Rio Grande do Sul tem a maior incidência de Aids no País

Dados do Ministério da Saúde apontam que Estado tem 37,6 casos a cada 100 mil habitantes

O Rio Grande do Sul é o Estado do País com o maior taxa de incidência de Aids na população, com 37,6 casos a cada 100 mil habitantes. O dado consta no Boletim Epidemiológico 2011, divulgado nesta segunda-feira pelo Ministério da Saúde. A Região Sul também possui a maior incidência do Brasil, com 28,8 casos para cada 100 mil habitantes.

Ainda de acordo com o boletim, entre 1980 e junho de 2011, 608.230 pessoas foram infectadas com o vírus no Brasil. Menos de 1% da população de 15 a 49 anos tem Aids – a taxa de prevalência é de 0,61% e manteve-se relativamente estável entre 2009 e 2010. A prevalência na população masculina é de 0,82% e entre as mulheres de 0,41%.

Diminuição do número de mortes

Em 2009, foram diagnosticados 35.979 casos. Em 2010, esse número caiu para 34.212. O número de óbitos passou de 12.097 para 11.965, na mesma comparação. Nesse último ano, as maiores taxas de incidência foram encontradas na faixa etária de 35 a 39 anos, sendo que os homens têm 49,4 casos em 100 mil habitantes e as mulheres 27,4.

Segundo o Ministério da Saúde, o coeficiente de mortalidade, devido à Aids, foi de 6,3 óbitos por 100 mil habitantes, em 2010. O maior índice foi registrado na Região Sul (9 mortes por 100 mil habitantes).

Correio do Povo – Com informações da Agência Brasil



Categorias:Saúde

Tags:,

5 respostas

  1. Rodrigo e Rafael, POA foi a primeira cidade a ter testagem gratuita e tem o programa mais antigo do país em nivel de prevenção da Aids/HIV. Por sinal, serviu de modelo para o resto do país.

    Soube q eventualmente faltam camisinhas que são distruibuidas nos postos de saúde.

    Acho tb que embora a cidade tenha uma certa liberação sexual, a testagem em maior grau, que faz essa evidencia em numeros. Isso por sinal, era colocado por pessoas da area da saude em POA como um dos fatores… Deveriam fazer uma analise melhor sobre isso!!

    Curtir

  2. Crianças, sabe aquela coisa do nenem vir das abelhas?
    Não é assim.
    Sabe quando o piu piu fica esperto e da vontade de passar a mão na bunda das amigas?
    É quase isso..
    haha

    Eu acho incrivel a capacidade das pessoas pra isso, de se arriscar, sei la, eu morro de medo, em todos os colegios que estudei, dos particulares aos publicos, seempre recebi uma excelente orientação sobre isso, e sei que meus colegas tambem.
    Ainda assim, jovens engravidando e pegando doenças.
    O governo brasileiro tem um baita programa sobre isso, mas o povo faz questão de se arriscar.

    Curtir

  3. Isso não é exatamente ruim, se aqui tem mais casos pode ser porque nos preocupamos mais em realizar o teste, duvido que no nordeste não há mais casos que aqui.

    Curtir

    • Pensei a mesma coisa…

      Não significa que devemos virar as costas para o problema, mas acho que os números da região nordeste do país, por exemplo, não refletem a verdadeira realidade. Muitas pessoas carentes não tem acesso aos exames de HIV ou não procuram realizar o exame por acharem desnecessário. Infelizmente, ainda existe muita ignorância, principalmente entre os mais pobres.

      Curtir

    • Creio que não é issso meu caro, pois conforme reportagem da folha o ministro da saúde aduz que: “Segundo o ministro da pasta, Alexandre Padilha, essa posição não pode ser explicada pelo maior número de testes feitos para detecção do HIV”, referindo-se a regiao sul.
      Fato é que o pessoal no Sul, e principalmente em Poa trepa pra cassete, nao tem como negar, falo isso que já morei em 5 cidades e em 3 estados, e nao existe como aqui, as coisas aqui são, digamos, mais fáceis, hehe … e tb isso se deve a alguma falha de políticas públicas nesse sentido!!!
      Espero que a sociedade e autoridades levem a sério esse alerta das estatísticas!!!!

      Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: