Governo estadual segura área e já atrasa Cais Mauá em três meses

O empreendimento corre risco, porque Munné e Bertin ameaçam levantar acampamento e ir embora, já que atribuem a demora à má vontade do governo estadual.

Passados três meses da cerimônia pública que ele mesmo promoveu, o governo gaúcho do PT ainda não publicou no Diário Oficial o ato de imissão de posse da área e dos 26 armazéns do porto de Porto Alegre, onde o grupo espanhol de José Munné e o grupo brasileiro Bertin investirão R$ 550 milhões.

O governo estadual não explica o que acontece.

Num trecho de 3,7 kms que vai da usina do Gasômetro até a Rodoviária, sairão shopping center, hotel 5 estrelas, marinas, casas noturnas, restaurantes, equipamentos culturais e lojas de utilidades.

O chamado muro da Mauá, que separa a zona central da cidade do rio Guaíba, permanecerá no local, mas sumirá sob uma perene cachoeira artificial.

Há 20 anos, desde o governo Britto, governo estadual e Prefeitura tentavam tocar o projeto Cais Mauá, mas manifestações devastadoras protagonizadas com o apoio do PT impediram o empreendimento.

Até o momento, 13 dos 26 armazéns do porto foram totalmente desocupados, mas a Cais Mauá Brasil não consegue sequer instalar seus escritórios, o que esperava ter feito em dezembro.

O início imediato das obras renderia um trunfo eleitoral para o Prefeito José Fortunatti e aparentemente o governo estadual, que é do PT e tem outro candidato.

Políbio Braga



Categorias:Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Tags:, ,

18 respostas

  1. É o que dá ter o mentiroso como governador do Estado…

    Curtir

  2. Tanto PT como PSDB é a mesma coisa. Me recuso a votar em ambos.

    Curtir

    • Eu pensava assim tambem, mas atualmente acho que o PT e’ bem mais nocivo do que o PSDB. Ate’ o DEM, que so’ tem ladrao, e’ preferivel ao PT.

      Curtir

  3. Vocês não estão entendendo!

    O Tarso tá fazendo ajustes no projeto para transformar o Cais Mauá no Centro Cultural Cesare Battisti.

    Quando o terrista… opa, digo…. herói morrer ele vai ser mumificado e exposto em um caixão de vidro que nem Lenin.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: