Cais Mauá será nova conexão econômica e social, diz Tarso Genro

Governo do Estado entregou área para execução de obra hoje

O governo do Estado liberou, nesta quarta-feira, a área para a execução do projeto de revitalização do Cais Mauá, em Porto Alegre. O ato marcou o fim de uma negociação de 10 meses, após um acordo com a União sobre o contrato firmado com o Consórcio Porto Cais Mauá do Brasil. Na ocasião, o governador Tarso Genro disse que o empreendimento será uma “nova conexão econômica e social”.

As obras de urbanização na orla do Guaíba, que fazem parte da primeira etapa, devem começar em sete meses, segundo o governo. Já o projeto específico do Cais está previsto para começar em 2013. O porto deve ser parcialmente aberto antes da Copa de 2014.

Correio do Povo



Categorias:Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Tags:,

9 respostas

  1. Comentário do atual Prefeito de Barcelona, Xavier Trias, em entrevista para Zero Hora:

    “O maior acerto foi combinar diferentes usos para o mesmo espaço. Barcelona acredita muito nesse modelo de mistura: reunir em uma área comum serviços, habitação, atividades econômicas e comerciais e também oferta de lazer. Acreditamos que devemos poder viver, trabalhar e aproveitar em qualquer ponto da cidade.”

    O Pontal do Estaleiro iria exatamente ao encontro desse conceito, mas uma certa turminha decidiu votar contra mais uma vez… Como são burros esses espanhóis, deveriam aprender conosco…

    Curtir

  2. Arranha céu?
    Vai ser um prédio de uns 29 andares no maximo, e vão ser apenas 3 prédios, sendo que um deles de altura proxima a essa….

    E que historia o que, é só um muro,.. por mim, que derrubem, mas como eles tem medinho, que deixe assim, com essa idéia da cachoeira nele.

    Curtir

  3. Sou a favor da revitalização da área, mas do que adianta derrubar o Muro da Mauá e contruir em seu lugar um arranha céu ? A vista não seria igualmente tapada ?
    Ainda assim, se for feito, que se opte pela proximida da rodoviária, que por sí só já encobre – com a ajuda dos viadutos e do Trensurb, boa parte da vista do Rio.

    Não tenho me informado sobre o projeto, mas um dos problemas de Porto Alegre é a continua destruição de sua memória. Todos falam em revolução farroupilha e o único prédio que restou daquela época é o palacinho – que não recordo o nome – na Duque.

    O muro, gostando ou não faz parte da memória da cidade e não deve ser esquecido, poderia ser substituído em partes por uma estrutura menor, ou de vidro. Um memorial poderia ser construído expondo o Guaíba e a enchente de 1940.

    Enfim, mudanças mt agressivas são uma constante na nossa cidade.
    Pouca gente sabe que havia uma linha de entricheiramento que cobria todo a cidade, e que até o final do século 19, se concentrava na área do atual centro.

    Espero ter contribuído

    Curtir

  4. ^^

    Seriia diferente… e chamativo… uma verdadeira atração..

    Curtir

  5. ” O prédio mais alto terá 30 andares e os arquitetos estão estudando a possibilidade de construir, no topo, um restaurante giratório.” Segundo o blog da Rosane de Oliveira. Isso sim seria legal turisticamente para o turista que passasse em POA.

    Curtir

    • A minha frase de cima ficou “meio” errada sintaticamente, mas enfim. Interessante que construir um piso giratória em uma “torre” de formato triangular seria muito, mas muito bonito visualmente.

      Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: