Prefeitura planeja novo mirante no Morro Santa Tereza

ZERO HORA QUE ME PERDOE, MAS ESTA CAMPANHA COMEÇOU COM O BLOG PORTO IMAGEM.

EU CONVERSEI PESSOALMENTE COM O SECRETÁRIO DA COPA – JOÃO BOSCO VAZ – E ESTE COM O SECRETÁRIO DA SMAM – FERNANDO ZACHIA. ISSO HÁ ALGUNS MESES. MOSTREI FOTOS DO ATUAL MIRANTE PRA ELE O QUE O DEIXOU PERPLEXO E COM VONTADE DE FAZER ALGO.

A PARTIR DAÍ COMEÇOU O PLANEJAMENTO DE ALGO.

Escadarias e aumento da área estão entre as novidades que devem ser implementadas em 2012

Um mirante maior e mais atrativo deverá se tornar realidade em 2012 no Morro Santa Tereza, na zona sul da Capital. O projeto, da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam), prevê o aumento da área do mirante e instalação de câmeras de segurança para reforçar o afluxo de visitantes.

Abandonado, pichado e em ruínas, hoje o Belvedere Ruy Ramos, no Morro Santa Tereza, recebe poucos frequentadores. Para reaproximar um dos pontos de melhor vista da Capital de seus habitantes e dos turistas, será preciso qualificá-lo, entende o secretário municipal do Meio Ambiente, Luiz Fernando Záchia.

Para essa missão, o belvedere deverá ganhar escadarias no declive em direção à Rua TVs e um novo ponto de observação junto à Rua Dona Maria – que depende de permuta por um terreno particular. A área total do belvedere se ampliaria de 3,6 mil metros quadrados para cerca de 5 mil metros quadrados, e a obra custaria menos de R$ 400 mil, estima o secretário.

– Não será só para que se possa contemplar a vista, mas também para dar uma oxigenada naquela região – observa Záchia.

As melhorias físicas terão de ser acompanhadas de mais segurança. Além das câmeras de monitoramento, pode ser criado um convênio com a Brigada Militar para atuar no mirante. Outras iniciativas em andamento podem colaborar, voltadas para a comunidade local da Vila Gaúcha. O prefeito José Fortunati destaca essas ações.

– A segurança melhorou. Há um trabalho de parceria feito pela prefeitura, associação de moradores e Hospital Mãe de Deus – disse, referindo-se ao Programa Comunitário Vila Gaúcha, realizado pelo hospital e que atende 110 crianças e adolescentes na região.

REPORTAGEM: ANDRÉ MAGS – ZERO HORA IMPRESSA – 16/12/2011

______________________________

Achei fraco o projeto e estou bastante decepcionado. Onde está a infra-estrutura no entorno para que as pessoas tenham alguma coisa para fazer? Algum restaurante? Alguma lancheria ? Local para comprar souvenires de Porto Alegre ? Lunetas para as pessoas olharem a cidade mais de perto ? 

Pelo menos algumas dessas opções deveria ter sido previsto !!

Vai continuar o mesmo perigo, a mesma população desocupada (pra não dizer outra coisa) a frequentar o local.  

Gilberto Simon

LEIA MAIS AQUI:

https://portoimagem.wordpress.com/2011/07/14/mirante-do-morro-santa-teresa-ficara-assim-para-a-copa-2014/

https://portoimagem.wordpress.com/2011/11/08/blog-encaminha-carta-aos-vereadores-de-porto-alegre/



Categorias:Belvedere do Santa Teresa, Morro Santa Teresa

Tags:, ,

10 respostas

  1. Que grande decepçao e enorme frustraçao. Quer dizer que o projeto “bacana” para a área é uma maquiada para os traficantes? Isso nunca reintegrará a área à cidade. É a Prefeitura de uma metrópole ou de um vilarejo? Nao contaram pra eles que inventaram as ppp’s e a iniciativa privada? Quanta falta de visao. Esse discurso de falta de recursos nao cola mais há muito tempo. Falta competência. Nao se trata de uma praça no meio do Partenon e sim de um dos mais valiosos pontos turísticos da cidade e o ÚNICO que permite a visao da cidade lá das alturas. Alguém explica isso à eles? Se nao entenderem, por favor desenhem. A instalaçao de uma Upp teria mais valia ali do que isso. Só vai ter gente decente no mirante assim nas filmagens da entrega da revitalizaçao meia-boca pra passar na propaganda da campanha eleitoral. Mais do que amadorismo do projeto, há muito mais amadorismo em que está sentado na cadeira oficial. Beira à inocência infantil acreditar no êxito que uma revitalizaçaozinha dessas possa trazer. Alguém acredita?

    Curtir

  2. Investimento privado e interação com a (e não remoção da) comunidade é o segredo para a revitalização de espaços públicos imunes ao abandono e à violência. Segundo a postagem do blog, vão dar uma reformada no local e colocar um PM fazendo ronda de vez em quando por ali. Fraquíssima proposta.

    Curtir

  3. hahahahaa….”revitalizacao” bem ao estilo “”orla da Vila Assuncao”.
    VERGONHA.

    Curtir

  4. Por que Porto Alegre rejeita empreendimentos comerciais em áreas públicas, como o mirante e a orla?

    Nunca há quiosques, bares, restaurantes e pequenas lojas nestas áreas!

    Curtir

    • Ihhh João isto vem de longa data, desde o início da década de 80 quando o prefeito Collares quis construir hotéis, restaurantes e postos de gasolina na recém aberta av Beira-Rio, tambem conhecida como Edvaldo P. Paiva, já naquela época teve a turma do contra, se voce passar a noite ali de carro reze para não ter um pneu furado, pois é completamente ermo, não tem viva alma, pudera não tem pessoas morando, não tem comércio de espécie alguma, ahh mas tem fumadores de crack e outros elementos estranhos. (sem contar o matagal de capim e maricás).

      Curtir

  5. A prefeitura quem paga, então só podia ser algo de improviso.

    Curtir

  6. esse projeto aí tá bem longe de ser “bem bacana”….

    Curtir

  7. Vamos solicitar que eles removam a matéria da ZH pois não pediram autorização ao blog para veicular a mesma 😉 ehehehehe

    como diria um amigo meu, “palha assada”

    agora eles começaram e plagiar informações do blog

    Curtir

  8. Prefeitura pensando pequeno como sempre. Mas bem, ao menos parece algo que vá ser feito mesmo, não promessa de campanha. Provavelmente vai ser um acabamento no estilo da orla da Assunção.

    Curtir

  9. Por que não escavar uma aprte do morro e fazer meio que um restaurante com uma baita vista?

    E em cima dele um mirante gratuito…

    Se bem que não teria movimento suficiente pra manter isso…

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: