Inter mostra detalhes da reforma do Beira-Rio (atualizado às 19:30)

Parceria com a construtora Andrade Gutierrez foi aprovada em reunião do Conselho

Inter mostra detalhes da reforma do Beira-Rio Crédito: Divulgação / Inter / CP

Após a aprovação da parceria com a construtora Andrade Gutierrez, em reunião do Conselho Deliberativo do Inter, nessa quinta-feira, o clube divulgou hoje o projeto das obras de remodelação do estádio. A reforma deve começar em até 30 dias. De acordo com informações do site oficial do Inter, o clube se adaptará às exigências e padrões internacionais do futebol e estará pronto para sediar qualquer jogo nacional ou internacional.

Confira os detalhes:

Capacidade

A capacidade do Estádio Beira-Rio para os jogos da Copa do Mundo será de 51.300 lugares. Depois da Copa, o Clube poderá estender até 56 mil lugares, com algumas ações, como retirar as cadeiras localizadas atrás do gols, como fazem alguns estádios europeus. O Clube irá decidir então qual será a capacidade, sempre defendendo o máximo de conforto e segurança ao seu torcedor.

Estacionamento

Além das vagas existentes, o torcedor poderá usufruir de um novo edifício-garagem que será localizado próximo à Avenida Beira-Rio, onde hoje estão os campos suplementares do Clube. O edifício terá aproximadamente 3 mil novas vagas para o torcedor. Além disso, toda a área do atual estacionamento será remodelada com um novo piso com premissa ambiental (com blocos de concreto e grama).

Acomodações

O torcedor terá mais espaço para se acomodar. Para se ter uma idéia, a profundidade do degrau da arquibancada para cada torcedor sentar passará de 60cms, em alguns setores, para 90cms, dando mais espaços para as pernas e a circulação. As cadeiras serão retráteis, ou seja, de abrir e fechar, também facilitando a circulação.

Cobertura

O Gigante receberá uma nova e moderna cobertura, construída em estrutura metálica, cobrindo todos os lugares do estádio, inclusive as rampas e os acessos aos portões. A nova estrutura, projetada em módulos, permitirá uma construção rápida e em etapas. Com isso, não haverá necessidade de interdição do estádio.

Anel de circulação

Haverá um anel circundando todo o estádio, que servirá para circulação das pessoas também. Os torcedores de qualquer setor poderão se encontrar neste ambiente, antes e depois das partidas para confraternizarem.

Acesso ao setor inferior do estádio

Os torcedores da parte inferior do estádio vão ter mais portões de acesso e com uma lógica mais moderna. Hoje, o torcedor entra no Beira-Rio na altura do primeiro degrau da arquibancada. Com a obra pronta, o torcedor subirá uma pequena escada até o nível central da arquibancada, podendo se deslocar pra cima, pra baixo ou para os lados. Isso vai fazer com que se diminua a circulação na frente das pessoas que já estão sentadas.

Acesso ao setor superior do estádio

Os acessos não serão mais exclusivos pelas rampas. Haverá mais elevadores além de 16 novas torres de escadas.

Acesso às áreas vip

Otorcedor que estacionar no edifício-garagem terá uma rampa coberta de acesso que sairá do edifício até o nível de acesso às áreas vip.

Evacuação rápida

Com mais portões de acesso e uma lógica mais moderna, o Beira-Rio lotado poderá ser completamente evacuado em apenas oito minutos.

Restaurantes e bares

Haverá mais de mil metros quadrados de restaurantes voltados para o Rio Guaíba e mais bares em todos os setores do Gigante.

Lojas

Estão previstos 44 módulos comerciais à disposição dos lojistas para oferecer seus produtos aos torcedores.

Todo o estádio confortável

Com o estádio totalmente coberto e cadeiras retráteis e com mesmo espaço em todos os setores, haverá mais conforto para todos os torcedores.

Cadeiras vip

A parceira irá disponibilizar 5 mil cadeiras vip em setor localizado na social.

Suítes e camarotes

Passam de 33 para 70 camarotes. Além disso, haverá 55 sky boxes, que serão construídos sob a atual laje de cobertura das cadeiras perpétuas.

Sanitários

A capacidade de sanitários para todos os públicos será quatro vezes maior.

VÍDEOS

VIDEO 1

VIDEO 2


CORREIO DO POVO



Categorias:COPA 2014, Gigante para Sempre (Beira Rio)

Tags:, , ,

7 respostas

  1. Só acho que tanto o Beira Rio quanto a Arena poderiam ter capacidades maiores, no mínimo uns 65.000. Creio que com o maior conforto nos estádios as médias de público devem aumentar, além do que, em jogos importantes, tão comuns em Porto Alegre, a dupla coloca mais de 60, fácil. Aqui em Brasília, que nunca acontece NADA em termos de futebol, vão fazer um elefantão de 75.000 lugares, é dose

    Curtir

  2. Vamos pressionar o Inter para que o entorno saia até a Copa.

    Meus amigos, eles que não venham com a desculpa que não há tempo, a Andrade Gutierrez é uma das maiores construtoras do mundo, faz pontes, barragens, estádios, estradas e outras obras complexas… ou seja, meia-duzia de prédios e uma marina eles farão BRINCANDO!

    Só pra terem uma noção, a OAS entregará a Arena em praticamente dois anos.

    Curtir

  3. Bem, eu ainda não esqueci da perda da Copa das Confederações. Que eles caprichem no estádio para na Copa não fazerem feio, quero entorno trabalhado também!

    Curtir

    • Bem, eu ainda não esqueci da perda da Copa das Confederações. Que eles caprichem no estádio para na Copa não fazerem feio, quero entorno trabalhado também! [2]

      Curtir

      • Bem, eu ainda não esqueci da perda da Copa das Confederações. Que eles caprichem no estádio para na Copa não fazerem feio, quero entorno trabalhado também! [3]

        Curtir

  4. Mesmo com todos os atrazos e problemas e tudo o mais que só acontece no Brasil e em Porto Alegre, pelo visto as coisas estão se encaminhando e os gaúchos terão dois estádios muito bonitos mas com estilos completamente diferentes. Se tornarão com certeza dois pontos de referência na cidade.

    Curtir

  5. Bah demorou para ser aprovada essa parceria. Agora vão ter que correr atrás do tempo perdido para que a conclusão das obras não demore para acontecer.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: