Rodoviárias: saem editais

Processo para a concessão teve início pelo Interior, mas em 30 dias deverá chegar à Capital

O secretário de Infraestrutura e Logística do Rio Grande do Sul, Beto Albuquerque, encaminhou ontem à Central de Compras do Estado (Cecom) os primeiros editais para licitação de estações rodoviárias com demandas judiciais em sete municípios do Estado. Albuquerque explicou que a Estação Rodoviária de Porto Alegre, que não consta na relação, é um caso especial, já que está em um processo judicial. Até o final deste mês, será lançado edital de manifestações para que em até 90 dias seja realizado pregão eletrônico.

Entre as melhorias que o secretário prevê para o local, está a colocação de cobertura para o deslocamento do usuário até o ponto de táxi e a estação de trem, além da construção de um estacionamento. Ao todo, o RS possui 325 rodoviárias, sendo 32 com contratos novos, assinados entre 2010 e 2011; 13 com contratos válidos até 2015 e 280 que devem ser licitadas, pois os prazos já foram vencidos e só podem ser prorrogados por meio de licitação. O problema é que 78 delas estão com ações judiciais há mais de quatro anos e foram prorrogadas de forma irregular.

Segundo o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), os modelos de editais de licitação das rodoviárias foram homologados pela Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS (Agergs) para as empresas de terceira categoria, com faturamento mensal de R$ 7 mil a R$ 14 mil. As empresas vencedoras terão que oferecer, entre outros benefícios aos usuários, boas salas de espera, acesso à Internet e fraldários. A Secretaria espera enviar todos os editais até o dia 31 de março para que o processo seja concluído até o final de 2012.

Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

Tags:

5 respostas

  1. Tem que melhorar muito as rodoviárias do RS. Viajo muito de ônibus, e as nossas são indubitavelmente as piores do sul do Brasil.

    Curtir

  2. Acho dificil a Veppo abrir mão da rodoviaria, mesmo havendo a licitação, pois se ela administra desde o inicio o local, é óbvio que ela não vai largar o osso tão facil assim, ou seja, vai continuar tudo na mesma, não esperem grandes mudanças não, pois vai ficar aquele troço assim por muitos e muitos anos.

    Curtir

  3. Então a melhoria da nossa rodoviária vai ser um telhadinho? Putz.

    Curtir

    • Nossa… tu já viu o projeto? Afinal, se está criticando DESDE JÁ, é pq conhece o projeto. Nos dá detalhes e imagens então.

      Curtir

    • Não André, mas foi só que divulgaram. Não sei tu, mas eu tenho a impressão que se tivesse algo mais interessante que um telhado isso que seria mencionado, não o tal telhado.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: