Parque Industrial da Restinga receberá novos empreendimentos

O Parque Industrial da Restinga (PIR), criado nos anos 80, é uma oportunidade de crescimento para o Extremo Sul de Porto Alegre. A área, localizada em um dos bairros com maior poder de expansão, vem melhorando sua infraestrutura e gerando ocupação profissional para a população. Até o momento, são 600 empregos diretos e mais de 500 indiretos.

O Parque possui 28 empresas instaladas, atuando em diversas atividades econômicas, tais como: reciclagem em plásticos e papel; produção de estandes; pavimento em cimento; móveis sob medida; placas em granito e materiais da construção civil. Mais quatro novos empreendimentos estarão operando até a metade de 2012, nos seguintes segmentos: moveleiro, edificações, cervejarias, empresas de engenharia, reciclagens de ferruginosos, eletromecânicas e eletrometalúrgicas.

Camelódromo – A Restinga vai receber o segundo camelódromo da Capital, com o objetivo de organizar o comércio informal do bairro. O Centro Popular da Restinga terá 53 boxes, sendo 45 lojas de comerciantes populares, três de frutas, cinco de alimentação e dois sanitários. O empreendimento, na avenida Nilo Wulff, esquina com a estrada João Antônio da Silveira, custará R$ 600 mil.

Sine – Uma nova agência do Sine (Sistema Nacional de Empregos) está funcionando na Restinga para auxiliar os moradores do bairro sobre as condições do profissional no mercado de trabalho. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na rua Ricardo Leônidas Ribas, 35

Prefeitura



Categorias:Economia da cidade

Tags:, ,

%d blogueiros gostam disto: