Avenida Assis Brasil ganhará empreendimento multiuso com 3 torres

A Av. Assis Brasil ganhará um novo empreendimento, entre as Ruas Piauí e Santa Catarina, com 2 torres de 18 andares,  uma torre comercial e um “concept mall”.

Veja as imagens:

 

Enquanto isso, em São Paulo:

Twin Towers Company

2 torres de 35 andares….



Categorias:Arranha Céus, Imóveis, Prédios

Tags:, ,

31 respostas

  1. Tá na hora de porto alegre acordar pra vida,e parar com essas frescuras de conservadores e paranoicos que só atrapalham o desenvolvimento da cidade.
    Verticaliza lógo e ponto final.
    O incomodado que se múde.

    Curtir

  2. Vai chegar uma hora que POA vai ter que lidar com a verticalização, já to vendo gente chata manifestando.
    Se não quer prédios, que more no campo, ou em condomínios.

    Estamos numa cidade grande, cidade grande tem prédios.

    Curtir

    • Gente chata uma pinóia! Vai morar no Líbano meu jovem, vai conhecer a capital pra tu saber como é agradável.

      Curtir

    • Jeclecler, tá certo que haverá uma verticalização da cidade (apesar do crescimento abaixo da média nacional), mas tem que haver regras. O que adianta empoleirar as pessoas num espaço reduzido, em bairros antigos com predominância de casas, destruindo

      Eu já sou da ideia que tem que demolir uma serie de prédios para darem lugar a outros novos e modernos e não destruir parte vegetada ou construir ao lado de casas, praticamente invadindo sua privacidade.

      A cidade carece de praças também.

      Curtir

      • Mas tem lugares que deveriam liberar a verticalização, para não se alastrar ao resto da cidade. Vide Chicago. Não adianta, se não fizerem assim, vai acontecer.

        E quanto ao amigo do Líbano, desconheço e não me apetece conhecer no momento.

        Curtir

  3. Afinal, é proibido ter prédios realmente altos em Porto Alegre? Pq só fazem prédios de no maximo 17 andares? Me situem pois não sou daí.

    Curtir

    • A altura máxima em POA pelo código de Obras e PDDUA é 52m, algo em torno dos 17 andares que comentaste.

      Alguns locais, a base de muita conversa e compensações, eles já estão liberando mais altura (uns 72m senão me engano) como no entorno da Arena do Grêmio e onde é o Zequinha (Menino Deus) e o Olímpico (Azenha) hoje, que serão demolidos.

      Curtir

  4. Os prédios residenciais são HORRÍVEIS, o comercial é mais ou menos e as lojas mto legais.

    Qdo teremos uma arquitetura de fato MODERNA, como as torres de São Paulo?

    Curtir

    • São Paulo segue a linha de raciocínio dos prédios espelhados: a grande maioria tem essa solução, digo uns 75%. Os outros 25% são os que aparecem na revista AU e na Projeto.

      Pessoal acha que SP, Rio e Curitiba são o must do moderno. Não são. Pra mim, BH tá muito melhor nesse quesito e bem menos comentada.
      E sobre o Modernismo: quem defende tanto tá fora de moda, agora estamos na época do Contemporâneo – o Modernismo se foi na década de 60, mas como aqui temos um delay…

      Mas falando do posto: essa torre comercial é igual a do Barra, do Praia de Belas e mais N espalhados por POA, com acréscimo de uns frufrus pra não ficar tão monótono.

      A torre de apartamentos residenciais é a mais pura prova de que resolveram a planta baixa dos apertamentos (não, vcs não leram errado) e a fachada ficou como deu.

      O ponto positivo são as lojas na calçada, isso trás vitalidade pro lugar e não fica aquela cara de comércio de 1,99 que tem lá.

      Só que isso daí vai ser carimbinho: se funcionar ali, vão dar um ctrl c pra vários outros espaços fazendo uma alteração aqui e ali pra não ficar tão igual.

      Curtir

      • Ctrl C + Ctrl V é a parte mais deprimente da arquitetura de Porto Alegre, vide Rossi espalhada pela cidade.

        Curtir

  5. Pouco recuo na calçada numa região que já é árida e já esta com a infraestrutura estourando.

    Curtir

  6. que criativo, mais um prédio bicolor -cor clara, cor marrom- com janelas de calabouço. 60m² por apenas 600mil tmb?

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: