Porto Alegre sediará o 1º Fórum Mundial da Bicicleta

Porto Alegre sediará o 1º Fórum Mundial da Bicicleta, que ocorrerá nos dias 23 a 26 de fevereiro, na Usina do Gasômetro

As vésperas do aniversário de um ano do trágico atropelamento de ciclistas, que ocorreu no dia 25 de fevereiro de 2011 – e que deixou 17 pessoas feridas –, um grupo de ciclistas de Porto Alegre que utilizam a bicicleta para diversos fins, assim como empresários do setor de comércio e serviços gerais, decidiu aproveitar a ocasião e debater com a sociedade o papel da bicicleta nos âmbitos social, econômico, ambiental, esportivo e cultural. Para isso, do dia 23 a 26 de fevereiro será realizado na capital gaúcha o 1º Fórum Mundial da Bicicleta, que contará com diversas atividades e oficinas relacionadas ao tema.

Segundo os seus idealizadores, “o Fórum Mundial da Bicicleta é uma saída criativa para um incidente trágico, que denuncia o quanto nossas cidades não estão estruturadas, e nossas culturas não estão voltadas para tomar cuidado com as pessoas. Pensando nisso, este será um momento para se discutir a bicicleta em todos os seus aspectos: mobilidade urbana, integração comunitária, bem-estar pessoal e social, como esporte, questões econômicas, etc”.

O 1º Fórum Mundial da Bicicleta será realizado na Usina do Gasômetro, sediando os mais variados painéis e oficinas. Somando a isso, a organização prevê também atividades paralelas como exposições e apresentações musicais em outros pontos da cidade.

A programação provisória do evento traz painéis com a participação de expoentes do cicloativismo e das áreas de mobilidade urbana, ciclismo de competição, turismo relacionado à bicicleta e o papel da bicicleta no fomento à economia, bem como oficinas autogestionadas sobre diversos assuntos relacionados ao ciclismo urbano, turístico e esportivo. A participação tanto nos painéis quanto nas oficinas é gratuita e aberta a toda a população.

Bicicletadas e passeios ciclísticos estão previstos na programação

Além das discussões e debates sobre a bicicleta como um meio de transporte alternativo e seus benefícios, passeios especiais também estão previstos nos dias do fórum.

Na abertura do evento, na quinta-feira (23), ocorrerá uma bike city tour, passando pelos principais pontos turísticos de Porto Alegre. Na sexta-feira (24), por se tratar da última do mês, o Fórum se junta à Massa Crítica, com concentração a partir das 18h15 no Largo Zumbi dos Palmares. Para o sábado (25) está programado um ato por cidades mais humanas na Rua José do Patrocínio, na Cidade Baixa, em protesto ao aniversário de um ano do atropelamento. E no domingo (26), ocorrerá um passeio reunindo os conhecedores das bicicletas reclinadas e demais ciclistas.

FMB contará com a participação de um dos idealizadores da Massa Crítica

A vinda do cicloativista e idealizador da Massa Crítica, Chris Carlsson está relacionada com a arrecadação do valor de R$ 3.500 para custear suas passagens aéreas | Foto: Divulgação

Dentre os grandes nomes para a participação do Fórum Mundial da Bicicleta, está previsto a presença de um dos idealizadores da Massa Crítica – que aconteceu em São Francisco, EUA, em 1992 –, o cicloativista estadunidense Chris Carlsson. Além dele, já está confirmada a participação do bicampeão mundial de ciclismo paraolímpico, Soelito Gohr, o diretor geral da Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo (Ciclocidade), Thiago Benicchio e o empresário e cicloativista catarinense Eldon Jung.

Entretanto, como o Fórum está sendo organizado por um coletivo auto-gestionário, cujos participantes trabalham de forma voluntária, para a realização plena do evento é necessário que seja arrecado um valor igual ou superior a R$ 3.500, que será destinado para o pagamento das passagens aéreas de Chris Carlsson, assim como para outros gastos do evento. Para custear tais despesas, a organização lançou uma campanha de crowdfunding no site Catarse, onde é possível fazer contribuições pela internet, a partir de R$ 10,00, até o dia 22 de fevereiro.

Até o fechamento desta matéria, 68 pessoas e entidades já haviam colaborado com a construção do evento, chegando a R$ 2.515 do montante necessário, faltando 21 dias para o prazo final.

André Carvalho – SUL 21



Categorias:Bicicleta, Eventos

Tags:, , ,

7 respostas

  1. Será que vai ter bicicletada pelada?

    Curtir

  2. em POA o pessoal adora fazer foruns para se discutir o nada e a p*rra nenhuma.

    Curtir

  3. ^^ hahaha…verdade!!

    Curtir

  4. numa cidade que não tem nem meio km de ciclovia.

    Curtir

  5. Antigamente eles realizavam foruns, criavam estruturas e muitas dessas estruturas ficavam para a cidade.

    Se não me engano foi assim que nasceu o parque Farroupilha, não?

    Bem que poderiam construir um bicicletario e doar para a cidade.

    Curtir

    • Yep… foi uma doação pra cidade de início, porque era perto dos acessos principais e os comerciantes paravam lá. Fora ter sido palco de libertação de escravos – por isso o nome Redenção.

      Depois, foi palco da Expo Mundial de 1901 que foi de onde surgiu o traçado e ficou como legado pra cidade. Senão me engano, esse traçado é tombado.

      =]

      Curtir

    • Oi Guilherme,
      O Fórum Mundial da Bicicleta está sendo organizado horizontalmente por cidadãos comuns de Porto Alegre com seus próprios recursos. Creio que todos adorariam deixar um bicicletário de presente para a cidade, mas os recursos e o tempo são poucos.

      Se quiseres colaborar com o Fórum, podes fazer uma doação pelo catarse: http://catr.se/AEVNyv

      Se ao final do FMB sobrar dinheiro (acho difícil, mas não é impossível), vou levar nas assembléias a idéia de usar esse dinheiro para a instalação de um bicicletário permanente em Porto Alegre.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: