Uma imagem: centro ainda degradado

Foto feita ontem, 19/03, ao passar pela Elevada da Conceição.

Deveria ter algum projeto que financiasse a recuperação destes prédios. A prefeitura deveria fazer um levantamento e autuar os proprietários. Este é um exemplo da degradação pela qual passa ainda o nosso centro. E não vejo horizonte de melhora para casos como este.

 



Categorias:Restaurações | Reformas, Revitalização do centro

Tags:, , , ,

16 respostas

  1. A Prefeitura tem que fiscalizar os prédios abandonados e chamar seus proprietários à responsabilidade, endereço ela tem ou eles não pagam IPTU? Quanto a viadutos e elevadas todas as cidades inundadas por automóveis precisam deles, praticamente em todas as cidades do mundo eles existem.

    Curtir

  2. Os comentários sobre barulho dizem tudo: o governo que criou o problema ao gerar aquele minhocão horrível. E o pior: vão fazer outro ali para resolver outro problema de tráfego de automóveis.

    Curtir

  3. Se fosse em São Paulo nem notariam o desleixo rsrsrs

    Curtir

  4. Já deveriam ter feito uma reforma urbana em grande parte da avenida Farrapos há muito tempo. Botar abaixo todos aqueles prédios velhos e decadentes. Acho que estão esperando os mesmos virarem patrimônio histórico, aí é que nunca mais se poderá fazer nada… Atualmente é um péssimo cartão de visitas para quem chega na cidade.

    Curtir

  5. Tem um monte de prédios ruins também na av. Mauá, Voluntários e Farrapos, a prefeitura poderia dar uma fiscalizada, acabam virando ruínas e ponto de consumo de pedra e outras coisas. Mas as cidades grandes todas passam por isso, algumas recuperam estas zonas degradadas, dando um novo uso a estes prédios, o problema em PoA é que tudo custa muito para acontecer!!! “passo de formiga e sem vontade”

    Curtir

  6. Tem diversos prédios no centro que são legítimos escombros, e não só em vias de alto tráfego de veículos. O mais famoso de todos é o esqueleto da Praça XV que já é marca registrada do centro.

    Curtir

  7. Eu não quero ser um cara otimista demais, no entanto tenho visto muitas cidades que mudaram. Acho que Porto Alegre está passando por uma transformação lenta e definitiva.
    Quando as cabeças das pessoas mudarem, a cidade vai dar um salto de qualidade no seu social, na sua arquitetura e na sua modernidade. Essas coisas são dinâmicas. Esperem!

    Curtir

    • Acredito que já está mudando. Pressões por melhoria do transporte coletivo, organização dos camelôs do centro, Massa Crítica… Tenho impressão que a mudança nas pessoas está bem mais rápido que o poder público.

      Curtir

  8. Demorou peguem uma turma.da prefeitura ponham em um micro onibus e deem uma bolta pela cidade, localizem todos os “bunkers” , casas e predios depredados e os autuem “Arruma esta propriedade ou as multas vao pegar”.

    Curtir

  9. Esse é o problema de dar enfoque exagerado à mobilidade por automóvel. Ainda que se ganhe em “trafegabilidade” ou velocidade média dos deslocamentos, as regiões próximas a essas vias elevadas e de alta velocidade ficam degradadas urbanisticamente. Além da questão do barulho e da poluição, a própria vida urbana morre nessas regiões. Pedestres evitam andar por esses lugares, as calçadas ficam cada vez menores e menos convidativas.

    O espaço público tem duas funções principais, que são de deslocamentos e de convívio social. A prioridade que se dá a viadutos e vias expressas ignora essa segunda função. No caso da trincheira da Anita Garibaldi, por exemplo, não há dúvidas de que o objetivo de facilitar a “mobilidade urbana” está se sobrepondo ao papel de convívio social e bem-estar da região.

    Curtir

  10. Precisa de uma reforma grande nesses prédios..
    Mas quem geralmente aluga ali, usa para depositar produtos, ou é puteiro… ai fica complicado…
    O barulho deve ser grande mesmo, tinha que ter algo pra acustica nos prédios… é uma situação bem complicada mesmo…. Alguns poderiam ir para o chao, as empresas poderiam repensar e construir algo totalmente novo… mas não da pra derrubar qualquer prédio…

    Curtir

  11. Ano passado eu estava à procura de ap nessa região. Visitei um de frente para esse prédio, lado oposto da elevada mas com todas janelas viradas para ela. O ap era bom e confortável, mas o barulho insuportável. 30 minutos que me senti ao lado de um gerador à diesel, pelo barulho e pelo cheiro. Acho que as coisas não vingam ali por esse ou outro motivo. Mas com certeza, são centenas de unidades abandonadas no centro de Porto e isso precisa mudar.

    Curtir

  12. Quando eu passo um tempo longe de Porto Alegre ou sem ir ao centro e passo por lá a impressão é muito ruim! O Centro de Porto Alegre se tornou um paradão de ônibus e prédios velhos!

    Curtir

  13. Por isso que eu digo sempre, mais do quem uma reforma agrária, o que o Brasil precisa é de uma REFORMA URBANA, pois existem milhões de unidades habitacionais esperando para serem desapropriadas, reformadas e repassadas para cidadãos que, com esforço de seu trabalho, poderiam pagar por esse imóveis.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: