Anvisa está a um passo de acabar com a produção de fumo no Brasil

O RS é o maior produtor brasileiro de fumos, respondendo pela metade de toda a safra.

Além do RS, apenas Santa Catarina e Paraná também plantam.

85% de toda a produção é exportada.

Pelo menos 100 mil famílias, apenas no RS, vivem do cultivo, que envolve poderosa cadeia de agronegócio, sobretudo industrial.

Neste momento, a Anvisa ultima audiências públicas para impor restrições ao comércio e proibir misturas aos fumos dos tipos Virginia e Burley, basicamente a totalidade do insumo usado para fabricar cigarros.

Se fizer isto, o RS terá terríveis problemas na sua economia e enfrentará um caos social nas zonas de produção.

O editor conversou segunda e terça-feiras com o Deputado gaúcho Jerônimo Gorgen, que está preocupadíssimo com a velocidade com que a Anvisa poderá editar uma resolução e acabar com a cadeia produtiva do fumo no Brasil.

Milhares de agricultores, trabalhadores da indústria e empreendedores e trabalhadores de todas as áreas da economia, serão lançados na miséria de uma hora para outra.

Nesta terça-feira, a Anvisa realizou audiência pública em Brasília para decidir se impõe restrições pesadas desde agora, inviabilizando o setor, ou se fixa regras de transição para a reconversão das lavouras.

__________________

ENTREVISTA – Não tem sentido acabar com o cigarro

Jerônimo Gorgen, Deputado do PP do RS

A Anvisa quer proibir a produção de fumo no Brasil?

Ela se encaminha para isto.

Já?

Sim, já, imediatamente. Basta uma resolução sua.

O que está sendo feito?

Nesta terça-feira, eu, o Deputado Alceu Moreira e a Senadora Ana Amélia, estivemos com o Presidente da Anvisa, e pedimos cautela.

E?

Ele prometeu não se precipitar. O problema é que são 100 mil famílias apenas na lavoura. Se o governo quer reconverter a produção, terá que dizer o que entrará no lugar do fumo – e fixa ruma política de apoio aos produtores.

E a indústria?

O RS perderá milhares de empregos na indústria e no comércio. Aceitaremos isto? E isto tudo para conviver com cigarro contrabandeado. Isto não tem sentido.

O senhor fuma?

Não fumo, mas não sou burro. Há centenas de anos as pessoas fumam e o fumo ingressou no portfólio econômico como atividade agroindustrial importantíssima.

Políbio Braga

________________

Caso isso se concretize, colocaria em risco toda a economia da cidade de Santa Cruz do Sul, cidade com 118 mil habitantes, que possui o maior parque de beneficiamento de fumo do mundo, com empresas como Universal Leaf Tabacos, Philip Morris, Souza Cruz, Associated Tobacco Company e Alliance One, exportando para todo o planeta, com plantações gigantescas do vegetal. 

Santa Cruz do Sul, capital do fumo no Brasil



Categorias:Economia Estadual

Tags:, , , , ,

61 respostas

  1. A FUMICULTURA TEM QUE ACABAR NO BRASIL ANVISA , HOJE É SÓ MAGNATAS GRANDES PRODUTORES DE FUMO ,OS PEQUENOS FUMICULTORES NO BRASIL FORAM JOGADO , QUE NEM UM PAPEL NO LIXO POR ESSAS MULTINACIONAIS , OS PEQUENOS PRODUTORES DE FUMO FICARAM COM O PÓ NO BOLSO E NOME SUJO NO COMÉRCIO , ANVISA QUEM GOSTA DE FUMAÇA É O ESCAPE DOS CARROS , O SER HUMO NÃO COMBINA COM FUMAÇA , QUEM VAI INDENIZAR AS 200 MIL PESSOAS FUMANTES QUE MORREM TODO O ANO NO BRASIL , QUEM TEM QUE RESPONSABILIZAR COM OS GASTOS MILIONÁRIOS COM A SAÚDE DOS FUMANTES COM TRATAMENTO COM DOENÇAS DOS FUMANTES NÃO O GOVERNO BRASILEIRO E SIM ASSOCIAÇÃO DOS FUMICULTORES , QUEM É A DONA É A SOUZA CRUZ , PESQUISE VEJA O BLOG O ROZIN FUMO , VAI VER COMO FUNCIONA ESSAS MULTINACIONAIS , MAIOR QUADRILHA QUE ATUA NA FUMICULTURA , TEM QUE INVESTIGAR , ABRIR UMA CPI POLÍTICOS .

    Curtir

  2. Eu sou plantador de fumo,mas sei q faz muito mal a saúde por causa do veneno forte q si aplica nas plantaçoes…a minha familia toda sofre com problemas de saúde com isso,e alem do alto custo nas despezas nao sobra dinheiro algum p viver…por mim a plantçao do tabaco ja poderia ter acabado a muito tempo,pois o fumo nao traz benefio nem um, nem p plantador,e muito menos p consumidor (fumante)

    Curtir

  3. Que matéria tendenciosa! Que manchete infeliz! As consultas públicas da Anvisa não tem nada a ver com “acabar com a produção de fumo no Brasil”, como diz o título. Uma fala sobre a proibição de aditivos nos produtos derivados do tabaco. Essas substância são acrescentadas ao fumo após sua colheita para melhorar o seu sabor, tornando a experiência de fumar menos desagradável. O objetivo claramente velado (com o perdão do paradoxo) desta medida é atrair crianças e adolescentes ao tabagismo. Um produto com sabor desagradável poderia afastar estes consumidores, que são o novo alvo prioritário dos fabricantes de cigarro, que precisam desesperadamente formar uma nova geração de consumidores. A segunda consulta fala sobre restrição da publicidade no ponto de venda, e sobre as mensagens alertando sobre as doenças provocadas pelo consumo ou exposição à fumaça do cigarro. Ninguém fala em proibir a fabricação de cigarro, até porque seria burrice, pois o proibido é mais gostoso, e os produtos do tabaco virariam uma droga contrabandeada, que não pagaria impostos, ao invés da droga lícita e erroneamente interpretada como lucrativa pelo governo que é hoje…

    Curtir

  4. Só liberar fumo para bio-diesel. Para fumar proibir.

    Curtir

    • Mas amigo, nao é so p fumante q o tabaco faz mal, mas tambem para as pessoas q vivem no meio das plantaçoes de fumo, e a maioria dos plantadores nao plantam porque querem,mas porque nao tem outra renda,e o pior q hoje em dia,nem mais da p sobreviver com a venda do tabaco…acho o governo deveria estudar e pesquizar algo p substituir essa porcaria do tabaco.

      Curtir

  5. melhor coisa que pode acontecer ..
    isso pode ajudar milhoes de pessoas a para de fumar,por que nao ia ter mais cigarros para o consumo … isso reduzia milhoes de mortes ..
    agora quero ver se isso vai funcionar pq eu tambem fumo..
    isso vai me ajudar ..
    vamos anvisa coloque um fim nisso logo..

    Curtir

  6. Se querem fazer isso com o tabaco, deveriam fazer a mesma coisa com o álcool. Acho que a ANVISA deveria se preocupar também com o destino do etanol e uma forma de substituição de nossos canaviais, já que o açúcar é comprovadamente a pior droga que existe. A última posição da ONU/2010 é que o álcool é responsável direta e indiretamente por 67% dos óbitos mundiais. Mas como Jesus bebia vinho e o álcool é uma droga usada em rituais religiosos,pode ser que ela não faça isso, quer dizer, a saúde não é tão importante assim.

    Curtir

  7. Proibir o fumo, é o estado perder dinheiro do impostos, mas não é usado na saúde. Sou á favor de proibir a plantação de fumo, mas tem que indenizar os produtores. Proibam as propagandas das bebidas alcoólicas, e depois a produção. Mas vai existir a clandestinidade, já que temos drogas proibidas rodando pelas cidades.

    Curtir

  8. Tem vários outros cultivares que são bastante rentáveis, como por exemplo aspargos (a maior parte dos aspargos consumidos no Brasil vem da China e do Peru). Isso para não entrar no mérito de cultivares mais tradicionais que também acabam tendo usos mais nobres que o tabaco…

    Curtir

  9. A preocupação é econômica, especialmente com a perda de postos de trabalho (empregos)? Repito, milhares de pessoas vivem do crack, e um número muito maior vive da cocaína (desde a plantação até a “comercialização”). A posição do Evo Morales é idêntica à de alguns comentaristas aqui. O jogo do bicho também emprega milhares, e é uma gigantesca lavanderia …

    Curtir

  10. Òtimo que a ANVISA regulamente o que é ingerido pela população. Esta de fato não dá atenção ao que é bom ou útil, mas faz e usa o que é gostoso, prazeiroso e que custe pouco esforço, tudo atitudes infantis ou de desinteresse pelo bem-estar. O fumo, ainda que dê atividade econômica a milhares de famílias, também deixa muitos milhões órfãos de pais e mães fumantes mortos, além do custo à sociedade da doença provocada pelo cigarro. Regulamentando ou dificultado o plantio, começa-se a plantar produtos saudáveis à população, mesmo a nível mundial. Digamos juntos: ‘fumo embora desti vício’!!

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: