de água tratada, 12,1% na coleta e 7,8% no tratamento de esgoto. “Apesar de serem números relevantes, são muito baixos para o período”, diz Édison Carlos, presidente do Trata Brasil.

Com isso, o país fica cada vez mais longe da chamada “universalização”, quando a totalidade da população tem acesso aos serviços de saneamento.

O levantamento constatou que apenas 57% do esgoto gerado nos maiores municípios brasileiros é coletado pelas empresas prestadoras de serviço. O índice é ainda mais baixo quando se considera o volume tratado em comparação com o consumo de água, que atingiu média de 39% em 2009.

Para se ter ideia da dimensão dos danos, as 81 cidades despejaram por dia cinco bilhões de litros de esgoto sem tratamento no meio ambiente. O equivalente a duas mil piscinas olímpicas.

A situação só fica melhor em relação à água tratada. O estudo mostra que 66 cidades informaram atender mais de 80% da população com o serviço, sendo que 20 universalizaram o acesso.

Obs.: Segundo a Prefeitura de Porto Alegre, é de 27%, e não 17%, o índice de tratamento de esgoto na cidade.

Portal 2014



Categorias:COPA 2014, Saúde

Tags:, ,

23 respostas

  1. As outras cidades possuem obras grandes de tratamento? Parece que no Rio tem por causa das olimpiadas. Não sei as demais cidades. Alguém sabe ?

    Curtir

  2. Nada a ver com o assunto, mas eu passo na Carlos Gomes todos os dias e reparei neste prédio novo, que ja esta pronto a um bom tempo, mas continua fechado. Alguem saberio o motivo?

    Segue Imagem.

    http://imageshack.us/photo/my-images/689/foto0237s.jpg/

    É logo depois do viaulto da protasio, em direção a plinio.

    Curtir

  3. 1. Com a ETE na Serraria a percentagem de esgoto tratado ficará por volta de 80% se não me engano;

    2. CUritiba é um lixo, não sei porque as pessoas acham lá o máximo. Só porque tem uns jardins e blablabla? A cidade, fora de sua região bonitinha é pior que a região metropolitana de POA. E o povo lá é também, um dos mais “educados” por se acharem os europeus, salvo algumas excessões;

    3. Estou me divertindo com o Google Streetview, com as imagens que entraram de POA. Parece uma cidade sombria, já que tiraram no inverno.

    Curtir

  4. Isso so significa que o Guaíba é nossa cloaca máxima.

    Curtir

  5. Eu contesto o número de 100% dos esgotos coletados. É muito difícil de ocorrer. Já tinha ouvido que era pouco mais de 50% coletado, esta informação me causou surpresa.

    Curtir

  6. Pra quem faltou ‘a aula de matematica no colegio, 77% de 100% e’ melhor que 83% de 87% hehe. Alias, nem precisaria chegar a 77%, bastaria uns 73% de 100% pra ser melhor que CUritiba.

    Curtir

  7. Lembrando que Curitiba trata 83% dos 87% que são coletados… PoA trata 27% dos 100%…

    Curtir

  8. A tabela mostra que POA está bem na foto, com certeza. Mas também mostra que o PISA, que é uma revolução no tratamento do esgoto aqui ainda não vai fazer a cidade alcançar Curitiba, uma cidade um pouco maior. Depois tem uns que não entendem pq a capital paranaense seguidamente é usada como referência 🙂

    Me impressionei com Sampa, mais de 50% daquela cidade é muita coisa.

    Divido da incredulidade do Mobus, e também notei o comentário do Gilberto sobre o tratamento atual de POA.

    Curtir

  9. Lançou o street view da google em Porto Alegre! Merece um post, apesar de só mostrar bairros abaixo da média (toda a restinga e nenhuma rua do centro)

    Curtir

  10. Ano que vem, com o PISA, já estaremos em segundo lugar nesse ranking,

    Curtir

  11. Se alguem dissesse aqui que no Nordeste a maioria da populacao faz as necessidades no mato diriam que e’ preconceito, vejam so’… POA, que e’ o que nos interessa, tem pouco esgoto tratado hoje, mas nao vamos esquecer que o PISA vai elevar esse indice pra quase 80%.

    Curtir

  12. O que significa o termo esgoto coletado exatamente? Eu entendo como sendo esgoto que é coletado por uma rede cloacal, para então ser despejado ou tratado. Essa definição excluiria fossas sanitárias, pois estas descarregam o esgoto diretamente no solo.

    Dizer que é 100% coletado equivale a dizer que não existe nenhuma residência com fossa sanitária. Em Porto Alegre? Acho bravo.

    Curtir

  13. Nossa, vai dar suicidio em massa hoje depois que os que dizem que POA e’ o C* do mundo e pior que cidades do nordeste lerem isso, so’ quero ver…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: