Obras do Memorial Luis Carlos Prestes iniciam em Janeiro

Jornal METRO – 13/12/2011



Categorias:Outros assuntos

Tags:,

21 respostas

  1. Talvez alguns leitores não saibam quem foi Luís Carlos Prestes, esse cidadão comunista, traidor de seu Exército, terrorista, tentou implantar, com o apoio da ex- URSS o comunismo no Brasil (leiam o livro Os Camaradas, de William Waack) em 1935. Sim, eu disse TERRORISTA! Pois bem, o governo usa o nosso dinheiro (o meu e o seu, contribuinte) para homenagear essa pessoa. Me parece que estamos gastando com uma coisa inútil, pois todos sabemos que o Comunismo não deu certo, o muro de Berlim caiu em 1999 e com ele a URSS, lembram?
    Pois bem, então o governo insiste em promover o Comunismo, homenageando certos líderes – que de líder não tem nada – gastando recursos com isso, com ideologia!
    Penso que se este governo estivesse preocupado com saúde, segurança, escolas, trânsito e tantas outras coisas prometidas nas campanhas eleitorais, não estaria gastando tempo, muito menos o dinheiro da prefeitura, doando terreno etc… com uma bobagem dessas. Sinceramente, para as próximas eleições já não tem meu voto!
    Senhores, eu quero ver hospitais e escolas iguais aos nossos prédios da justiça, com turno integral para nossas crianças, com três refeições por dia, com creche, paredes de mármore, hospitais de primeira categoria, onde não temos que marcar com meses, senão anos para conseguir uma consulta ou cirurgia, quero poder optar em colocar meu filho em uma escola pública, sabendo que esta é melhor que uma particular, e assim por diante.
    Nosso país vive hoje uma falta de referencial de líder nacional. Os grandes nomes de nossa república, tais como o Barão do Rio Branco, o Visconde de Mauá, o Duque de Caxias e o Marechal Osorio foram grandes nomes do passado que ainda impulsionam nossa gente. Temos que resgatar os verdadeiros líderes de nossa Nação, para com o exemplo deles caminhar para a frente. Ah, ainda acho que no espaço cedido pela prefeitura caberia um Posto de Saúde modelo, já seria um bom começo para um Brasil melhor para todos.

    Curtir

  2. Que diabos a federação de futebol tem a ver com Luís Carlos Prestes?

    Curtir

  3. prédio fraquíssimo em termos de arquitetura, só pra não perder o costume…

    Curtir

  4. É o que dá ficar só com o conhecimento de História adquirido na escolinha da tia Tetéia… Aí se homenageia Prestes, Brizola, Guevara e outros assassinos ou simpatizantes. Lamentável

    Curtir

  5. Quem foi o marionete Luis Carlos Prestes?

    Porque não importamos uma daquelas centenas de estátuas abandonadas de Stalin, das ex-republiquetas soviéticas, e homenageamos diretamente nosso Líder Máximo?

    Que vergonha…

    Curtir

  6. Ninguém comentou sobre a cara de pau desses que tinham um estacionamento privado em área pública.

    Curtir

    • Olhem o que diz o artigo 13 da Lei Orgânica Municipal, parágrafo 3°, diz o seguinte:

      “O Município revogará as doações que tiverem destinação diversa da ajustada em contrato ou as que não cumpriram as finalidades no prazo de 4 anos”

      O terreno teve ou não teve destinação diversa? Só não prescreveu o direito, mas a destinação era para estacionamento particular? Só se no ato de doação deixaram uma brecha para isso ( o que seria caso de Improbidade administrativa favorecer terceiros…)

      Curtir

  7. A capital da resistência festeja este monumento ao comunismo…

    Curtir

    • Podiam botar do lado de um monumento aos bandeirantes, ou ao do Goldbery… o que mais tem é monumento a gente questionável.

      Curtir

    • Isso é renegar a história… é a mesma ideia da tal Fernanda Melchiona sobre a Castelo Branco. Só que ela defendendo a esquerda e tu, a direita.

      O Brasil teve o Prestes, teve o Castelo Branco, teve de tudo! Esquerda e direita, bons e maus… temos que aceitar a nossa história.

      Curtir

      • Perfeito Gabriel! Além disso, história é história. Sendo má ou boa! E os maus também merecem ser lembrados de uma forma ou de outra, pra que não seja repetida a história! Pra mim os nomes das ruas e avenidas não deveriam mudar. Criem outras então e homenageiem a todos.

        Curtir

      • Homenagear os outros inclui não mudar o nome da avenida, certo?

        Curtir

      • Pela tua lógica, a Alemanha deveria fazer um monumento à Hitler não é mesmo. Só a título de comparação: Na França, um deputado da esquerda quis homenagear Maximilien Robespierre com o nome de uma rua ou praça. O projeto foi duramente critiado por um simples motivo: Robespierre foi o criador do Grande Terror da Revolução Francesa (revolução essa que transformou a França de superpotência para uma mera coadjuvante nos séculos seguintes.

        Curtir

  8. 5x o preço da sede da ospa? E vai servir para o que?

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: